Governo de SP investe R$ 116,8 milhões para recuperar estradas

Obras fazem parte do programa Novas Estradas Vicinais.

Por meio do DER (Departamento de Estradas de Rodagem), o Governo de SP vai investir cerca de R$ 116,8 milhões na recuperação de dez estradas vicinais localizadas nos extremos da cidade de São Paulo. O anúncio foi feito nesta quarta-feira após reunião entre o secretário de Estado de Logística e Transportes, João Octaviano, e o prefeito interino da capital, Milton Leite – também presidente da Câmara Municipal.

Os investimentos fazem parte das fases 6 e 7 do Novas Estradas Vicinais, maior programa de recuperação de vias municipais em dez anos que já possui centenas de obras em execução em todo o Estado com R$ 6,4 bilhões de investimentos.

“Investir nestas obras é de suma importância para levar mais segurança a seus moradores e melhorar os corredores logísticos que cortam a capital”, afirmou o secretário João Octaviano. A reunião desta tarde teve as participações também do superintendente do DER, Edson Caram, e do diretor de Operações do Departamento, Jorge Eloy Gomes Pereira.

“Estas estradas que cortam os extremos da cidade são importantes demais. Transportam os moradores e a nossa produção. Por isso é essencial que sejam mantidas em bom estado. Cada centavo deste grande investimento é mais qualidade de vida para os paulistanos”, afirmou o prefeito interino Milton Leite.

Vicinais beneficiadas

– estrada Engenheiro Marsillac: 10,8 kms de melhorias, valor estimado R$ 14.654.058,37;

– estrada Jaceguava-Paiol (continuação da rua Manoel Pires de Moraes e av. Ernesto João Marcelino), 13,8 kms, valor estimado R$ 22.886.295,88;

– estrada da Colina (Barragem, da Colônia e Evangelista de Souza): ligação da SP 270 (km 26) ao município, 13,6 kms, valor estimado R$ 22.123.817,37;

– estrada Ecoturística de Parelheiros e Itaim II (atual av. Professor Hermogenes de F. Leitão Filho), 7,4 kms, valor estimado R$ 12.104.204,29;

– estrada Vargem Grande e Colônia (atual avenida Noel Nutels), 2,2 kms, valor estimado R$ 3.839.660,06;

– estrada Coronel Sezefredo Fagundes, 11,5 kms, valor estimado R$ 19.367.044,48;

– estrada Campo de Baixo, 4,5 kms, valor estimado R$ 6 milhões;

– estrada Ponte Alta, 12 kms, valor estimado R$ 18 milhões;

– estrada Morro do S (atual Morro do S, do Pinhal e J. R. Rodrigues), 3,1 kms, valor estimado R$ 4 milhões;

– estrada Paiol, 8,5 kms, valor estimado R$ 8,5 milhões.

O edital das obras da fase 6 já foi publicado no Diário Oficial no último dia 26 de novembro. Já o edital da fase 7 será publicado neste mês ainda. A previsão de início dos serviços é o primeiro semestre do ano que vem.

O Novas Estradas Vicinais vai recuperar mais de 400 vicinais, somando 3.717 quilômetros de vias em todo o Estado de São Paulo.

O programa faz parte do Pró-São Paulo, pacote de obras que soma investimentos estratégicos em infraestrutura para auxiliar na retomada do crescimento econômico, com oferta de emprego e geração de renda até 2022.

No caso das vicinais, estas obras vão melhorar a logística e ajudar os municípios de SP na manutenção de caminhos que servem para escoamento da produção agrícola e das indústrias e impactam na qualidade de vida das pessoas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

PL regulariza impostos devidos por MEIs e MPEs

Especialista em Direito Empresarial explica que medida atende necessidade urgente de microempreendedores.

Monitor do PIB indica alta de 1,8% em novembro de 2021

Segundo a FGV, o consumo das famílias no trimestre móvel cresce a taxas decrescentes desde junho, ante mesmo período do ano anterior.

Falta de doses suspende calendário de vacinação infantil

Nesta semana continua repescagem para crianças de 11 anos; estado suspende visitas a pacientes para evitar contágio por Ômicron.

Últimas Notícias

Caixa registra recorde em crédito imobiliário

A Caixa Econômica Federal realizou mais de R$ 140 bilhões contratados ao longo de 2021, maior valor da história do banco, com crescimento de...

Vendas do Grupo Patrimar crescem 193,7 no 4T21

O Grupo Patrimar - construtora e incorporadora mineira que atua na baixa, média e alta renda em Belo Horizonte, no Rio de Janeiro e...

Vacina errada em mais de 57 mil crianças e adolescentes

Em meio à campanha de vacinação contra a Covid-19, 57,14 mil crianças e adolescentes em todo o país foram imunizados com doses para adultos...

Pandemia aumenta acesso da população a serviços bancários

Os bancos digitais aumentaram o acesso da população brasileira a produtos financeiros, com destaque para a parcela de baixa renda. Atualmente 19% dos brasileiros...

Moby fecha 2021 com crescimento de 26%

Apesar da pandemia, da crise econômica e da redução na fabricação de veículos, a Moby corretora de seguros conseguiu fechar o ano de 2021...