Empresa hidrelétrica chinesa impulsiona educação no norte do Laos

Duas escolas de amizade China-Laos, construídas com a assistência da China Southern Power Grid (CSG), estão transformando a educação no norte do Laos.

Foto aérea tirada em 27 de junho de 2020 mostra a usina hidrelétrica Nam Ou 6 do Projeto Hidrelétrico de Cascata do Rio Nam Ou, norte de Laos. (Xinhua)

Xinhua - Silk Road
Xinhua – Silk Road

Vientiane, 22 dez (Xinhua) — Duas escolas de amizade China-Laos, construídas com a assistência da China Southern Power Grid (CSG), estão transformando a educação no norte do Laos.

As plantações de substituição de papoula se alinham na estrada sinuosa atravessando as montanhas do Triângulo Dourado até a usina hidrelétrica Nam Tha 1 da CSG, 350 km ao norte de Vientiane. A usina foi concluída em 2018, com a capacidade instalada de 168 MW, a sua geração anual é esperada a atingir 720 GWh enquanto fornecendo energia verde para mais de 2 milhões de pessoas nas regiões fronteiriças de Tailândia, Mianmar e Laos.

 

INICIATIVA DESTACADA

A usina é o primeiro projeto hidrelétrico BOT (construir-operar-transferir, build-operate-transfer em inglês) no exterior feito por CSG, sob a estrutura de iniciativa de Cinturão e Rota proposta pela China. A construção da usina trouxe acesso rodoviário confiável aos vilarejos ao redor de Hadnam, centro de operações da CSG na região.

Em 2020, CSG gastou 460.000 dólares para construir 2 escolas novas em Hadnam e em Vanglek.

“Eu vim ensinar aqui em 2003, quando não havia prédios permanentes e nem água corrente”, disse Ounkham Phikchaphon, 37, diretor da escola de Hadnam. “A construção da nova escola oferece um ambiente ótimo para estudos. Esperamos construir uma escola com ensino médio em breve.”

A usina não apenas fornece eletricidade para a população local, mas a CSG compromete também a manter ativamente as boas relações com a comunidade através de atividades de bem-estar público variadas.

As duas escolas foram altamente elogiadas pelo lado do Laos.

Em abril, o primeiro-ministro Phankham Viphavanh conferiu uma medalha de desenvolvimento especial à CSG em reconhecimento a excelente contribuição da empresa para o bem-estar local.

“A minha antiga sala de aula tinha paredes de barro e um telhado de palha que vazava quando chovia. Estou muito grato por esta escola. Ela é muito melhor do que antes”, disse Namlin Sidthideth, um estudante dos primeiros 3 anos do ensino secundário na Escola de Amizade China-Laos de Hadnam.

A casa de Namlin fica a 90 km de Hadnam, algumas famílias de alunos moram ainda mais longe, o que prova a importância da escola em uma área muito grande.

 

“NÓS A ADORAMOS”

A Escola da Vila de Vanglek era localizada diretamente sob a montanha, cercada pelos três lados por penhascos acidentados. Ela era pequena e perigosa.

Para a nova escola, a CSG escolheu uma área vasta gramada ao lado da estrada de asfalto. A nova Escola de Amizade China-Laos de Vanglek é linda e espaçosa, com infraestrutura excelente.

Moldanoy Sensoulin, a diretora de 36 anos de idade, ensinava na vila desde 2021. Ela comentou que a escola velha estava em condições tão más que as vezes tinha que fechar por causa do mau tempo.

Khamphai Xaiyaseth, o ex-chefe de 57 anos da vila de Vanglek, veio para visitar seus três netos na escola. Ele compartilhou sua alegria: “É ótimo ter esta usina aqui. A escola agora está linda e nós a adoramos. Meus netos podem estudar bem aqui e também podem se tornar professores aqui quando crescerem!”

 

UMA OPORTUNIDADE MELHOR

O morador Xiengla Khamphamek tem um filho de 3 anos no jardim da infância. Ele abandonou a escola, porém espera que seus filhos terão oportunidades melhores que ele e irem para faculdade. “Eu me sinto muito grato à CSG e à China. Eles nos ajudaram para que as crianças possam estudar bem na escola. Estou muito grato.”

“Quero que eles aprendam chinês e estudem na China em algum dia”, disse ele aos repórteres. Fim

Xinhua Silk Road
Agência de notícias oficial do governo da República Popular da China.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

China intensifica esforços no apoio à construção de cenários de IA

O Ministério da Ciência e Tecnologia da China (MOST) anunciou nesta segunda-feira que apoiaria a construção de dez cenários de aplicação de demonstração de inteligência artificial (IA), a fim de promover o uso de IA e promover um novo motor de crescimento econômico.

Expo internacional de Rota da Seda promove cooperação profunda do C&R

A Sexta Exposição Internacional da Rota da Seda teve início no domingo em Xi'an, capital da Província de Shaanxi, no noroeste da China, com uma cooperação mais profunda do Cinturão e Rota no topo da agenda.

China planeja transformar Wuhan em centro de consumo internacional

A China aproveitará o poder de consumo em Wuhan, Província de Hubei, centro da China, e transformará Wuhan em um centro de consumo internacional, informou o Shanghai Securities News, administrado pela Xinhua, nesta segunda-feira.

Últimas Notícias

Nubank: resultado do 2T22 e a perspectiva de recuperação das ações

Destaque para captação de clientes, mas risco de inadimplência é alto.

Rio CVB: Receita do Rock in Rio acima de US$ 158 milhões

Evento deve gerar pagamento de US$ 7,9 milhões em impostos à cidade.

Anatel recebe cerca de 1 milhão de queixas

Reclamações foram contra serviços de telefonia, internet e TV.

Europa admite 2 pesos na crise na Ucrânia e em Gaza

Cinismo típico da mentalidade colonial

Ação civil para incluir fonte solar em leilão de energia

Associação do setor fala em 'tratamento isonômico para empreendimentos fotovoltaicos participarem de leilões do Governo Federal.'