Fiesp vê sinais de recuperação na indústria paulista

Indicadores de janeiro mostram melhora do setor. Os salários médios, no entanto, tiveram ligeira queda (0,1%).

São Paulo / 21:00 - 11 de mar de 2020

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor

As vendas reais da indústria paulista tiveram alta de 8,9% na passagem de dezembro para janeiro, excluídos os efeitos sazonais, segundo o levantamento de conjuntura da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo divulgado nesta quarta-feira. 

Outros indicadores também mostram melhoras nos resultados do setor. As horas trabalhadas na produção cresceram 1,1% no primeiro mês do ano. O nível de utilização da capacidade instalada subiu 0,4 ponto percentual, ficando em 75,6% no mês. Os salários médios, no entanto, tiveram ligeira queda (0,1%). 

Segundo o presidente da Fiesp, Paulo Skaf, o setor industrial deve continuar crescendo ao longo deste ano. 

“No último bimestre de 2019 a indústria foi afetada por fatores negativos transitórios como um forte ajuste de estoques no segmento automobilístico, que deve ser revertido no início de 2020, como apontam os resultados de janeiro. Apoiado pelo baixo nível da taxa de juros (Selic) e pela expansão do crédito, o quadro é de melhora da atividade industrial nos próximos meses. O processo de retomada está consolidado”, enfatizou em nota sobre os resultados. 

Skaf ponderou, entretanto, que a epidemia de coronavírus pode afetar o desempenho da economia em escala mundial. “Temos agora o risco do efeito cornonavírus na economia global”, acrescentou. 

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor