26.1 C
Rio de Janeiro
segunda-feira, janeiro 25, 2021

EUA reabrem programa de manutenção do emprego na pandemia

A U.S. Small Business Administration, autarquia que cuida das pequenas empresas nos Estados Unidos, em consulta com o Departamento do Tesouro, anunciou que o Programa de Proteção ao Contracheque (PPP) será reaberto em 11 de janeiro para novos mutuários e alguns já existentes.

O programa é similar ao BEm no Brasil, financiando os salários dos empregados das pequenas empresas. Porém, nos EUA o valor não precisará ser pago, sob determinadas condições, como manter os postos de trabalho e não reduzir salários.

Para ter acesso ao capital, inicialmente apenas as instituições financeiras comunitárias poderão fazer empréstimos PPP nesta segunda-feira (11). O PPP será aberto a todos os credores participantes logo em seguida.

Esta rodada de PPP continua a priorizar milhões de americanos empregados por pequenas empresas, autorizando até US$ 284 bilhões para a retenção de empregos e certas outras despesas até 31 de março de 2021 e permitindo que certos mutuários de PPP existentes se inscrevam para um segundo sorteio de empréstimo de PPP, segunda a SBA.

Artigos Relacionados

Cepal: exportações da AL e do Caribe caíram 13% em 2020

A crise econômica provocada pela pandemia do novo coronavírus (Covid-19) fez o comércio exterior na América Latina e no Caribe registrar o pior desempenho...

Biden expande combate à fome que afeta 1 em 7 lares dos EUA

Presidente aumenta salário mínimo dos funcionários federais para US$ 15.

Copom está alinhado com maioria da expectativa do mercado

Considerando foco na inflação de 2022, estamos considerando agora que BC começará a aumentar Selic em maio e não em agosto.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

Copom está alinhado com maioria da expectativa do mercado

Considerando foco na inflação de 2022, estamos considerando agora que BC começará a aumentar Selic em maio e não em agosto.

Primeira prévia dos PMI’s e avanço da Covid-19

Bolsa brasileira sucumbe ao terceiro dia de queda, mediante aos temores fiscais.

Exterior em baixa

Queda acontece em meio às preocupações com problemas para obtenções de vacinas.

Más notícias persistem

Petróleo negociado em NY mostrava queda de 2,60% (afetando a Petrobras), com o barril cotado a US$ 51,75.

Mercado reagirá ao Copom e problemas internos

Na Europa, Londres teve alta de 0,41%. Frankfurt teve elevação de 0,77%. Paris teve ganhos de 0,53%.