Hunan vê crescimento do comércio com os países do Cinturão e Rota

A província de Hunan, no centro da China, viu seu comércio com os países ao longo do caminho do Cinturão e Rota aumentar 19,8% de janeiro a outubro, informou a alfândega de Changsha na terça-feira.

Foto aérea tirada em 30 de agosto de 2021 mostra um fazendeiro secando arroz com casca na vila de Shanshu em Changning, província de Hunan, no centro da Chinal. (Foto de Zhou Xiuyuchun / Xinhua)

Xinhua - Silk Road

 

CHANGSHA, 23 Nov. (Xinhua) – A província de Hunan, no centro da China, viu seu comércio com os países ao longo do caminho do Cinturão e Rota aumentar 19,8% de janeiro a outubro deste ano, informou a alfândega de Changsha na terça-feira.

O volume total de comércio entre Hunan e os países ao longo do Cinturão e Rota atingiu 138,7 bilhões de yuans (cerca de 21,8 bilhões de dólares americanos) durante o período.

De janeiro a outubro deste ano, as exportações de Hunan para a região alcançaram  107,5 bilhões de yuans, um aumento de 17,3%, enquanto as importações totalizaram 31,2 bilhões de yuans, um aumento de 29%.

Os três principais parceiros comerciais da região foram Vietnã, Malásia e Tailândia. Seu volume de comércio foi de 18 bilhões de yuans, 15,6 bilhões de yuans e 14,7 bilhões de yuans com esses três países, um aumento de 10,5%, 32,2% e 22%, respectivamente.

As estatísticas alfandegárias mostraram que as principais exportações de Hunan para a região foram produtos mecânicos e elétricos, que chegaram a 42,8 bilhões de yuans, representando 39,8% do valor total das exportações da província para os países ao longo do caminho do Cinturão e Rota.

As importações de borracha natural e sintética, bem como de minério de metal e areia de minério da região, aumentaram 73,3% para 3,1 bilhões de yuans e 25,3% para cerca de 2,7 bilhões de yuans, respectivamente.

Durante o mesmo período, as importações e exportações de Hunan para a Índia também aumentaram 85,1%, para 12,7 bilhões de yuans. O número para a Indonésia disparou, com um aumento de 90,7%, para mais de 10 bilhões de yuans. Fim

Leia também:

Gigante chinesa fecha a parceria com a ZF para o mercado de reposição

Xinhua Silk Road
Agência de notícias oficial do governo da República Popular da China.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

China toma medida para lidar com a inadimplência da Evergrande

Um passo crucial foi dado para abordar a recente inadimplência da incorporadora imobiliária China Evergrande Group, depois que o governo provincial de Guangdong realizou uma conversa regulatória com seu presidente e concordou em enviar um grupo de trabalho à empresa.

Indústria florestal floresce em Baise de Guangxi excedendo 15 bi yuans

A cidade de Baise, localizada na Região Autônoma Zhuang de Guangxi no sul da China, testemunhou a prosperidade da indústria florestal da cidade desde quando foi aprovada pelo Conselho do Estado para estabelecer uma zona piloto de desenvolvimento crítico e abertura em 2020, resultando em uma produção anual de mais de 15 bilhões de yuans no setor.

Cooperação China-Cingapura cria palcos para talentosos na China

Graças ao aprofundamento da cooperação entre China e Cingapura ao longo dos anos, a metrópole de Chongqing no sudoeste da China atraiu cada vez mais talentosos interdisciplinares a trabalharem juntos por um futuro melhor para os dois países.

Últimas Notícias

Lendas das small caps – market timing, recuperação e liquidez

O Monitor Mercantil publica a segunda parte do trabalho, iniciado no dia 18 de novembro, feito pela Trígono Capital sobre as sete lendas das...

Pesquisa mostra saúde financeira dos brasileiros

O brasileiro está “mais apertado” por conta da pandemia de Covid-19, com 6 em cada 10 pessoas reduzindo gastos neste período. E mais: 66%...

Recorde de retiradas líquidas da poupança: R$ 12,37 bi

O Banco Central (BC) informou, nesta segunda-feira, que as retiradas da caderneta de poupança superaram os depósitos em R$ 12,377 bilhões, em novembro. Essa...

Petrobras poderá se tornar uma empresa suja

A Petrobras anunciou no último dia 24 de novembro seu plano estratégico 2022-2026, com investimentos previstos de US$ 68 bilhões nos próximos 5 anos....

Empresas abertas na pandemia são 452% mais vulneráveis a fraudes

Com a chegada da pandemia e o aumento do desemprego, muitos brasileiros viram no empreendedorismo a oportunidade de conseguir uma renda mensal. A criação...