28.1 C
Rio de Janeiro
domingo, janeiro 24, 2021

Elas

Dos 412.235 advogados profissionais na ativa no Brasil, 42% são mulheres. A maioria delas trabalha em escritórios da Região Sudeste. Os dados, do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), reforçam os motivos para as mulheres – e, claro, os homens – comemorarem a ascensão feminina no mercado de trabalho nacional. Em São Paulo, estado com maior número de profissionais registrado na OAB, dos 160.514 advogados, 91.083 são homens e 69.431 mulheres, que já são maioria na faixa etária de 21 a 35 anos.  Nesta faixa etária, são 38.352 advogadas e 32.586 advogados. Uma sinalização sobre o predomínio feminino na categoria no futuro.

Dupla jornada
O Sebrae terá uma política específica para incentivar as mulheres na abertura de empresas e pequenos negócios. Pesquisa aponta o aumento da presença das mulheres na população empreendedora do país, que subiu de 29%, em 2000, para 46%, em 2003. Ou seja: dos 14 milhões de empreendedores, 6,5 milhões são do sexo feminino. Entre os produtos que vão atender a essa nova política consta a criação do Prêmio Mulher Empreendedora, para homenagear experiências empreendedoras femininas individuais e também as coletivas com foco no associativismo. Ele será entregue anualmente, sempre no Dia Internacional da Mulher, 8 de março.

Caixa alta
Empresários que representam mais de um terço do PIB nacional recebem o ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Luiz Fernando Furlan, no próximo dia 22, para um almoço com debate no Hotel Grand Hyatt, em São Paulo. O regabofe é promovido pelo Lide – Grupo de Líderes Empresariais e será o quarto grande encontro feito pela entidade, criada há nove meses. São esperados 170 empresários dirigentes das maiores companhias privadas que atuam no país, nacionais e estrangeiras.

Missão
O presidente da Confederação Britânica da Indústria (CBI), Digby Jones, reuniu-se ontem com dirigentes do Sistema Firjan/Sebrae em busca de novos negócios e investimentos para os empresários ingleses no Estado do Rio de Janeiro. Confecções de moda íntima, mármores e granitos, além do óbvio petróleo, são setores que podem interessar aos britânicos.

Meu Rei!
Este ano começa tão terrível para os jornalistas da Bahia quanto foi 2003. Segundo a Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj), 89 profissionais foram demitidos de janeiro de 2003 a fevereiro de 2004. As demissões se concentraram no Correio da Bahia e em A Tarde; neste último cerca de um terço da redação foi dispensada. Ao mesmo tempo em que as vagas da categoria são reduzidas drasticamente, o estado, com cerca de dez cursos de Comunicação, despeja anualmente centenas de novos jornalistas no mercado de trabalho.

Futuro
O Ciclo de Debates sobre Fundos de Pensão reunirá no Rio, no próximo dia 10, especialistas sobre o tema, como Luiz Leonardo Cantidiano (CVM), Sergio Rosa (Previ) e Wagner Pinheiro (Petros). Promovido pela Cyrnel International (consultora de instituições de investimento) e pelo Ibmec Businees School, o evento será realizado no Centro de Convenções da Bolsa de Valores do Rio de Janeiro. Informações pelo telefone (21) 3284-4000.

Custo Brasil
Portadores de uma aversão auto-explicativa a CPIs já calculam em R$ 4,4 milhões o suposto prejuízo ao Tesouro Nacional que teria sido causado pelo anúncio do discurso do senador Almeida Lima (PDT-SE). Para quem se assustou com o número, saiba que representa R$ 1 milhão a menos do custo Palocci/120 segundos. Ou seja, aquilo que o país gastou ano passado em dois minutos com pagamento de juros, o equivalente a assustadores R$ 5,4 milhões

Artigo anteriorRisco Brasil
Próximo artigoCredenciais
Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

Artigos Relacionados

Incerteza da população ou dos mercados?

EUA e Reino Unido espalham suas expectativas para os demais países.

É hora de radicalizar

Oposição prioriza impeachment, mas sabe aonde quer chegar?.

Soja ameaça futuro do Porto do Açu

Opção por commodities sobrecarrega infraestrutura do país.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

Copom está alinhado com maioria da expectativa do mercado

Considerando foco na inflação de 2022, estamos considerando agora que BC começará a aumentar Selic em maio e não em agosto.

Primeira prévia dos PMI’s e avanço da Covid-19

Bolsa brasileira sucumbe ao terceiro dia de queda, mediante aos temores fiscais.

Exterior em baixa

Queda acontece em meio às preocupações com problemas para obtenções de vacinas.

Más notícias persistem

Petróleo negociado em NY mostrava queda de 2,60% (afetando a Petrobras), com o barril cotado a US$ 51,75.

Mercado reagirá ao Copom e problemas internos

Na Europa, Londres teve alta de 0,41%. Frankfurt teve elevação de 0,77%. Paris teve ganhos de 0,53%.