Diesel está 29% acima do preço internacional e gasolina, 21,9%

534
Posto de combustíveis (Foto: Rovena Rosa/ABr)
Posto de combustíveis (Foto: Rovena Rosa/ABr)

Nesta segunda-feira (11), o preço cobrado pela gasolina ficou 21,90% acima do que seria esperado pela política de preços de paridade internacional da Petrobras (PPI), e o diesel fechou 28,98% a mais. Os cálculos são do economista Cláudio da Costa Oliveira.

“É preciso que a sociedade brasileira cobre uma imediata redução dos preços da Petrobras. Estamos pagando uma conta absurda indevida”, protesta Oliveira. “O fato é que desde o último aumento em 11 de março, tanto o câmbio como o preço internacional do petróleo vêm caindo e ninguém informa”, acrescenta o economista, que mantém o site Soberano Brasil.

No final de março, a gasolina estava 9,38% acima do PPI. O diesel, na mesma ocasião, estava 15,69%. Em abril, a sobrevalorização só fez aumentar.

Nos últimos 12 meses, o preço da gasolina nas bombas subiu 27,48%; o diesel aumentou quase 50%. Os cálculos foram feitos pelo Dieese para a Federação Única dos Petroleiros (FUP). Desde janeiro de 2019, início da gestão do presidente Jair Bolsonaro, a gasolina teve reajuste de 155,8%, e o diesel, de 143,2%.

Espaço Publicitáriocnseg

Leia também:

Diesel sobe mais de 15% nas bombas após última alta anunciada

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui