Falou!

“Reafirmo o que tenho dito desde o início da campanha: vamos criar 10 milhões de empregos, o que o Brasil necessita para incluir no mercado de trabalho uma legião de desempregados, milhares de jovens que procuram o primeiro emprego.”
O autor: o presidente Lula, em entrevista ao jornal O Globo, em 1º de setembro de 2002. Cerca de quatro anos depois, Lula prefere negar o dito, para não explicar o não-cumprimento da promessa.

Sem Excelência
Não é apenas o PT que tenta apagar o passado. O presidente nacional dos tucanos, senador Tasso Jereissati, apresentou substituto, aprovado pelo Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), ao projeto de lei complementar que recria a Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (Sudene): “Passamos a um outro momento histórico. Criamos um novo conceito para o desenvolvimento da região. Procuramos criar uma instituição de excelência para pensar de forma estratégica as políticas de desenvolvimento para o Nordeste, visando a reduzir as fortes desigualdades regionais do país”, comemorou o tucano.
Apesar – ou por causa de – Sua Excelência deve uma explicação à nação: Por que o governo do tucano FH acabou com uma instituição de excelência? Falta de estratégia de desenvolvimento para o Nordeste?

Pequenos adultos
As crianças estão ficando adultas mais cedo. Esta é uma das principais conclusões do Listening Post, pesquisa da Ogilvy Brasil sobre o comportamento do brasileiro. Uma das manifestações desse comportamento é a substituição de brinquedos e brincadeiras por atividades com conteúdo “adulto”, como Internet e jogos eletrônicos. A criança também tem a opinião mais ouvida pela família, diluindo a hierarquia e tornando mais difícil disciplinar jovens e crianças. Sete entre dez entrevistados concordam que a maior proximidade entre gerações prejudica a autoridade dos pais.

Luz
Ainda este ano será encaminhado à aprovação de três ministros projeto para a regulamentação do uso das lâmpadas fluorescentes compactas. A proposta foi elaborada pela ABilumi, associação de congrega as empresas importadoras de produtos de iluminação, que comemorou quarta-feira seu primeiro ano de atividades com um jantar no Julia Cocina, que contou com a presença de autoridades do Procel e do Inmetro.

Existe um banco assim
Um leitor desta coluna ouviu, quarta-feira à tarde, de uma aposentada que, como seus companheiros de infortúnio, mofava numa interminável fila do Banco Real: “Na propaganda, vocês  buscam o cliente em casa com carro, chofer e champanhe. Por que vocês  querem nos enganar dessa forma? Por que é que eu preciso esperar tanto  para ser atendida?”, reclamava a senhora com um caixa.

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

Artigos Relacionados

Bolsonaro comanda pior resposta à pandemia da AL

Para formadores de opinião, Brasil foi pior até que a estigmatizada Venezuela.

Cem anos de Celso Furtado

A atualidade de um dos mais importantes intelectuais do planeta.

A Disneylândia espacial dos trilionários

Jornada nas estrelas escancara a desigualdade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

ENS abre inscrições de Curso para Habilitação de Corretores de Seguros

Inscrições começaram nesta segunda-feira.

Fitch:1ª emissão de debêntures da Rodovias do Brasil tem rating AA-

A Fitch Ratings atribuiu Rating Nacional de Longo Prazo ‘AA-(bra)’ à primeira emissão, em série única, de debêntures da Rodovias do Brasil Holding S.A....

Prazo de inscrições do Programa Petrobras Conexões para Inovação

A Petrobras prorrogou para 15 de agosto, o prazo de inscrições do 3º edital do Programa Petrobras Conexões para Inovação - Módulo Startups -...

UE fará empréstimos nos mercados de capitais de até 750 bi de euros

O Conselho da União Europeia (UE), aprovou nesta segunda-feira, o segundo pacote de planos de recuperação e resiliência (PRR), para aceder às verbas pós-crise...

Brasil tem 42% do total de empresas de inteligência artificial da AL

Estudo da consultoria Everis em parceria com a Endeavor mostra que o número de startups de inteligência artificial cresceu no Brasil, mas ainda esbarra...