Em defesa da ciência e da tecnologia nacionais

A Associação Nacional de Pós-Graduação em Ciências Sociais (Anpocs) encerrou seu 41º Encontro Anual...

A Associação Nacional de Pós-Graduação em Ciências Sociais (Anpocs) encerrou seu 41º Encontro Anual nesta quinta-feira, em Caxambu (MG), com um manifesto em defesa da ciência, da tecnologia e da universidade nacionais, ameaçadas pelos “drásticos cortes” a partir do orçamento de 2015, “agravados pelos contingenciamentos sofridos este ano e somadas às previsões orçamentárias para o próximo”, que “colocaram a comunidade científico-acadêmica e toda a sociedade em estado de alerta sobre os prejuízos ao país que daí advirão”.

O país não pode prescindir de uma política científica nacional, pública, integrada e estratégica, que se coloque à altura dos desafios sociais e econômicos, históricos e contemporâneos, que sua condição e papel no cenário internacional exigem”, conclama a Associação. “Os investimentos públicos em ciência e tecnologia são estratégicos como fundamentos de uma política sustentável de desenvolvimento e de um projeto nacional.” Lembra ainda o manifesto a importância da universidade pública na produção do conhecimento científico e tecnológico. “O Brasil avançou seja na produção científica seja na formação de pessoal qualificado.”

O momento exige reflexão, tomada de posição e ação. Consideramos fundamental a recriação do Ministério da Ciência e Tecnologia e a recomposição de seu orçamento e o das universidades federais e das agências públicas de financiamento à pesquisa, sobretudo do CNPq e da Capes. A Anpocs conclama a comunidade científica e a sociedade brasileira a se engajarem nessa luta”, finaliza o manifesto.

 

Inovação

O investimento privado em inovação no Brasil representa 41% dos gastos públicos na área, muito inferior à participação no Japão (81%), na China (78%) e na Coreia do Sul (77%), segundo levantamento da Finep. São Paulo tenta mudar este quadro com a Tech Week, que terá sua terceira edição entre 5 e 12 de novembro. O festival busca reforçar o posicionamento da cidade como hub global de inovação e estimula as organizações a utilizarem a semana como plataforma para negócios, para exposição de produtos e serviços inovadores e para formar novos talentos. Informações: www.saopaulotechweek.com

 

Custo Temer

Matéria do correspondente no Rio de Janeiro do jornal inglês The Guardian estampa: “Acusado de corrupção e com popularidade beirando zero – por que Temer ainda é o presidente do Brasil?”
A resposta: a) o mercado não liga pra corrupção; b) Temer tem orçamento suficiente para subornar o Congresso; c) os protestos anticorrupção eram basicamente contra Dilma e o PT e não contra a corrupção.

A reportagem está em www.theguardian.com/world/2017/oct/17/accused-of-graft-popularity-near-zero-so-why-is-brazils-president-still-in-office?CMP=share_btn_fb

 

A pé

Uma grande montadora japonesa instalada se recusa a conceder financiamento a políticos para compra dos veículos que fabrica.

 

Rápidas

A FGV Energia realizará em 30 e 31 de outubro o VII Seminário sobre Matriz e Segurança Energética Brasileira e o 13º Brazil Energy and Power, com a presença do ministro de Minas e Energia, Fernando Coelho Filho, do diretor da ANP, Décio Oddone, e do diretor do ONS, Luiz Eduardo Barata, entre outros. Inscrições: http://fgvenergia.fgv.br/eventos *** O Center Shopping Rio promove, neste sábado, das 13h às 18h, a quarta edição da campanha de adoção de cães e gatos, em parceria com a ONG AdotaPetz *** Os estudantes da Baixada Fluminense que estão se preparando para o Enem poderão contar com um aulão gratuito no domingo, no shopping Grande Rio, entre 9h e 11h *** A Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) abriu concurso para o cargo de docente na área de Psicologia, subárea de Psicologia do Desenvolvimento. As inscrições vão até 7 de novembro no site www.concursos.ufscar.br *** O Rio de Janeiro, segundo maior mercado de e-commerce, atrás apenas de São Paulo, recebe a Conferência E-Commerce Brasil Rio 2017, em 7 e 8 de novembro, no Centro de Convenções SulAmérica *** Nos próximos dias 6 e 7, os institutos UniCEUB de Cidadania e Palavra Aberta realizam o seminário As Liberdades na Era Digital e os Limites do Estado. Detalhes em www.uniceub.br/liberdades *** O Hemorio pede mais doadores de sangue nas últimas semanas. O órgão tem capacidade para atender a 400 pessoas por dia, mas tem coletado, em média, apenas 150 bolsas. Em todo o estado, a demanda por sangue aumentou aproximadamente 15% nos últimos meses.

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorLadeira abaixo
Próximo artigoChina e AL estreitam relações

Artigos Relacionados

Bolsonaro invade TV Brasil

Programação foi interrompida 208 vezes em 1 ano para transmissão ao vivo com o presidente.

FMI: 4 fatores ameaçam inflação

Fundo acredita que preços deem uma trégua no primeiro semestre de 2022, mas...

Pandora Papers: novos atores nos mesmos papéis

Investigação mostra que pouco – ou nada – mudou desde 2016.

Últimas Notícias

Conversa com Investidor: BrasilAgro (AGRO3)

Por Felipe Cavalcanti, analista da Trade Machine

Eleitores brasileiros no exterior

Por Bayard Boiteux

‘Vices’ assumem e dão show de competência

Por Sidney Domingues e Sérgio Braga.

PEC 05, verdadeiro ataque à independência do MP

Por Paulo Alonso.

Como começar um negócio alinhado com a pauta ESG

Por Jandaraci Araújo.