Gipsyy amplia oferta de destinos no Brasil

Em fevereiro de 2021, a Gipsyy, startup europeia de transportes iniciou suas operações no Brasil com objetivo de incentivar os deslocamentos por ônibus, principalmente do público jovem, numa aposta na retomada das viagens internas. O setor rodoviário amarga uma queda de 50% no movimento de passageiros, segundo dados da Associação Brasileira das Empresas de Transporte Terrestre de Passageiros (Abrati), mas vai recuperando gradualmente o volume de viagens.
Diferentemente das plataformas de fretamento colaborativo ou do transporte clandestino, a Gipsyy atua somente em parceria com empresas de ônibus regulamentadas pela ANTT e que adotam rígidos protocolos sanitários para garantir deslocamentos seguros. Segundo o head da Gipsyy no Brasil, Rodrigo Dabbieri, a startup deve investir R$ 15milhões em 2021 no mercado brasileiro, projetando um crescimento entre 30% e 40% para o próximo ano. A meta é expandir as operações para mais de 2 mil cidades em 21 estados ainda este ano.
A Gipsyy, que tem como diferencial o turismo verde e de baixíssimo custo, passou a operar os trechos rodoviários entre as principais cidades do Centro Oeste, como Brasília e Goiânia, Triângulo Mineiro (Uberaba, Uberlândia) e São Paulo capital por meio de parcerias com as empresas rodoviárias regulares. Este mês (Abril/2021), os destinos foram ampliados e, em parceria com a UTIL, os passageiros poderão contar com o serviço também no Rio de Janeiro com destinos para MG e SP (Campinas e Ribeirão Preto).
Na Europa, a Gipsyy, destina parte do valor das passagens a entidades mundialmente certificadas para neutralização das emissões de CO2 geradas pelas viagens, proporcionando uma experiência de ponta com um propósito ambiental. No Brasil o objetivo é tornar as viagens também mais sustentáveis. “Além disso, nos contratos com as empresas parceiras parte do valor pago às empresas será investido em causas ambientais e projetos de reflorestamento”, conclui Rodrigo. Mais informações pelo site gipsyy.com.br.
A empresa, que atua nos mercados de Portugal e Espanha, pretende investir 3,5 milhões de euros para aumentar a oferta para 1.250 destinos mundiais em 2021. Em Portugal a parceria é com a Royal Express e conta com ofertas de viagens de longa distância para 44 cidades, entre as quais Lisboa, Porto, Sintra, Cascais, Faro, Fátima, Albufeira e Coimbra. Na Espanha também pasosu a operar nas cidades de Madrid, Sevilha, Zurique, Salamanca, Burgos, San Sebastián, Bordéus, Mâcon, Genebra, Lugano e Berna. A entrada no Brasil faz parte da meta de ampliação das operações em toda América Latina.

Artigos Relacionados

Petrobras informa sobre acordo com a CEA

A Petrobras informa que assinou com a Companhia de Eletricidade do Amapá (CEA), acordo judicial para encerramento de litígio e recuperação de crédito pela...

Entidade cobra ao Facebook indenização de meio bilhão

Instituto contesta nova política de privacidade do WhatsApp.

Quebra da lei atingirá cerca de 3,4 mil patentes de medicamentos

Pela lei, o prazo de exclusividade de patentes é de 15 ou 20 anos, conforme o tipo de produto, mas pode ser estendido por até dez anos diante da demora na aprovação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

Aprovado projeto que asfixia o direito da minoria em sessões da Câmara

Mudanças começam a valer a partir desta quinta-feira.

Confiança da indústria está maior em maio

'Em meio à crise gerada pela pandemia, Estado tem que ser indutor do crescimento econômico', afirma presidente da CNI.

EUA: CPI teve variação acima do esperado

Foi o maior avanço mensal da leitura subjacente desde a década de 80 do século passado.

Latino-americanos viajam aos EUA em busca de imunização

Um anúncio de uma agência de viagens oferece promoções para que mexicanos viajem aos EUA a fim de receber a vacina contra a Covid-19....

Comportamento é misto na Europa nesta manhã

Nesta manhã, Paris opera em queda de 0,10%.