Do limão deve ser feita uma limonada

Mudar os padrões de trabalho pode resultar em benefícios para trabalhadores, sustenta banco europeu

A revolução nos padrões do trabalho no mundo pode se tornar uma oportunidade se adotados os procedimentos corretos. Este pode ser um resumo simplificado do estudo Work in Transition, do Banco Europeu para a Reconstrução e o Desenvolvimento (Berd). A instituição analisa a reviravolta no trabalho global e seus efeitos nos países onde atua.

Os avanços tecnológicos, eliminando o trabalho de média qualificação, estão tornando o mercado de trabalho polarizado entre setores de alta e baixa qualificação, um desafio em regiões que sofreram desindustrialização e que enfrentam níveis relativamente altos de emigração por trabalhadores qualificados.

Como a automação está afetando um número crescente de empregos em todo o mundo, o relatório identifica os sistemas educacionais ultrapassados como um obstáculo para a qualificação profissional dos trabalhadores. Nas regiões do Berd, a percentagem da população considerada com bom npivel em TIC (tecnologia da informação e comunicação) varia entre 33%, na Estônia, a 10%, na Turquia. Além disso, em muitos países onde o Banco investe, a escassez de habilidades tem crescido com a emigração de trabalhadores qualificados.

O economista-chefe do Berd, Sergei Guriev, afirma no prefácio do estudo: “Mudar os padrões de trabalho pode resultar em benefícios agregados tangíveis. Além disso, uma distribuição justa desses benefícios é eminentemente viável. O futuro do trabalho implicará muito trabalho, mas esse futuro pode e deve ser brilhante.”

 

Minhoca da terra

O Sindicado Nacional dos Auditores Fiscais Federais Agropecuários (Anffa Sindical) apoiou a nomeação da deputada federal Tereza Cristina para ministra da Agricultura. “A deputada já demonstrou, inúmeras vezes, competência, dinamismo e conhecimento acerca do setor agropecuário”, sustenta a entidade.

 

Finalista

O professor Bayard Boiteux é um dos cinco finalistas do Prêmio Nacional de Turismo, concedido pelo Ministério do Turismo e pelo Conselho Nacional de Turismo, na categoria Academia. Boiteux disse que já se sentia vitorioso: “Sempre tive como objetivo compartilhar os poucos conhecimentos que tenho em meus livros, palestras e aulas e colaborar com o aperfeiçoamento e reciclagem da mão de obra.”

Boiteux é responsável por inúmeras pesquisas em turismo e dirigiu cursos como o da UniverCidade e, recentemente, o da Unisuam. É responsável por um canal gratuito de capacitação turística no YouTube e já publicou mais de 35 livros e 5 mil artigos.

Os vencedores serão conhecidos em 5 de dezembro na Cidade das Artes, no Rio de Janeiro. A votação para escolher os premiados está aberta: www.turismo.gov.br/component/content/article.html?id=12112

 

Tutela antecipada

O general da reserva Fernando Azevedo e Silva, assessor do presidente do Supremo, Dias Toffoli, será o ministro da Defesa do (nem tão) novo governo.

 

Rápidas

A 58ª Feira da Providência reunirá cerca de 200 expositores, de 28 de novembro a 2 de dezembro, no pavilhão 4 do Riocentro. O evento é a principal fonte de recursos para os projetos sociais do Banco da Providência *** Princípios Gerais de Direito Aplicados ao Contencioso Fiscal Paulista é o título do livro escrito por 19 autores, com prefácio do jurista Ives Gandra da Silva Martins e coordenação de Jandir J. Dalle Lucca e Maria Odete Duque Bertasi. O lançamento será na editora Lex (Avenida Paulista, 1337, 23º andar, Sala Santos), dia 22, às 19h *** O Instituto Doméstica Legal, representado pelo seu presidente, Mario Avelino, vai receber no próximo dia 21 o prêmio Selo de Participação Legislativa 2018, homenagem feita às entidades da sociedade civil que tiveram papel de destaque nos trabalhados desenvolvidos pela Comissão de Legislação Participativa da Câmara dos Deputados, presidida pelo deputado Pompeo de Mattos. O evento será no Salão Nobre da Câmara, às 16h30 *** O ônibus do Busucão, projeto do Instituto Apaixonados por Quatro Patas, estará no Caxias Shopping dia 17 para realizar uma campanha de vacinação e adoção de animais, das 11h às 16h *** Na semana das celebrações do Dia Nacional da Consciência Negra, o Arquivo Nacional, em parceria com entidades, organiza o Festival Global de Povos Tradicionais – Africanos e Afro-diaspóricos, de 19 a 21, no IFCS/UFRJ, Arquivo Nacional, Unirio e Teatro João Caetano.

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

Artigos Relacionados

No privatizado Texas, falta luz no inverno e no verão

Apagões servem de alerta para quem insistem em privatizar a Eletrobras.

A rota do ‘Titanic’: ameaça de apagão não é de agora

‘Por incrível que pareça, no Brasil, térmicas caras esvaziam reservatórios!’

TCU confirma que União paga R$ 3,8 bi de juros e amortização por dia

Mais de ¼ dos títulos da dívida pública vencem em 12 meses.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

Objetos do Coração ajuda o Pró Criança Cardíaca

E-commerce que vende objetos para casa e decoração exclusivamente em formato ou com estampa de coração vai doar 10% da venda de produtos selecionados...

Empresa Fácil oferece estudo de viabilidade a novos empreendedores  

Sistema permite a emissão do Alvará Provisório em 24h.

Fatores comportamentais podem influenciar nos acidentes de trabalho

Psicóloga e uma assistente social e também técnica de segurança do trabalho criaram o jogo Conversa Segura.

Reclamações sobre serviços de telecom caem 28,4% em maio

O número de reclamações de usuários dos serviços de telecomunicações caiu 28,4% em maio de 2021 na comparação com maio do ano passado, segundo...

EMS explica faturamento com o ‘kit Covid’

farmacêutica brasileira EMS informou à Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Pandemia que faturou R$ 142 milhões com medicamentos do kit Covid-19 em 2020,...