25 C
Rio de Janeiro
quarta-feira, janeiro 20, 2021

Exterior positivo influencia mercado doméstico

O primeiro dia do último mês de 2020 começa com otimismos provenientes do cenário internacional. Enquanto isso, o mercado doméstico fica atento na inflação, balança comercial e, não obstante, com os olhos voltados também, ao exterior, mais especificamente para o pronunciamento do presidente do Federal Reserve, Jerome Powell, e do secretário do Tesouro, Steven Mnuchin, em audiência no Senado. Desse modo, alguns fatores deixarão o aumento nos preços mais pressionado como a retomada do sistema de bandeiras tarifárias na conta de luz, significando, conforme apurou o Broadcast, 0,46 a 0,48 ponto percentual no IPCA de dezembro. Em outras palavras, a inflação deve encerrar 2020 acima do centro da meta – que é de 4% – impactando diretamente as circunstâncias que orbitam a definição da taxa básica de juros cuja decisão será anunciada semana que vem. Por fim, migrando para a esfera política, as eleições municipais trouxeram um novo panorama na geopolítica estadual, a força ganhada por partidos como o DEM, por exemplo, certamente trará novas frentes na política nacional, elemento também analisado por investidores e agentes econômicos.

.

Pedro Molizani

Trader Mesa de Câmbio

Travelex Bank

www.travelexbank.com.br

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor

Artigos Relacionados

Os desafios para Joe Biden nos EUA

Avanço da Covid-19 pode fazer com que democrata e equipe tenham que apagar alguns incêndios no começo do mandato.

Mercados sobem em véspera do Copom

Campos Neto, presidente do BC, participa da primeira sessão da reunião do Copom.

EUA: índices futuros sobem com expectativa pela posse de Biden

Na Ásia, a maioria das Bolsas fecharam em alta com a expectativa de recuperação econômica global.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

Exportações de suco de laranja recuam 23% entre julho e dezembro

Safra menor e estoques mais elevados estão entre as principais razões para a baixa.

Os desafios para Joe Biden nos EUA

Avanço da Covid-19 pode fazer com que democrata e equipe tenham que apagar alguns incêndios no começo do mandato.

Mercados sobem em véspera do Copom

Campos Neto, presidente do BC, participa da primeira sessão da reunião do Copom.

Mercados locais sobem seguindo Bolsas mundiais

Dia amanhece com tendência de alta para o mercado interno, seguindo NY na volta do feriado.

Contra tudo temos vacina

Dia promete ser de mais recuperação da Bovespa, dólar fraco e juros em queda.