Espetáculo do crescimento

Pelo menos para as consumidoras com renda familiar superior a R$ 30 mil, a previsão do presidente Lula de que “possivelmente este será o melhor Natal dos últimos anos”, pode estar mais perto da realidade. Segundo pesquisa realizada em São Paulo pela TNS InterScience – líder mundial de pesquisas ad hoc (personalizadas), realizada com o objetivo de conhecer melhor os hábitos de consumo da população feminina de classe AAA – essas consumidoras planejam desembolsar R$ 8 mil, em média, com os presentes de Natal.

Causa própria
Zelosos na defesa do corte dos gastos públicos, os grandes meios de comunicação – estranhamente – se calaram ou apoiaram com certa discrição o anúncio de que o governo oferecerá R$ 1 bilhão para financiar aquisição de conversores para a TV digital. Também surpreendeu, nesse processo de implantação de uma nova tecnologia, a ausência de matérias inflamadas – ou um pequeno editorial que seja – protestando quanto ao fato de o governo abrir mão da receita com a licitação dos canais de TV digital, entregues graciosamente aos atuais grupos detentores de TV convencional. Se fossem licitados – como prevê a lei até mesmo para um simples canal de rádio AM – os cofres da União embolsariam algumas centenas de milhões de reais… por canal.

Democracia
O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, reconheceu a vitória, nas urnas, dos que eram contrários às modificações propostas na Constituição. Espera-se que a democrática oposição venezuelana faça o mesmo, e não se sinta tentada a novas aventuras golpistas.

Justiça
O Clube de Diretores Lojistas do Rio de Janeiro (CDL-Rio) homenageia o desembargador Murta Ribeiro, presidente do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro, nesta terça-feira, às 12h30.

Bonito por natureza
Mendicância, inexistência de material informativo em japonês, taxis e segurança são, nessa ordem, os principais problemas que perturbaram os turistas japoneses que visitaram a cidade do Rio de Janeiro, entre agosto e novembro deste ano. Os pontos positivos destacados são a natureza, preços competitivos, alegria da população e qualidade dos serviços; 95% voltariam ao Rio. Os dados são de pesquisa realizada pelo Instituto de Pesquisas e Estudos do Turismo da UniverCidade em conjunto com a Planet Work, sob a coordenação dos professores Bayard Boiteux e Mauricio Werner.
Foram ouvidos 500 turistas oriundos do Japão, sendo que 75% organizaram suas viagens através de agência, o que deixa o expressivo contingente de 25% que vieram por conta própria – e que não são atingidos pela propaganda oficial no exterior, que prioriza a publicidade dirigida às agências de turismo.

Direitos humanos
Contrário à política de segurança do governo estadual do Rio de Janeiro, apontada por ele como de “criminalização da pobreza”, um grupo de ativistas dos direitos humanos e advogados cria, na próxima quinta-feira, às 18h, o Instituto dos Defensores de Direitos Humanos (IDDH). Presidido pelo advogado João Tancredo, o IDDH tem como principais objetivos oferecer advocacia gratuita em casos de violação de direitos humanos e desenvolver atividades de capacitação na área dos direitos humanos.
Estarão presentes à inauguração advogados, professores, entidades de direitos humanos, movimentos sociais como MST, Observatório de Favelas, Justiça Global, Rede Contra a Violência, Mães de Vítimas da Violência, e personalidades como o desembargador Sérgio Verani, o subprocurador geral de Direitos Humanos do Ministério Público Leonardo Chaves, a presidente do Grupo Tortura Nunca Mais, Cecília Coimbra, o deputado estadual Marcelo Freixo (PSOL-RJ) e o delegado Orlando Zaccone.

Bordão
Embora tratasse-se da crônica de uma queda anunciada, o rebaixamento do Corinthians para a segunda divisão surpreendeu a pelo menos um torcedor ilustre do time: o presidente Lula. A exemplo dos escândalos que pipocaram em seu governo, Lula também não sabia de nada sobre as consequências da parceria do clube com a MSI.

Marcos de Oliveira e Sérgio Souto

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorNova ordem
Próximo artigoFaltou gás

Artigos Relacionados

Engie valerá R$ 2,5 bi a mais após acordo com Aneel

Semana passada, o Monitor noticiou que a proposta da Aneel de repactuação do risco hidrológico (GSF) deixaria a conta a ser paga pelo pequeno...

Apelo de Biden ao multilateralismo fica sem crédito

Na ONU, presidente dos EUA desmente mundo dividido em blocos rígidos.

Fintechs e bancos disputam quem cobra mais

‘Não temos vergonha de sermos bancos’, diz Febraban; mas deveriam.

Últimas Notícias

Eve desenvolverá modelo de operação de Mobilidade Aérea Urbana

A Eve Urban Air Mobility, empresa da Embraer, e a Bristow Group Inc. (NYSE: VTOL), líder mundial em soluções de voo vertical, anunciaram, nesta...

China: Ampliar apoio à energia verde agrada banco de investimento

O Banco Asiático de Investimento em Infraestrutura (BAII) declarou que dá as boas-vindas ao anúncio da China de aumentar o apoio à energia verde...

XP: Preços de ativos podem sofrer na atual turbulência de mercado

Um dia depois do aumento de 1 ponto percentual da taxa básica de juros, a Selic (agora em 6,25% ao ano), pelo Comitê de...

Projetos de energias renováveis em substituição ao uso do diesel

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e a Eletrobras firmaram um Pacto de Energia para atuarem conjuntamente na busca de soluções...

Proposta atualiza regulamentação sobre as cooperativas de crédito

Texto em análise na Câmara dos Deputados promove uma série de modificações na Lei do Sistema Nacional de Crédito Cooperativo (SNCC), abordando o Projeto...