Falou!

“Reafirmo o que tenho dito desde o início da campanha: vamos criar 10 milhões de empregos, o que o Brasil necessita para incluir no mercado de trabalho uma legião de desempregados, milhares de jovens que procuram o primeiro emprego.”
O autor: o presidente Lula, em entrevista ao jornal O Globo, em 1º de setembro de 2002. Cerca de quatro anos depois, Lula prefere negar o dito, para não explicar o não-cumprimento da promessa.

Sem Excelência
Não é apenas o PT que tenta apagar o passado. O presidente nacional dos tucanos, senador Tasso Jereissati, apresentou substituto, aprovado pelo Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), ao projeto de lei complementar que recria a Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (Sudene): “Passamos a um outro momento histórico. Criamos um novo conceito para o desenvolvimento da região. Procuramos criar uma instituição de excelência para pensar de forma estratégica as políticas de desenvolvimento para o Nordeste, visando a reduzir as fortes desigualdades regionais do país”, comemorou o tucano.
Apesar – ou por causa de – Sua Excelência deve uma explicação à nação: Por que o governo do tucano FH acabou com uma instituição de excelência? Falta de estratégia de desenvolvimento para o Nordeste?

Pequenos adultos
As crianças estão ficando adultas mais cedo. Esta é uma das principais conclusões do Listening Post, pesquisa da Ogilvy Brasil sobre o comportamento do brasileiro. Uma das manifestações desse comportamento é a substituição de brinquedos e brincadeiras por atividades com conteúdo “adulto”, como Internet e jogos eletrônicos. A criança também tem a opinião mais ouvida pela família, diluindo a hierarquia e tornando mais difícil disciplinar jovens e crianças. Sete entre dez entrevistados concordam que a maior proximidade entre gerações prejudica a autoridade dos pais.

Luz
Ainda este ano será encaminhado à aprovação de três ministros projeto para a regulamentação do uso das lâmpadas fluorescentes compactas. A proposta foi elaborada pela ABilumi, associação de congrega as empresas importadoras de produtos de iluminação, que comemorou quarta-feira seu primeiro ano de atividades com um jantar no Julia Cocina, que contou com a presença de autoridades do Procel e do Inmetro.

Existe um banco assim
Um leitor desta coluna ouviu, quarta-feira à tarde, de uma aposentada que, como seus companheiros de infortúnio, mofava numa interminável fila do Banco Real: “Na propaganda, vocês  buscam o cliente em casa com carro, chofer e champanhe. Por que vocês  querem nos enganar dessa forma? Por que é que eu preciso esperar tanto  para ser atendida?”, reclamava a senhora com um caixa.

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Indústria naval apresenta propostas para eleições 2022

Setor quer deixar para trás maré ruim dos últimos 7 anos

Brics+ será gigante em alimentos e energia

Bloco ampliado desafia EUA rumo a nova ordem mundial.

Para combater Putin, adeus livre mercado

Teto para preço do petróleo é nova sanção desesperada do G7.

Últimas Notícias

Ford Brasil: Centro global de exportação de serviços de engenharia

Projetos de ponta voltados ao futuro da mobilidade, como veículos elétricos, autônomos e conectados. 

Senado vai analisar vetos na Lei Aldir Blanc

Existe uma fila de 36 vetos aguardando votação dos senadores e deputados

Caixa: desconto de até 44% para regularizar penhor em atraso

As unidades com serviço de penhor disponível podem ser consultadas no site da Caixa

Índice de Preços ao Produtor (IPP) sobe 1,83% em maio

Das 24 atividades analisadas, 21 tiveram alta de preços

Acqio inclui transações via Pix em suas soluções de pagamento

Em abril os pagamentos feitos via Pix atingiram a marca histórica de 11,5%, no comércio eletrônico