Do Canadá ao Chile, transformações em andamento

Revoltas contra a direita e a deterioração das condições de vida se espalham pelo mundo. Qual será o resultado?

Ventos fortes movimentam a política mundial. No Reino Unido, Boris Johnson coleciona derrotas; nos Estados Unidos, Donald Trump está cada vez mais acuado pelo impeachment; na Alemanha, a administração municipal de Berlim aprovou congelamento dos aluguéis por cinco anos, para tentar segurar a escalada dos valores; em Portugal, o centro-esquerda e a esquerda amassaram a direita.

No Canadá, o primeiro-ministro Justin Trudeau conseguiu uma vitória apertada diante dos conservadores e deverá, para aprovar suas propostas no Congresso, compor com o NDP (New Democratic Party). Jagmeet Singh, líder do NDP, filho de imigrantes da Índia, é o primeiro não-branco a liderar um partido federal canadense. Sua plataforma inclui iniciativas progressistas, como um programa nacional de medicamentos que seria bancado com um imposto sobre os ultrarricos.

No Peru, no Equador e no Haiti, revoltas contra a deterioração das condições de vida. Na Bolívia, Evo Morales enfrenta contestação inédita. No Chile, primeiro aluno da escolinha do mundo neoliberal, as manifestações estão tendo resultados trágicos, com o emprego de violência desmedida pelas Forças Armadas.

A atuação dos militares, em todos esses países latino-americanos, e a crescente movimentação das Forças Armadas no Brasil acrescentam um ingrediente ao quebra-cabeças. Convulsão social, que faria as manifestações de 2013 parecerem tímidas, já é esperada por alguns cientistas sociais e analistas políticos brasileiros.

A reação a anos de concentração de renda e poder e eleições que se desfazem tão logo os eleitos tomem o poder não é algo imprevisto. A ausência de direção clara e lideranças expressivas no campo popular torna os resultados surpreendentes. A guerra híbrida deixa análises mais complexas. O jogo está sendo jogado.

 

Balbúrdia

O Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), ligado ao Ministério da Educação, está quase parando, por não contar mais com equipe de suporte de TI, que era terceirizada. Para seguir operando, montou uma força-tarefa com servidores de outras áreas, mas que não tem a especialização necessária.

Entre as atividades do FNDE está o Censo Escolar 2020, cujas informações são usadas para calcular quanto cada estado e município receberá da União.

 

Lições aprendidas?

Após entrevistar o ex-presidente Lula, o economista Luiz Gonzaga Belluzzo saiu exultante: “Foi uma lição de como se administra um país, como se define prioridades.” Entre as lições está colocar novamente Henrique “BankBoston” Meirelles no BC, como ocorreu nos 2 mandatos de Lula?

 

Rápidas

Paulo Nogueira Batista Jr. lança no Rio de Janeiro seu livro O Brasil não Cabe no Quintal de Ninguém (Ed. LeYa Brasil) nesta quinta-feira, às 19h, na Livraria Argumento do Leblon. Haverá bate-papo do autor com o embaixador Adhemar Bahadian e com a economista Inês Patrício (UFF) *** O Ciclo de Debates Pensar Brasil será realizado pelo Instituto Brasileiro de Estudos Políticos (Ibep), com o apoio da Fundação Friedric Ebert, em outubro e novembro. Serão quatro mesas-redondas. A primeira debaterá “O Brasil na Ordem Mundial”, nesta quinta, às 18h30, com o ex-ministro Celso Amorim, entre outros. Será na Associação Scholem Aleichem – ASA (R. São Clemente, 155, Botafogo, Rio de Janeiro, RJ) *** O Caxias Shopping recebe de 25 a 27 de outubro a Mostra de Orquídeas do Orquidário Binot *** As coaches Ana Paula Freitas e Lili Carris ministram curso de formação em barras de access, no próximo dia 26, na Barra da Tijuca (RJ). Contatos em bit.ly/BarrasdeAccess26deOutubro *** A Associação Brasileira da Indústria de Máquinas (Abimaq) organiza o curso “LinkedIn para Vendas e Carreiras”, 5 de novembro, no Rio de Janeiro, com Vera Lorenzo. Mais informações em abimaq.org.br/cursos *** A FGV EPGE receberá nesta quarta-feira o presidente da Caixa, Pedro Duarte Guimarães, que fará a palestra “Estratégia na Caixa”, a partir das 15h *** A Convenção ABF do Franchising começa nesta quarta e vai até domingo no Hotel Transamérica, na Ilha de Comandatuba, na Bahia. Na sexta, o CEO da rede Megamatte, Julio Monteiro, falará sobre “A Importância da Consultoria de Negócios no Franchising” *** O Almoço do Empresário da Associação Comercial do Rio de Janeiro (ACRJ) receberá o presidente do Banco do Brasil, Rubem Novaes, nesta sexta, às 11h30.

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Guedes esperava muito da educação

Setor educacional prometeu, mas ainda não cumpriu.

Petrobras também foi ao mercado em Londres

Estatal criou subsidiária na década de 80 para atuar nas Bolsas.

Petroleiras ganham dinheiro no mercado, não com produção

Desde a década de 1980, companhias viraram empresas financeiras.

Últimas Notícias

Câmara rejeita ‘PL antiterrorismo’

A Câmara dos Deputados rejeitou nesta quarta-feira a urgência para votar o Projeto de Lei (1595/19) que cria uma polícia política que permite ao...

Programa AceleraD’Or de Mentoria entra em fase decisiva

Em fase decisiva para a escolha das 10 empresas participantes do projeto, o Programa AceleraD’Or de Mentoria, patrocinado pela D’Or Consultoria, teve repercussão positiva...

Aconseg-RJ mostra um 2022 promissor para as assessorias

Em reportagem especial da edição, os executivos confirmam a rápida resposta do setor e sua adequação aos tempos de desafios que foram superados com...

Inovação em Seguros concederá NFTs a vencedores

Uma das novidades do Prêmio Antonio Carlos de Almeida Braga de Inovação em Seguros, promovido pela Confederação Nacional das Seguradoras (CNseg), será a concessão...

Anbima projeta taxa de juros em 11,75% em 2022

A taxa de juros deve voltar a dois dígitos no início do próximo ano e chegar em 11,75% no mês de maio, de acordo...