Ensino à míngua

O governo federal deixou de repassar ao Fundo de Valorização do Ensino Fundamental do Magistério (Fundef) R$ 11,1 bilhões desde 1998, com prejuízo para mais de 20 milhões de crianças e adolescentes. PT, PSB, e PCdoB, com apoio da CNBB e de mais 40 entidades, encaminharam ontem representação ao Ministério Público para que o governo seja obrigado a rever essa situação. Este ano, por exemplo, o governo fixou  em R$ 418 por aluno da 1ª à 4ª série e R$ 43 por aluno da 5ª à 8ª série do ensino fundamental e da educação especial. Os valores corretos deveriam ser de R$ 655,08 e R$ 688,67, respectivamente.

Tesoura
“O governo vai cortar R$ 5,3 bilhões, mas na verdade arrecadaria apenas R$ 3 bilhões” com a CPMF no período em que o imposto não será cobrado. A declaração é do deputado Pedro Eugênio (PT-PE), ao comentar que o atraso na votação está servindo como desculpa para o governo cortar verbas nas áreas sociais.

Pé quebrado
Pela cada vez mais alentada lista de bancos e corretores investigados por práticas escusas no mercado dos Estados Unidos pela Security Exchange Comission (SEC) – a Comissão de Valores Mobiliários (CVM) norte-americana – o ministro da Fazenda, Pedro Malan, e o presidente do Banco Central, Armínio Fraga, correm o risco de ficarem reverberando sozinhos a piora do “risco Brasil” perpetrada por essas centrais de especulação e boato. Entre os investigados pela SEC estão Merril Lynch e JP Morgan, por, entre outras coisas, recomendarem a seus clientes compra de ações que, internamente, consideravam “papéis podres”. No tucanato e na imprensa “chapa branca” nativa, porém, continuam sendo tratados como oráculos impolutos.

Mudez defensiva
Enquanto as operadoras de telefonia pintam cenários diluvianos para o setor para arrancar novas concessões de um tucanato sempre sensível a interesses expressos com sotaque anglo-saxão, na Internet circula uma proposta de “caladão” voluntário. A mensagem pede a adesão dos internautas para um “apagão” geral de celulares, no próximo dia 7, em protesto contra as elevadas tarifas cobradas pelas concessionárias. Os organizadores do movimento justificam a escolha do domingo para a “greve telefônica”, argumentando ser este o dia em que as pessoas mais usam celulares e ser uma data que não atrapalha os negócios.

Desenvolvimentismo
Em comemoração aos cem anos do nascimento de Juscelino Kubitschek, o Centro de Pesquisa e Documentação (CPDOC) da Fundação Getúlio Vargas colocou à disposição do público “o dossiê JK”. Segundo pesquisadores envolvidos com o projeto, a parte mais forte do acervo é sobre o período em que Juscelino foi presidente. A mais interessante, destacam, é o depoimento do ex-presidente e o álbum de fotos.

Insegurança
O número de sequestros no Estado de São Paulo passou de 18 casos, em 1999, para 378, em 2001. Só de 2000 para 2001, o número de sequestros aumentou 500%. Estes dados estão no livro Insegurança pública e privada – Basta de hipocrisia! (Editora Landmark), que os capitães PM Sérgio Olimpio Gomes e Márcio Tadeu Anhaia de Lemos lançam no próximo dia 6. Outros números assustadores: a cada 29  minutos uma pessoa é assassinada em SP; a cada hora, uma pessoa sofre tentativa de homicídio; a cada 48 segundos um veículo é roubado ou furtado; a Polícia efetua a prisão de 305 pessoas por dia; no ano passado, um policial foi morto a cada seis dias, em confronto com bandidos. O lançamento será na Associação dos Oficiais da Polícia Militar (Av Santos Dumont, 767 – Ponte Pequena – São Paulo – SP), a partir de 18h30.

Cargo de risco
Este final de semana trará a resposta à pergunta: por quanto tempo resistirá a vice de Serra aos dossiês?

Frigideira
Como as denúncias que pesam contra José Serra e contra o próprio governo FH são muito mais fortes do que as que circulam contra os possíveis vices na chapa tucana, resta a constatação que a armadura levantada pelo governo na mídia para diluir acusações contra si próprio não está sendo estendida aos ex-futuros parceiros.

Artigo anteriorQuem ganha
Próximo artigoSementes dos Le Pen
Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

Artigos Relacionados

Batendo palma para maluco dançar

CPI precisa ser ágil para não deixar governistas propagarem mentiras impunemente.

Cristiano Ronaldo, Coca-Cola e Nelson Rodrigues

Atitude do craque português realmente derrubou ações da companhia de bebidas?

Empresa pode dar justa causa a quem não se vacinar?

Advogado afirma que companhias são responsáveis pela saúde no ambiente de trabalho.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

Ford Escort de Lady Di em leilão

Carro usado pela princesa deve ser vendido por R$ 210 mil a R$ 280 mil.

Produção industrial cresceu em maio, após queda em abril

Intenção de investimento aumentou em junho em relação a maio e segue acima da média histórica.

Marrocos espera crescimento de 5,3% em 2021

BC do país estima avanço da economia neste ano; receita com turismo vêm caindo; inflação acelerou, mas está controlada.

Pacientes com Covid têm dificuldades a benefício por incapacidade

Nesta terça, Bolsonaro vetou PL aprovado pelo Congresso que dispensa carência do INSS para novas doenças.

Sauditas vêm visitar regiões cafeeiras do Brasil

Brasileiros convidaram os compradores árabes para visitar as lavouras locais no próximo ano.