Estelionato

“Fui vítima de um estelionato eleitoral. Só votei nele porque esperava que ele fizesse outra coisa”. A forte declaração foi feita pelo presidente do Tribunal Superior do Trabalho (TST), ministro Francisco Fausto, em entrevista ao jornal Tribuna do Norte, em referência ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva. O presidente do TST disse que os servidores públicos não podem ser tratados como inimigos e que, em vez de atribuir às aposentadorias integrais a culpa pelo rombo na Previdência, o governo deveria mostrar a lista dos devedores do INSS. “É hora de o governo levantar a cabeça e começar a lutar contra os verdadeiros inimigos do Brasil”, atacou Fausto.

Ainda em alta
Enquanto o IGP-M acumula alta no ano de 5,9%, o custo vidro liso para a indústria da construção subiu 71,43% em 2003 (2,86% somente em junho). As altas mais significativas no mês passado foram porta lisa para pintura (9,38%); cerâmica esmaltada (7,91%); fio termoplástico (7,69%) e aço (3,03%), informa o Sindicato da Indústria da Construção Civil no Estado do Rio de Janeiro (Sinduscon-Rio). O cimento Portland mais uma vez não teve aumento, mantendo a variação de 6,45% em 2003.
Esses aumentos contribuíram para que o Custo Unitário Básico (CUB) de junho registrasse uma alta de 0,47%, sendo 0,96% para materiais. A mão-de-obra não teve variação. Para o diretor Executivo do Sinduscon-Rio, Antônio Carlos Mendes Gomes, “a retração das atividades do setor começa a influenciar o comportamento dos preços dos materiais de construção”.

Piratas na mira
A Associação Nacional dos Inventores (www.inventores.com.br) garante que a pirataria contra CDs e DVDs está com os dias contados. Foi inventado um novo software de proteção contra cópias, denominado Cluesafe. Os produtos protegidos só irão funcionar através da liberação de uma senha que para ser acessada requer auxílio da Internet e exclusividade de um PC.

Rio no Fome Zero
Com a presença do assessor especial da Presidência da República para o Fome Zero, Frei Betto, a Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan) e o Ibase promovem hoje, às 14h30, no auditório da federação (Av. Graça Aranha, 1/13º andar), o seminário “Empresas, Responsabilidade Social e Combate à Fome”. O presidente da Firjan, Eduardo Eugenio Gouvêa Vieira, anunciará a adesão ao programa no Estado do Rio de Janeiro.

Corrida
A disputa para a Prefeitura do Rio de Janeiro no ano que vem já começou a esquentar os bastidores da política fluminense. No PDT, por exemplo, o nome do deputado estadual Paulo Ramos aparece com força total. O parlamentar, além de ter o apoio da maioria dos  diretórios do partido, é pedetista histórico e uma das principais lideranças do partido no estado. Agora, só falta o nome dele ser aprovado pelo presidente nacional do PDT, Leonel Brizola.

Em casa
A posse solene do reitor da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Aloisio Teixeira, e da vice-reitora, Sylvia da Silveira Mello Vargas, será na próxima sexta-feira, às 15h, na reformada Casa do Estudante Universitário, no Morro da Viúva (Flamengo, Zona Sul do Rio).

Lula turístico
Planejamento e Organização do Turismo: teoria e prática (Editora Campus), novo livro de Bayard Boiteux e Maurício Werner, já está no prelo. O livro analisa a política de turismo do governo Lula, a nova Embratur e apresenta modelos de turismo sustentável para o Brasil. Um dos capítulos é destinado a casos de sucesso, como Cabo Frio, Maranhão e Rio de Janeiro. O lançamento acontecerá no Rio, Brasilia, Porto (Portugal) e Luanda (Angola). Os autores já escreveram oito livros.

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorEletrocutado
Próximo artigoDesmonte

Artigos Relacionados

Brics+ será gigante em alimentos e energia

Bloco ampliado desafia EUA rumo a nova ordem mundial.

Para combater Putin, adeus livre mercado

Teto para preço do petróleo é nova sanção desesperada do G7.

Inflação engorda lucros de bilionários de energia e alimentos

Fortunas dos ricaços desses 2 setores aumentaram US$ 1 bilhão a cada 2 dias desde 2020.

Últimas Notícias

Setor de energia é um dos alvos preferidos de hackers

Mais de 60% de todos os ataques foram de phishing; organizações criminosas de hackers são ameaça às infraestruturas críticas do Brasil.

Países árabes planejam expansão de energia limpa

Omã, Marrocos, Argélia e Kuwait estão entre os que têm planos mais ambiciosos.

‘Governo não apenas poderia, como deveria intervir na Petrobras’

Para especialista, Governo Federal deveria estar mais atuante para combater os preços abusivos dos combustíveis em toda a cadeia.

Exterior cauteloso pode prejudicar negócios locais

Índices futuros acionários em Nova Iorque operam em queda significante: temores relacionados a uma possível recessão nos EUA.

Marrocos quer se desenvolver como polo de tecnologia

Setor digital emprega 120 mil pessoas no país; país tem investido em acordos e memorandos para aumentar investimento na área.