Fumaça baiana

Os charutos se tornaram o segundo produto da pauta de exportações da Bahia, atrás apenas do turismo. Embora ainda sem fazer sombra aos puros cubanos, os charutos baianos, que incluem três tipos – Churchill (mais longo), Corona (médio) e Robusto (pequeno) – já ocupam importante posição no segundo pelotão, ao lado de produtos dominicanos, nicaragüenses e hondurenhos. No Rio, a charutaria Giraldia, no Jardim Botânico, completa amanhã dois anos de venda de charutos baianos que levam seu nome, combinando a degustação dos puros com show de salsa.

Jejum
A recusa do Rei (deposto) das Quentinhas, Jair Coelho, a consumir sua própria comida frustrou todos os interessados em decifrar antigo silogismo: as prisões são os que são por que os ricos não são presos ou os ricos não são presos por que as prisões são o que são?

Relatório na berlinda
A Comissão de Economia, Indústria e Comércio da Câmara dos Deputados realiza hoje e amanhã, em Brasília, seminário sobre o relatório da Booz Alen Hamilton, empresa contratada pelo governo federal para analisar a situação dos bancos públicos (BB, CEF, Basa e BNB) e propor sua reestruturação.
Alguns pesos pesados farão parte do evento: Gustavo Adolfo, presidente do Conselho Federal da Economia; Mário Bernardini, diretor da Fiesp; Décio Garcia Munhoz, da UnB; Antônio Barros de Castro e Maria da Conceição Tavares, da UFRJ; Biron Costa Queiros, presidente do BNB, e Valdir Albuquerque, diretor da Caixa.

Derrapagem
O senador Geraldo Cândido (PT-RJ) encaminhou à Subprocuradoria Geral de Justiça do Rio de Janeiro denúncias contra o prefeito Luiz Paulo Conde por irregularidades que teriam sido cometidas em contratos para a realização dos grandes prêmios de Fórmula Indy, Rio 400, Motociclismo e GP Rio. De acordo com a documentação apresentada pelo senador, os contratos contêm cláusulas exorbitantes, como a isenção dos contratados de qualquer responsabilidade. Os contratos atingem a cifra de US$ 23,25 milhões. Em um dos casos, o contrato foi repassado sem licitação para uma das empresas de Emerson Fittipaldi.

Ouro puro
A informação de que os bancos abocanharam R$ 4 bilhões, no primeiro trimestre do ano, apenas com a cobrança de tarifas parece que provocou reações tímidas. Não deveria. Para se ter a verdadeira dimensão do que isso representa, basta lembrar que a Vale do Rio Doce foi vendida pela bagatela de R$ 3,2 bilhões.

Transparência
O governo tem oportunidade ímpar para demonstrar a extensão da sua indignação com as falcatruas no Orçamento. Nesta quinta, o Senado vota, em primeiro turno, emenda constitucional que torna a obrigatória, por parte do Executivo, a execução das emendas individuais ao Orçamento. O relator da matéria na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), senador Pedro Simon (PMDB-RS), defende a aprovação da proposta. Para Simon, é “ridículo” que nem o Parlamento, nem o Executivo, nem a sociedade saibam efetivamente como deve ser a execução orçamentária.  O senador lembrou ainda que, embora ocupem a maior parte da atenção do Congresso, as emendas parlamentares não excedem a 1% do total do Orçamento.

Investida
Após adquirir 30% do Globo.com, a Telecom Italia poderá fazer uma investida no site do Grupo Clarín, na Argentina. Quem informa é a revista Ponto-com, que estreou em agosto com noticiário sobre Internet focado na América Latina. A reportagem de capa da publicação esbarrou na realidade: ao falar das sete vidas de Juan Villalonga à frente da Telefónica S/A, a revista não contava que o “equilibrista”, como qualifica o executivo, iria cair do posto em seguida.

Estilo
Após recente reunião com representantes da indústria têxtil em que foi apresentado um plano para recuperação do setor no estado, o governador Anthony Garotinho, do Rio de Janeiro, garantiu que o projeto iria para frente. Perguntado sobre quem, no governo, a indústria deveria contatar, Garotinho disse que ele mesmo trataria do caso. Comentário de um industrial com um eufórico (e ingênuo) colega, ao saírem do Palácio Guanabara: “Pode esquecer o projeto; nunca mais vamos conseguir falar com o governador.”

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorAlergia
Próximo artigoTunga

Artigos Relacionados

Bolsonaro invade TV Brasil

Programação foi interrompida 208 vezes em 1 ano para transmissão ao vivo com o presidente.

FMI: 4 fatores ameaçam inflação

Fundo acredita que preços deem uma trégua no primeiro semestre de 2022, mas...

Pandora Papers: novos atores nos mesmos papéis

Investigação mostra que pouco – ou nada – mudou desde 2016.

Últimas Notícias

Rio Indústria apoia lei que desburocratiza e facilita novos negócios

Em audiência pública realizada nesta quinta-feira (14), na Câmara Municipal do Rio, sobre o Projeto de Lei Complementar nº 43/2021 que regulamenta a Declaração...

Ciência: entidades pedem liberação de recursos

Organizações questionam redirecionamento para outras áreas de R$ 515 milhões, que eram do CNPq.

Rating da EDP BR não muda com aquisição da Celg-T

Para a Fitch Ratings, a qualidade de crédito da EDP Energias do Brasil S.A. (EDP BR, Rating Nacional de Longo Prazo ‘AAA (bra)’, Perspectiva...

Tesouro: Queda do investimento líquido em ativos não financeiros

O Tesouro Nacional informou nesta sexta-feira que no 2º trimestre de 2021, a necessidade líquida de financiamento do Governo Geral alcançou 7,1% do PIB,...

Leilão de Excedentes da Cessão Onerosa terá sucesso?

Após a realização da 17ª Rodada de Licitações de Blocos para exploração e produção de petróleo e gás natural no último dia 7, considerado...