33.2 C
Rio de Janeiro
sábado, janeiro 16, 2021

Especialista

O DEM deveria escalar o ex-senador José Jorge como seu principal porta-voz nas críticas ao apagão de terça-feira. Além de ministro das Minas e Energia do Governo FH, Jorge foi, depois de eleito por seus pares do Senado, nomeado, em janeiro, ministro do Tribunal de Contas da União (TCU), que, seis meses depois, aprovou relatório redigido pelo ministro Walton Alencar Rodrigues, estimando em R$ 45,2 bilhões os prejuízos causados ao país entre 2001 e 2002 pelo apagão à época em que Jorge encabeçava o MME.

Os mordomos
A CBB (Central Brasileira de Blecautes) informa: sai o RDB (Raio de Bauru) entram CA (Causas Atmosféricas). Como consolo, pelo menos até agora, nem tucanos nem petistas culparam a Al-Qaeda nem Bin Laden por seus apagões. Mas ainda há tempo de culpar o aquecimento global, como esta coluna sugeriu na terça-feira (sem uso de bolsa de cristal).

Reflexos
No dia seguinte ao apagão, vários setores continuavam a se ressentir dos efeitos da falta de luz. Na Caixa Econômica Federal, por exemplo, o sistema de informática permanecia boa parte do tempo fora do ar.

Unidos no escurinho
Com a Guarda Municipal do prefeito do Rio, Eduardo Paes (PMDB), trabalhando em regime invisível, o blecaute de terça-feira trouxe pelo menos uma surpresa positiva: na ausência de sinais de trânsito, os motoristas cariocas dirigiam com muito mais prudência e urbanidade. Fenômeno parecido só fora registrado, em nível nacional, registre-se, nos dias após que se seguiram imediatamente à morte de Ayrton Senna, em maio de 1994. Seria utopia sonhar com um trânsito melhor e mais civilizado fora de períodos de comoção nacional?

Na Baixada
A segunda unidade do Rio Poupa Tempo será inaugurada dia 18, no Shopping Grande Rio. O programa, similar ao que existe em São Paulo, oferecerá diversos serviços para cidadãos e empresários, com previsão de 5 mil atendimentos por dia. O projeto é coordenado pela Junta Comercial.

Info
Consultoria de tecnologia, o Gartner listou as dez principais tecnologias e tendências que em 2010: cloud computing, análises avançadas, client computing, TI Verde, remodelagem do data center, computação social, segurança, memória flash, virtualização para disponibilidade e aplicações móveis.

Ligação
Segundo parceiro comercial mais importante da Alemanha no continente americano – atrás apenas dos EUA - o Brasil compra US$ 9 bilhões do país europeu. O transporte comercial entre os dois países será discutido na 2ª Conferência de Logística Brasil-Alemanha, que a Câmara Brasil Alemanha do Rio (AHK-RJ) e a Associação Federal de Logística da Alemanha (BVL) realizam no próximo dia 26 de novembro, no Hotel Sheraton.
“Nesse momento, quando o programa brasileiro para a expansão da infra-estrutura prevê grandes investimentos na ampliação das diferentes modalidades de transporte, o evento oferece oportunidades especiais para estreitar ainda mais o relacionamento comercial entre os dois países”, diz Guilherme Stussi Neves, presidente da AHK-RJ. O evento contará com a participação do governador Sérgio Cabral e do ministro-chefe da Secretaria Especial de Portos da Presidência da República, Pedro Brito

Só 15%
Principal beneficiário dos recursos públicos para a agricultura, o agronegócio produz menos de 15% dos alimentos que vão para a mesa dos brasileiros. A crítica é do MST, para justificar a alteração dos  índices de produtividade, que, segundo o movimento, permanecem os mesmos desde 1975.

Viagem providencial
O diretor geral do ONS, Hermes Chipp, não viveu os tensos momentos do apagão. Mais cedo, viajara para Madri.

Artigo anteriorAbrir a porteira
Próximo artigoGuerra Fria
Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

Artigos Relacionados

Grande produtor rural não paga impostos

Agronegócio alia força política a interesses do mercado financeiro.

Não foi a disrupção que derrotou a Ford

Mercado de automóveis está mudando, mas montadora sucumbiu aos próprios erros e à estagnação que já dura 6 anos.

Quantas mortes pode-se debitar na conta de Bolsonaro?

Se índice de óbitos por Covid-19 no Brasil seguisse a média mundial, teriam sido poupadas 154 mil vidas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

Varejo sente redução no auxílio e alta da inflação

Comércio ficou estável em novembro e quebrou sequência de recuperação.

Senado quer que Pazuello se explique

Pedido de convocação para cobrar ação do Ministério da Saúde no Amazonas.

Lenta recuperação na produção industrial dos EUA

Setor ainda está 3,6% abaixo do nível anterior à pandemia.

Realização de lucros em âmbito global

Bolsas europeias e os índices futuros de NY operam em baixa nesta manhã de sexta-feira.

Desaceleração deve vir no começo do primeiro trimestre

Novo pacote de estímulo fiscal, bem como o avanço da imunização, deve garantir reaceleração em direção ao final do período.