Governo alemão espera mais grave recessão desde II Guerra

Economia deve voltar ao positivo no segundo semestre.

Internacional / 20:52 - 30 de jul de 2020

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor

A economia alemã contraiu 10,1% no segundo trimestre em relação ao trimestre anterior, quando já havia recuado 2,2%. É a queda trimestral mais acentuada desde 1970, quando os registros começaram. Se comparado ao mesmo período do ano passado, o recuo foi de 11,7%. O governo alemão prevê a pior recessão desde o final da Segunda Guerra Mundial.

Economistas ouvidos pela Deustch Weller acreditam que a economia se recuperará na segunda metade do ano, desde que o número de infecções não volte a aumentar significativamente. O Instituto Alemão de Pesquisa Econômica (DIW) prevê um aumento de 3%. No entanto, provavelmente levará dois anos até a recuperação, disse o diretor de negócios do DIW, Claus Michelsen.

Segundo o Bundesbank, o banco central alemão, o ponto mais baixo da atividade econômica foi alcançado em abril.

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor