Identificação com Bolsonaro prejudica marca

Menções negativas associadas ao termo “Havan” cresceram 52% nos últimos 12 meses, mostra levantamento feito pela Bateiah Estratégia e Reputação. Menções negativas ao termo “Bolsonaro” cresceram 108%. O mesmo padrão não foi observado em relação a duas empresas que apareceram no noticiário recente associadas ao bolsonarismo, “KFC” e “Wizard”. A pesquisa avaliou os últimos 12 meses, comparando a terceira semana dos meses de junho/2019 e de junho/2020.

O levantamento mostra a associação por personalismo, caso do Luciano Hang, o “Véio da Havan”, que tem a imagem diretamente ligada ao presidente Bolsonaro. As menções negativas à marca cresceram assim como ocorreu com o termo “Bolsonaro”. Para as empresas associadas ao empresário Carlos Wizard (fundador, mas que já vendeu a Wizard), a identificação não segue a mesma cadência da Havan.

A possível associação entre avaliação de marcas empresariais e de governos pode nascer de fontes variadas. O posicionamento das marcas pode apresentar um apoio direto a um governo, os proprietários e líderes das empresas podem declarar apoio a políticos, ou se apresentar criticamente como oposição ao governo”, destaca Fábio Gomes, presidente da Bateiah.

O que o bolsonarismo representará para o Brasil no futuro? Os efeitos poderão representar a consagração ou a profanação das esperanças. Uma marca identificada com o futuro promissor construído por um governo tem muito a ganhar. Já uma marca vinculada a um cenário (econômico, social e de saúde) trágico pode ser duramente penalizada”, avalia Gomes.

 

Violência

A Associação Nacional de Jornais (ANJ) divulgou nota em que condena o atentado sofrido na noite de quinta-feira pelo jornalista Alex Braga, do Grupo Diário de Comunicação, de Manaus, e aguarda rápida apuração do crime, com a identificação dos autores e mandantes, e seu encaminhamento à Justiça. “É preocupante que a atividade jornalística seja alvo de violências como essa, pois elas atingem não apenas os profissionais da imprensa e as empresas de comunicação, mas sobretudo o direito da sociedade de ser livremente informada.”

 

Zuckerberg e Madonna

O artista plástico Anderson Thives, famoso por suas colagens e um dos únicos artistas brasileiros a trabalhar exclusivamente com técnica que consiste em juntar milhares de quadrados de papel, nas mais variadas cores, tons e tamanhos, ganhou exposição no Facebook, promovida pela Associação dos Embaixadores de Turismo do RJ e Fundação Cesgranrio.

Com curadoria de Bayard Boiteux e Viviane Fernandes, as obras podem ser vistas em diversos museus e galerias do mundo todo e também na casa de diversas celebridades como Mark Zuckerberg e Madonna. A exposição pode ser visitada no Facebook.

 

Não é só álcool em gel

Alguns países e companhias aéreas estão exigindo o exame de PCR de Covid-19, com antecedência de 72 horas antes do embarque. No laboratório e clínica Lach, no Jardim Botânico, Zona Sul do Rio de Janeiro, 20% dos pedidos em junho foram para laudo do exame em outro idioma.

 

Gol contra

Tudo que um recebedor de spam mensal da Gol Linhas Aéreas conseguiu clicando em “cancelar envio” foi passar a receber semanal. Clicou de novo e passou a receber diário. Preferiu não arriscar nova tentativa. Desde então, sua caixa acumula 365 gols contra, da Gol, em 365 dias.

 

Rápidas

A ACT Promoção da Saúde está organizando, em parceria com a Opas e o Ieps, nesta segunda-feira, às 17h, webinar “Tributos Saudáveis: Bom para a Saúde e Bom para Economia”, com o economista Arminio Fraga, entre outros. Detalhes aqui *** Alan Victor entrevista Marco Simões, managing partner MSDpar Investimentos, nesta terça-feira, às 18h, no Instagram @riofaciloficial *** O presidente do Instituto Brasileiro de Direito do Seguro (IBDS), Ernesto Tzirulnik, participará do I Congresso Digital Covid-19: Repercussões Jurídicas e Sociais da Pandemia, promovido pela OAB Nacional e pela ESA, desta segunda até 31 de julho. Mais informações: oab.org.br/congressodigital *** A Aasp realiza nesta segunda-feira, às 18h, o webinar “Governança, Compliance e Proteção de Dados no Desporto”, com o ministro do TCU Augusto Nardes, o velejador Lars Grael e o ministro Wagner de Campos Rosário (CGU), entre outrois. Inscrições aqui.

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

Artigos Relacionados

Juntar 2 meses e meio de auxílio para comprar cesta básica

Não só a pandemia, mas inflação é ameaça às pretensões de Bolsonaro.

Se mirar Nordeste, Bolsonaro atingirá o próprio pé

Região tem menor média de casos e óbitos causados pela Covid.

Neodefensores do trabalhador ignoraram crise

Desemprego já era estratosférico em 2019, e apoiadores de Guedes nem ligavam.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

Campos marítimos do pós-sal estão em decadência

Os campos marítimos do pós-sal já produziram cerca de 16 bilhões de barris de óleo equivalente ao longo de sua história, ou seja, 63%...

Motoboys protestam em São Paulo

Entregadores tomaram ruas de São Paulo contra baixa remuneração e péssimas condições de trabalho

BC altera norma para segunda fase do open banking

Medida complementa regulamentação que estabelece requisitos técnicos de fase que vai permitir compartilhamento de dados e transações de clientes.

Confiança do consumidor medida por Michigan ficou abaixo do esperado

Índice registrou leitura de 86,5 na prévia de abril e o esperado era 89.

Escolha de conselheiros da ANPD preocupa por conflito de interesses

Entre os indicados há diretores e encarregados de dados pessoais de grandes empresas da internet.