Financiamentos de veículos teve queda de 20% no semestre

2,29 milhões de financiamentos ante 2,87 milhões no mesmo período de 2019.

Mercado Financeiro / 01:40 - 11 de jul de 2020

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor

As vendas financiadas de veículos em junho de 2020 somaram 385,7 mil unidades, entre novas e usadas, incluindo autos leves, motos e pesados. Esse número representa um uma queda de -14,7% em relação a junho de 2019 e engloba veículos novos e usados – incluindo motos, autos leves e pesados – em todo o país. O acumulado do ano, no entanto, registra 20,2% de queda nas vendas a crédito, com 2,29 milhões de financiamentos no primeiro semestre de 2020 contra 2,87 milhões no mesmo período de 2019.

Os números são da B3, que opera o Sistema Nacional de Gravames (SNG), a maior base privada do País, que reúne o cadastro das restrições financeiras de veículos dados como garantia em operações de crédito em todo o Brasil.

O crédito direto ao consumidor (CDC) continua sendo a categoria de financiamento mais utilizada pelos consumidores, com 86,6% de participação. O Consórcio segue com participação estável entre as modalidades de financiamento, com share de 12,5% na preferência dos consumidores em junho.

Na comparação com maio de 2020, quando foram financiadas 385,7 mil unidades, os dados indicam uma recuperação de 43,9% em junho. O acumulado do ano, no entanto, registra 20,2% de queda nas vendas a crédito, com 2,29 milhões de financiamentos no primeiro semestre de 2020 contra 2,87 milhões no mesmo período de 2019. Os números são da B3, que opera o Sistema Nacional de Gravames (SNG), a maior base privada do País, que reúne o cadastro das restrições financeiras de veículos dados como garantia em operações de crédito em todo o Brasil.

 

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor