Exemplo

A crise de energia na Califórnia deixou os europeus com as barbas de molho. O calendário da União Européia para desregulamentação dos serviços de eletricidade e gás, que deveria ter sido aprovado no último dia 23, ficou para uma nova oportunidade – o compromisso só deve voltar a ser discutido dentro de alguns anos. O fim do controle estatal sobre os serviços de geração e distribuição de energia na Califórnia lançaram o estado – que representa a sexta parte do PIB dos EUA – numa situação de falta de eletricidade e tarifas mais caras do mundo. Pior: deixou para o cidadão californiano conta ainda mais salgada: um rombo de US$ 23 bilhões até o final de 2002, que deverá ser coberto para o estado não ficar às escuras. Diante de tal exemplo, o ministro da Fazenda da França, Laurent Fabius, alertou que a abertura muito rápida do mercado de energia na Europa só levaria à “desordem econômica e social”.

Desperdiçada
Ao contrário de alguns jornais “chapa branca” no Brasil, publicações estrangeiras, como o Financial Times (Inglaterra) e o El País (Uruguai), destacaram a enorme desigualdade social brasileira, confirmada com a divulgação, pelo IBGE, dos dados referentes à década de 90.

Nua e crua
Enquanto analistas cheio de dedos insistem em eufemismos, como turbulência ou desaceleração, para se referir à recessão dos Estados Unidos, a Playboy norte-americana está convidando seus leitores a eleger a bear market babe (“A musa da recessão”). As candidatas, previamente indicadas pela revista, são oito repórteres de TV de programas ou canais financeiros, entre elas, Maria Bartimoro (CNBC), Molly Falconer (Fox), Willow Bay e Jennifer Westhoven (as duas últimas da CNN). A primeira colocada será convidada para posar nua para a revista e ostentar o título de “A mais sexy sereia de Wall Street”. A revista também anuncia a intenção de promover o concurso “A musa da retomada econômica”, evento previsto, porém, apenas para acontecer “só lá para 2006…”, segundo prevê o site da Playboy.

Estudo de caso
Antes de participar da cúpula sobre a Alca, na Argentina, o presidente FH poderia dar uma esticada até a China. Além de dar vazão a sua vocação por turismo no exterior, poderia aproveitar o incidente provocado pela invasão do espaço aéreo chinês por um avião norte-americano, para aprender in loco com o governo de um país que preza sua soberania negocia com os Estados Unidos. Também poderá conferir, por que a expressão negócios da China foi transformada, na era da globalização, em negócios do Brasil.

Síria
Parte das comemorações da Data Nacional da República Árabe da Síria, será entregue, no próximo dia 16, a Medalha de Mérito Pedro Ernesto ao arcebispo Dimitrios Hosni, líder espiritual da comunidade ortodoxo-antioquina. A cerimônia, iniciativa do vereador Sami Jorge Haddad (presidente da Câmara Municipal do Rio de Janeiro) será no Plenário Teotônio Villela, às 18h30.

Fronteira
Talvez estimulada pelo nome – homenagem a Woodrow Wilson, 28° presidente norte-americano (1913-1921) -, o consulado dos Estados Unidos no Rio de Janeiro tomou conta da Rua Presidente Wilson. Parte dela, em frente ao consulado, foi fechada, com direito (será direito mesmo?) a guarita com ar condicionado para os “marines”. Ainda não se sabe se a embaixada do Brasil lá pediu reciprocidade.

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorVelho regime
Próximo artigoClaro

Artigos Relacionados

‘EUA do Mar’ seria considerado crime de lesa-pátria

Na terra de Biden, entregar navegação a estrangeiros é impensável.

Governo Bolsonaro não dá a mínima para a indústria

País perde empregos de qualidade e prejudica desenvolvimento.

Taxa sobre exportação de petróleo renderia R$ 38 bi

Imposto aumentaria participação do Estado nos resultados do pré-sal.

Últimas Notícias

Fundos de investimento poderão atuar como formadores de mercado na B3

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) autorizou os fundos de investimento a atuarem como formadores de mercado na B3, a bolsa do Brasil. A...

ABBC: Selic deve subir 1,50 ponto percentual

O Comitê de Política Monetária do Banco Central (Copom) se reúne na próxima terça-feira (7) para decidir sobre a nova Selic, a taxa básica...

Ibovespa fecha a semana em alta

(alta de 0,013%). O volume representou uma extensão do movimento positivo registrado na quinta-feira (2), quando o índice fechou com forte alta de 3,66%,...

China: Incentivos fiscais para investidores estrangeiros

A China anunciou que estendeu suas políticas fiscais preferenciais para investidores estrangeiros que investem no mercado de títulos da parte continental do país. A...

Brasileiro teria renda 6 vezes maior com indústria forte

Entre 1950–70, PIB do País foi multiplicado por 10.