EUA: CPI teve variação acima do esperado

Foi o maior avanço mensal da leitura subjacente desde a década de 80 do século passado.

Bottom line – Nos EUA, o Índice de Preços ao Consumidor (CPI) de abril apresentou variação acima do esperado tanto no headline (0,8% contra 0,2% esperado) como na leitura subjacente (0,9% contra 0,3% esperado). Este é o maior avanço mensal da leitura subjacente desde a década de 80 do século passado.

A surpresa no índice é inegável. No entanto, sustentamos que os próximos meses apresentarão forte volatilidade nos dados por conta da sedimentação do processo de reabertura. Para efeitos do Fed, a menos que haja sustentação da inflação acima de 2% por um período razoavelmente longo de tempo, o elevado desemprego deveria prevalecer na definição de política monetária.

 

Comentário – A alta do CPI foi disseminada subjacente foi disseminada, mostrando avanço tanto na parte de bens (+2%, forte avanço do 0,1% registrado no mês passado) como nos serviços (+0,5%).

Por dentro de bens, nota-se forte salto nos carros usados, que saltaram impressionantes 10% no mês e 21% YoY, contribuindo com quase um terço do avanço no índice mensal. Note-se que outras aberturas também tiveram leitura forte, especificamente vestuário (0,3%), veículos novos (0,5%) e bens médicos (0,6%).

Já por dentro de serviços, moradia segue acelerando com avanço de 0,4%. Isto por sua vez é compensado por serviços médicos que registraram 0% no mês.

O destaque fica por conta de transportes, impulsionado pelo tradicionalmente volátil grupo de passagens aéreas (10,2% no mês). Seguros desaceleraram depois da forte leitura do mês passado de 3,3% para 2,5%%.

A surpresa no índice é inegável. No entanto, sustentamos que os próximos meses apresentarão forte volatilidade nos dados por conta da sedimentação do processo de reabertura. Para efeitos do Fed, a menos que haja sustentação da inflação acima de 2% por um período razoavelmente longo de tempo, o elevado desemprego deveria prevalecer na definição de política monetária.

.

Felipe Sichel

Estrategista-chefe do Banco Digital Modalmais

Artigos Relacionados

Urna eletrônica: TSE é acusado de ignorar a ciência

Ausência de um representante do Tribunal ao debate irritou deputados.

WePAD aproxima público das fraldas geriátricas Tena

Ação pretende ajudar consumidores a desmistificarem tabu para compra do produto.

Inflação persiste, mas economia evolui mais que o esperado

Ata da reunião do Copom da semana passada foi divulgada hoje.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

CVM lança novo Sistema de Gestão de Fundos de Investimento

A partir de 5 de julho, a Comissão de Valores Mobiliários (CVM) irá disponibilizar o novo Sistema de Gestão de Fundos de Investimento (SGF)....

B3 acolhe novo fundo gerido pela XP Asset

Aconteceu nesta terça-feira, na B3, o toque de campainha para comemorar o lançamento de mais um ETF (Exchange-Traded Fund), que é um fundo de...

Airbus e chinesa AVIC fazem parceria

Um projeto de equipamento de fuselagem do Airbus A320 foi lançado em conjunto pela Airbus e pela Aviation Industry Corporation of China (AVIC) nesta...

BID lança guia para ajudar na emissão de títulos sustentáveis

O Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) lançou um guia para auxiliar e fomentar a emissão de títulos temáticos. O lançamento acontece por meio do...

Vivant lança lata comemorativa ao Dia Internacional do Orgulho LGBT

A lata estampa as cores do arco-íris e traduz o posicionamento da empresa sobre o respeito à diversidade.