Dia das Crianças teve 170% a mais em tentativas de fraudes que em 2020

Levantamento que apontou mais de 151 mil ações fraudulentas analisou o período de 29 de setembro a 12 de outubro.

O Dia das Crianças deste ano teve aumento de 170,4% no número de fraudes evitadas no comércio eletrônico brasileiro, subindo de 55.880 pedidos potencialmente fraudulentos em 2020 para 151.114 neste ano. Em termos financeiros, foram R$ 124,67 milhões em fraudes evitadas no varejo virtual em 2021, contra R$ 66,43 milhões no ano passado – crescimento de 87,59%.

Os dados são do levantamento da ClearSale, que avaliou o período entre 29 de setembro a 12 de outubro, e foram analisados somente pedidos pagos com cartão de crédito.

As categorias que geraram maior número de fraudes evitadas neste ano foram: celular, eletrônicos, bebidas, drogarias e automotivo. Em 2020, a lista foi composta por alimentos, celular, eletrônicos, bebidas e joias.

Já analisando pelo valor dos produtos, as categorias com maior índice de possíveis ações fraudulentas foram: eletrônicos, bebidas, ferramentas, celular e automotivo. No ano passado, o Top5 foi preenchido por eletrônicos, celular, joias, bebidas e magazine.

Já segundo a Pesquisa de Tecnologia Bancária 2021 (ano-base 2020) realizada pela Federação Brasileira de Bancos (Febraban), o mobile banking tornou-se o canal dominante, responsável por 51% das transações bancárias.

O levantamento da Febraban mostra que o aporte de recursos em tecnologia aumentou 8% em 2020, chegando a R$ 25,7 bilhões. Desse total, 10% do valor foi destinado à cibersegurança. Outras prioridades foram inteligência artificial e trabalho remoto.

A pesquisa ainda aponta que depois dos governos, o setor bancário é o maior investidor em tecnologia no Brasil e no mundo. Isso mostra que os bancos são geradores de inovações para o oferecimento de serviços com mais valor agregado, eficiência e redução de custos.

Com as normas que contribuem para a proteção das informações, o Brasil passou da 71ª posição para a 18ª no Índice Global de Segurança Cibernética 2020, ranking realizado pela União Internacional de Telecomunicações (UIT), agência especializada em tecnologia da informação e comunicação da Organização das Nações Unidas (ONU).   O Índice da UIT mede as iniciativas dos países para enfrentar os riscos cibernéticos. A pontuação obtida para o ranking avalia cinco aspectos: jurídicos, técnicos, cooperativos, organizacionais e de capacitação. O objetivo da avaliação é ampliar a conscientização sobre os compromissos das nações em relação à cibersegurança, identificar os pontos fortes e as áreas que precisam de melhorias.

Esse avanço deixa o país como terceiro colocado da América, ficando atrás somente dos EUA e Canadá. A posição conquistada pelo Brasil demonstra que mesmo diante de um cenário de pandemia, o país tem o compromisso de reduzir as ameaças à cibersegurança.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Fed lista prós e contras da moeda digital do Banco Central

Meio de pagamento seguro para empresas e famílias, mas pode representar ameaça à estabilidade financeira.

Criptomoedas derretem; para FMI, ameaça à estabilidade financeira

Bitcoin negociado abaixo de US$ 40 mil; após pandemia, criptos acompanham movimento de ações.

Consultoria em que Moro trabalhou ganhou 75% com empresas da Lava Jato

Segundo revista, Alvarez & Marsal faturou R$ 42,5 milhões com honorários de companhias investigadas.

Últimas Notícias

Electrolux lança desafio para arquitetos e designers de interiores

A Archademy, primeiro Market Network de Arquitetura e Design de Interiores do Brasil, abre inscrições para a edição do seu Archathon Electrolux 2022. O...

Gestão do Hopi Hari ganha na justiça e se mantém no parque

A gestão do Parque Temático Parque Hopi Hari acaba de obter decisão favorável, proferida pelo Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, para...

Bancos chineses registram compra líquida de divisas em 2021

Os bancos chineses registraram uma compra líquida de divisas em 2021, pois a taxa de câmbio do iuan permaneceu geralmente estável e os fluxos...

RNI: Plano de negócio tem o melhor resultado dos últimos 7 anos

Prévia do 4T21 da construtora e incorporadora RNI, do grupo Empresas Rodobens, indica resultados superiores aos últimos sete anos. A empresa, que completou 30...

Chile quer renacionalizar cobre e bens públicos estratégicos

A campanha pela renacionalização do cobre e dos bens públicos estratégicos entregues às transnacionais durante o governo de Augusto Pinochet (1973-1990) tem sido impulsionada...