Grama de ouro

Esporte de rico é outra coisa. Enquanto o orçamento da Vila Olímpica que vai alojar os atletas do Pan Americano 2007 está estimado em US$ 3,2 milhões, a pista de hóquei sobre grama que será construída em Jacarepaguá vai consumir, sozinha, US$ 700 mil.
O orçamento total do Pan 2007, segundo o coordenador técnico da Secretaria municipal de Esporte e Lazer do Rio, Carlos Alberto Lancetta, é de US$ 224.327.800. Desse total, a maior parte virá dos cofres da Prefeitura do Rio, cerca de US$ 126 milhões, contra US$ 38,626 milhões da União. Boa parte da verba vai ser consumida na construção de instalações, às quais serão destinados US$ 109,222 milhões.

Largada
Paulo Skaf, presidente da Associação Brasileira da Indústria Têxtil, já conta como certo o  apoio de 88 (70%) dos 126 sindicatos que compõem o colégio eleitoral da Fiesp à sua candidatura à presidência da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo e Centro das Indústrias do Estado de São Paulo, cujas eleições serão realizadas em agosto de 2004. Em evento domingo, Skaf – um dos principais apoios de Lula entre os empresários na eleição, ano passado – reuniu, além dos presidentes dos sindicatos, representantes de todos os Ciesps do estado e 253 empresários de vários setores.
No encontro no Maksoud Plaza compareceram, entre outros pesos-pesados, os empresários Abram Kasinski (Motos Kasinski), Josué Gomes da Silva (Coteminas), Benjamin Steinbruch (CSN), Ivo Rosset (Valisere), Ladislau Brett (VR), Edmundo Klotz (Abia), Miguel Ethenique (Brasmotor), Dorotéa Werneck (Santander/Banespa) e Flavio Rocha (Lojas Riachuelo).

Segurança
A demanda do setor de segurança na área de informática cresce a taxas de 23% ao ano, segundo a consultorias especializada IDC. A Mude, uma das líderes no setor no Brasil, está investindo R$ 500 mil para abiscoitar 25% desse mercado.

Sem comunicação
As presidentes das comissões de Saúde da Assembléia Legilsativa do Rio de Janeiro, Cida Diogo (PT), e de Defesa do Consumidor, Cidinha Campos (PDT), farão uma visita de inspeção e fiscalização em um hospital da rede pública estadual hoje. O maior problema é nos setores de atendimento de emergência. “A solução para problemas desta grandeza e dimensão só será obtida através de ações conjuntas tanto do Governo Federal quanto dos governos Estadual e do Município”, defende a deputada Cida Diogo, acrescentando: “Falta um pacto de gestão entre as três esferas, já que os gestores não estão conseguindo se falar”.

Educação no interior
O município de Paracambi, na Baixada Fluminense, ganhará, em 2004, a primeira Unidade Descentralizada da Escola Técnica Federal de Química. O centro, resultado da assinatura de um convênio entre o ministro da Educação, Cristóvão Buarque, e o prefeito de Paracambi, André Ceciliano, oferecerá três cursos, sendo um de nível superior e dois de nível médio: metrologia, petróleo, gás e derivados e conservação de energia, e terá capacidade para 1.200 alunos. É o  primeiro núcleo fora da Região Metropolitana, onde funcionam duas unidades (no Rio e em Nilópolis).

Companheiros
A nomenclatura administrativa e organizacional continua produzindo pérolas. Em algumas lojas de departamentos, os funcionários passaram a ser chamados de associados. Já o salário…

Blecaute globalizado
A tentativa de transformar a energia numa commodity não deu errado apenas no Brasil Na matriz, os EUA, os problemas se sucedem, da Califórnia à costa Leste. A onda de blecaute chegou à Inglaterra, do outro lado do Atlântico, país da Europa onde privatização e desregulamentação mais avançaram. Um apagão de 34 minutos atingiu na vários bairros de Londres, paralisando trens e metrô.

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorAlô CVM!
Próximo artigoJogada

Artigos Relacionados

‘EUA do Mar’ seria considerado crime de lesa-pátria

Na terra de Biden, entregar navegação a estrangeiros é impensável.

Governo Bolsonaro não dá a mínima para a indústria

País perde empregos de qualidade e prejudica desenvolvimento.

Taxa sobre exportação de petróleo renderia R$ 38 bi

Imposto aumentaria participação do Estado nos resultados do pré-sal.

Últimas Notícias

Fundos de investimento poderão atuar como formadores de mercado na B3

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) autorizou os fundos de investimento a atuarem como formadores de mercado na B3, a bolsa do Brasil. A...

ABBC: Selic deve subir 1,50 ponto percentual

O Comitê de Política Monetária do Banco Central (Copom) se reúne na próxima terça-feira (7) para decidir sobre a nova Selic, a taxa básica...

Ibovespa fecha a semana em alta

(alta de 0,013%). O volume representou uma extensão do movimento positivo registrado na quinta-feira (2), quando o índice fechou com forte alta de 3,66%,...

China: Incentivos fiscais para investidores estrangeiros

A China anunciou que estendeu suas políticas fiscais preferenciais para investidores estrangeiros que investem no mercado de títulos da parte continental do país. A...

Brasileiro teria renda 6 vezes maior com indústria forte

Entre 1950–70, PIB do País foi multiplicado por 10.