Governo suspende publicidade no X e Lula vai para o Bluesky

Lula criou conta na rede social rival do X nesta 6ª feira

439

A Secretaria de Comunicação da Presidência (Secom) suspendeu a publicidade institucional na rede social X (antigo Twitter). A informação é do ICL Notícias, confirmada pela pasta. A suspensão teria acontecido por conta dos ataques feitos pelo empresário Elon Musk, proprietário da rede social, contra o Supremo Tribunal Federal (STF), o ministro Alexandre de Moraes, e o presidente Luís Inácio Lula da Silva.

Segundo dados do Portal da Transparência tabulados pelo ICL em parceria com o Sleeping Giants, desde o início do governo Lula, o X já recebeu pouco mais de R$ 4,2 milhões de recursos públicos em publicidade feita diretamente pela Secom, sem contar gastos de ministérios e de empresas públicas de economia mista, como Banco do Brasil e Correios.

Bluesky

O presidente Lula é o mais novo usuário da rede social Bluesky. Ele criou a conta nesta sexta-feira. O Bluesky é concorrente do X.

Lula, assim que entrou na rede social já publicou no perfil sua visita a planta frigorífica da JBS, em Campo Grande, Mato Grosso do Sul, que recebeu licença para exportar produtos para a China.

Espaço Publicitáriocnseg

Importante frisar que Lula não saiu do X.

A Bluesky foi fundada em 2019, é bem parecida com X e está ficando mais conhecida pelos brasileiros por causa da intolerância de Musk e seus ataques ao STF.

Com informações do ICL Notícias, Agência Brasil e Terra

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui