Empresa chinesa investirá em projeto de mate de níquel da Indonésia

A empresa chinesa Zhejiang Weiming Environment Protection Co., Ltd. (Zhejiang Weiming) anunciou nesta quarta-feira que vai investir em um projeto de mate de níquel, com capacidade de produção anual de 40.000 toneladas na Indonésia.

Pessoas visitam a exposição no Congresso Mundial de Veículos de Nova Energia de 2021, em Haikou, capital da província de Hainan, no sul da China, 15 de setembro de 2021. (Xinhua / Zhou Jiayi)

Xinhua - Silk Road

 

BEIJING, 7 Jan (Xinhua) – A empresa chinesa Zhejiang Weiming Environment Protection Co., Ltd. (Zhejiang Weiming) anunciou nesta quarta-feira que vai investir em um projeto de mate de níquel, com capacidade de produção anual de 40.000 toneladas na Indonésia, informou a China Securities Journal nesta quinta-feira.

Localizado no parque industrial Weda Bay, na Indonésia, o projeto prevê um investimento total de até 390 milhões de dólares americanos, correspondendo a Zhejiang Weiming um investimento de até 273 milhões de dólares americanos, de acordo com o anúncio.

O acordo de cooperação no projeto foi assinado em 24 de novembro de 2021 entre o Weiming Group, o acionista controlador da Zhejiang Weiming, e a Indigo International Investment Ltd.

A bateria de níquel deve atender melhor às necessidades do consumidor em veículos de energia nova (NEVs), em termos de distância percorrida por carga, nível de consumo de energia, custos etc., de acordo com uma fonte do setor. Nos próximos cinco anos, a bateria de níquel pode se tornar a principal escolha para o mercado de NEV de médio e alto padrão, levando ao aumento da demanda por níquel.

Espera-se que o setor de nova energia seja a outra área de negócios importante da empresa, além do tratamento de resíduos sólidos e do setor de equipamentos de proteção ambiental, informa um funcionário da Zhejiang Weiming ao jornal. Fim

Xinhua Silk Road
Agência de notícias oficial do governo da República Popular da China.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

CMOC gastará US$ 1,826 bilhão no projeto de KFM em Congo

O CMOC Group Limited (603993.SH, 03993.HK) anunciou nesta quinta-feira que investirá cerca de 1,826 bilhão de dólares na fase I do desenvolvimento do projeto da mina de cobre-cobalto de Kisanfu (KFM), na República Democrática do Congo (RDC).

Banco central da China injeta liquidez via recompra reversa

O Banco Central da China injetou nesta sexta-feira 10 bilhões de yuans (cerca de 1,5 bilhões de dólares) de recompra reversa, visando manter a liquidez do sistema bancário.

O mercado de pequenos artigos chineses é inaugurado em Dubai

O mercado de Yiwu, um centro de compras para pequenas mercadorias chinesas, foi inaugurado nesta quinta-feira em Dubai, oferecendo uma alternativa de mercado para compradores estrangeiros adquirirem produtos fabricados na China, informou Chinanews.com.

Últimas Notícias

Diminuem os homicídios, mas ainda há muito a se fazer

Por Dirceu Cardoso Gonçalves.

Ford Brasil: Centro global de exportação de serviços de engenharia

Projetos de ponta voltados ao futuro da mobilidade, como veículos elétricos, autônomos e conectados. 

Senado vai analisar vetos na Lei Aldir Blanc

Existe uma fila de 36 vetos aguardando votação dos senadores e deputados

Caixa: desconto de até 44% para regularizar penhor em atraso

As unidades com serviço de penhor disponível podem ser consultadas no site da Caixa

Índice de Preços ao Produtor (IPP) sobe 1,83% em maio

Das 24 atividades analisadas, 21 tiveram alta de preços