Empresas apostam em solução SaaS flexível para incentivar equipes

Empresas como Coca-Cola, iFood e Unimed aderem à ferramenta e startup multiplica a carteira mais de 3 vezes em menos de 2 anos.

Reter talentos e motivar pessoas sempre esteve na lista de prioridades das empresas, mas nunca foi um desafio tão intenso quanto em tempos de pandemia. Uma das respostas mais eficazes encontradas foi a modernização dos programas de incentivo para adaptar suas funcionalidades rapidamente às necessidades de cada organização. Ao apostar neste modelo a Incentivar, primeira plataforma especializada em incentivo inteligente do Brasil, multiplicou a carteira de clientes mais de 3 vezes em menos de 2 anos.

Há 3 anos no mercado, a Incentivar atualmente atende companhias de todos os portes. No total, são mais de 50 clientes incluindo marcas líderes de seus segmentos como Coca-Cola Femsa, iFood, Wizard, Remax, Hypera, Marilan, entre outras.

A empresa desenvolveu um modelo SaaS totalmente flexível e está prestes a anunciar sua primeira captação de investimento rumo à expansão. O CEO da Incentivar, Rodolfo Carvalho, explica que o momento se mostra propício para que a companhia busque ampliar sua base de clientes e consequentemente o faturamento. Segundo ele, o trabalho híbrido e o home office tornaram mais difíceis tarefas como o monitoramento das atividades dos funcionários e o fornecimento de feedbacks, por exemplo. Dessa forma, é necessário intensificar os incentivos para encorajar os comportamentos desejados.

“Temos a solução para uma das maiores dores das empresas, que é justamente manter seus times devidamente motivados e focados nas metas traçadas. Não é à toa que tivemos um crescimento de mais de 20% em faturamento de janeiro de 2021 até agora e mais do que triplicamos nossa carteira de clientes no mesmo período. Para tornar essa expansão mais rápida e consistente em breve faremos uma captação no mercado para escalar a companhia. Mas o valor pretendido ainda está sendo definido”, afirma.

Uma das vantagens do software da Incentivar é sua característica SaaS e White Label. Significa que o cliente consegue personalizar comunicação, mudar a tela de login, as cores, disparar as próprias comunicações dentro do app, sem a necessidade de começar do zero, como aconteceria se fosse contratada uma agência especializada para essa finalidade.

“É uma solução que colabora, principalmente, com as áreas de Trade Marketing, Vendas e RH. Então, por exemplo, se eu tenho uma equipe de vendas, eu uso o software para me comunicar com ela, para dizer qual é a meta, qual o período e, a partir do momento que o colaborador atinge o que é esperado, ele recebe uma premiação de incentivo como reconhecimento por aquele resultado atingido. Vamos supor que ele obteve 500 pontos. Pode ser trocado por uma caixa de som ou um microondas, funciona como se fosse uma loja virtual”, explica o gerente de Marketing André Schneck.

Por meio de dashboards tanto os colaboradores quanto seus gestores podem acompanhar o desempenho e o quanto falta para a meta ser alcançada. Aliás, o aplicativo possibilita o uso inteligente com base nos dados coletados durante a campanha. É possível acompanhar os resultados segmentados de todos os participantes durante a campanha, saber quais produtos foram resgatados com pontos na plataforma, entre outras funcionalidades que facilitam a tomada de decisões.

“A plataforma também conta com módulos adicionais como uma agência de engajamento capacitada para executar todas as etapas de uma campanha de incentivo e o sistema de apuração que mapeia as regras da campanha, automatiza todo o processo e distribui, na plataforma, resultados e pontuações. Dados que ajudam no desenvolvimento de estratégias dentro da área que está sendo engajada”, comenta o CEO.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Plataformas da Bacia de Campos tem hotéis flutuantes

Petrobras estuda investir US$ 220 milhões até 2023

Fitch retira ratings da Unimed-Rio e da UPar

Mediana escala de negócios no setor de saúde suplementar

Exportações da Grendene cresceram 37%

Empresa aumentou a receita com exportações de calçados para R$ 142,8 milhões no segundo trimestre deste ano.

Últimas Notícias

Armazém Cultural: Câmara debate veto do prefeito do Rio

.Comissão de Justiça e Redação recomenda rejeição ao veto

Plataformas da Bacia de Campos tem hotéis flutuantes

Petrobras estuda investir US$ 220 milhões até 2023

Ações do setor de saúde puxam Ibovespa

Destaque também para Petrobras, que celebrou novo aditivo ao contrato de compra de gás natural com a YPFB

Governo de MG conclui leilão de 627,4 km de rodovias

Investimentos de R$ 3,2 bi, sendo R$ 1,4 bi nos oito primeiros anos da concessão

Bancos chineses: mais empréstimos para empresas privadas

No final de junho aumento de 11,4% em relação ao ano anterior