Figuração

O senador Roberto Saturnino Braga (PSB-RJ) criticou duramente às negociações do governo brasileiro com o FMI. Além disso, ele acusou o ministro Pedro Malan de apresentar um prato feito ao Senado, que não tem autonomia para modificar o acordo. “O ministro Pedro Malan veio ao Senado esta semana prestar esclarecimentos, mas não há nada a fazer. Para cada financiamento com o Banco Mundial (Bird) é preciso aprovação
do Senado. Só que essa regra não vale para os acordos com o FMI”, compara.
Chutometria
O fato de todos os economistas do mercado financeiro terem errado grotescamente em suas projeções sobre o PIB para o segundo trimestre revela que as previsões dessa turma têm tanto valor quanto as dos babalorixás. A diferença está nos preços e nos danos.

Sem credibilidade
Apesar dos discursos róseos do presidente FH e da mídia “chapa branca”, 56,5% dos internautas ouvidos em enquete da consultoria Boucinhas & Campos não acreditam que o país crescerá sequer 2,4%, como acenam os últimos números do governo. O mesmo percentual de consultados, porém, ainda mostra sua crença de que a inflação deste ano não ultrapassará os 6%, ficção que nem o governo nem o FMI sustentam mais, como mostra a revisão da meta pela IPCA no último acordo com o Fundo.

Em alta
Os aumentos chegaram com força aos produtos vendidos nos supermercados – ainda que, em alguns casos, maquiados através da redução das embalagens (como o MONITOR MERCANTIL denunciou em janeiro e fevereiro desse ano). A pressão é tanta que até quem vai estacionar para fazer compras paga o pato. No Sendas do Largo do Machado (RJ), quem gastasse até R$ 15 não precisava pagar o estacionamento. Agora o valor subiu para R$ 20 – 33% a mais.

Desperdício
Empresários filiados ao Sindicato Nacional das Empresas de Arquitetura e Engenharia Consultiva querem maior participação nas decisões do governo paulista sobre investimentos em obras no estado. Isso poderia minimizar a má gestão dos recursos públicos, como no caso do prédio da Eletropaulo, localizado na Avenida das Nações Unidas, cuja obra inacabada está parada há sete anos e já consumiu cerca de US$ 100 milhões. Para o presidente do sindicato, Faustino Miguel López, “a sociedade já não admite mais esta enorme quantidade de obras paradas, com inegável desperdício de recursos públicos, sempre por mau planejamento”.

Diário
Para se defender da alta do dólar, as empresas que operam no comércio exterior mudaram de estratégia. Na Wilson Logistics do Brasil, filial brasileira da gigante escandinava do setor de logística, as remessas de dólar, que eram semanais, passaram a ser efetuadas diariamente para minimizar as perdas. Apesar da alta da moeda norte-americana e das crises de energia e argentina, as companhias do setor estão otimistas com o segundo semestre. Após quatro meses consecutivos de queda no volume de negócios, começa a ser registrado crescimento. Segundo o presidente da Associação Brasileira de Movimentação e Logística, Pedro Francisco Moreira, o mercado deve ter incremento médio de 60% até o final do ano. “Os sinais de crescimento que surgiram em agosto projetam um segundo semestre interessante, embora dificilmente se consiga chegar ao mesmo patamar do ano passado”, afirma.

Tempo real
Um dia depois de o ministro Pedro Malan negar que a política econômica que pilota produza resultados pífios, os dados do IBGE revelando a queda do PIB do país de 0,99% no segundo trimestre e que a desaceleração da economia é generalizada produziram um dos mais rápidos desmentidos – e com dados oficiais – à ilha da fantasia construída pelo tucanato.

Artigo anteriorAçougueiro
Próximo artigoSusto
Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

Artigos Relacionados

É a saúde (além da economia), estúpido!

Vacinação e estímulos à economia andam juntos; Brasil fica para trás em ambos.

Cortes poupam petroleiras e ‘bolsa refrigerante’

Para liberar auxílio emergencial, governo prejudica setores essenciais.

Inflação e PIB expõem falácia do Teto dos Gastos

‘Faz sentido?’, pergunta Paulo Rabello. ‘Claro que não’.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

Lula livre. Até quando?

Jurista: Necessidade de proteger Moro e os procuradores da Lava Jato.

Produtividade na indústria cai com menor produção na pandemia

Para 2021, as perspectivas são melhores, em razão do início da vacinação da população.

Demanda por bens industriais cresceu 0,6% em janeiro

Ipea apontou avanço de 6,6% no trimestre móvel encerrado no primeiro mês de 2021.

Aumenta consumo de pornô por público feminino

Relatório de site de entretenimento adulto revela que 39% do acessos são de mulheres.

Abertura de empresas tem alta de 13,4% em novembro

Segundo Serasa, sociedades limitadas impulsionaram índice; comércio teve alta estimulada por Black Friday e festas de fim de ano.