Indulto na Malásia, união da oposição, Ciro e o Brasil

Anwar Ibrahim, líder da oposição na Malásia, saiu da prisão nesta quarta-feira após receber o perdão real. Ele cumpria pena há três anos acusado de sodomia. O indulto foi concedido na última sexta-feira, depois de Mahathir Mohamad tomar posse como primeiro-ministro. Mahathir havia prometido que, em caso de vitória nas eleições, cederia o cargo a Anwar logo que ele deixasse a prisão.

Há mais de três décadas, a relação turbulenta de Mahathir e Anwar tem sido parte decisiva na política da Malásia. Anwar começou a carreira como protegido de Mahathir, na década de 80, e em 1993 já era vice primeiro-ministro do país. Poucos anos depois, Mahathir começou a temer a grande popularidade de Anwar, o expulsou do cargo e o acusou de corrupção e sodomia. Embora as evidências fossem frágeis, Anwar foi considerado culpado, em 1999, de corrupção e, em 2000, de sodomia, o que resultou em uma sentença cumulativa de 15 anos de prisão.

A condenação por sodomia é devido à característica da cultura do país, que tem o islamismo como religião oficial. Mas a acusação de corrupção guarda paralelo com outros países, onde a justiça tem sido empregada como forma de retirar do poder os indesejáveis.

Anwar foi autorizado a sair da cadeia em 2004 e voltou para a política em 2008, quando foi líder da oposição na eleição. Mas seu reaparecimento no cenário político trouxe consequências. Em 2010, foi novamente julgado por sodomia. Foi absolvido, depois voltou a concorrer como líder da oposição nas eleições de 2013, ganhando mais votos, mas perdendo para Najib Razak. Um ano depois, a absolvição de Anwar foi anulada e ele foi sentenciado a cinco anos de prisão por sodomia, onde permaneceu até esta quarta.

A improvável união de Anwar com o Pakatan Harapan, partido de Mahathir, se deu, justamente, para tirar a coalizão do primeiro-ministro Najib Razak, Barisan Nacional, do poder. A popularidade de Najib já havia caído drasticamente por supostos desvios de bilhões de dólares de um fundo estatal.

No Brasil, Ciro Gomes, nome forte para unir o país se Lula não puder concorrer, se esquiva de defender indulto ao ex-presidente. Questionado sobre o assunto na Suécia, saiu pela tangente: “Indulto é apenas para aqueles que já foram condenados em todas as instâncias. E Lula ainda está recorrendo da decisão.” O candidato do PDT precisa se livrar a tutela da mídia e assumir a união das forças que querem impedir que o Brasil recue, não 20 anos, mas 50 ou 100 anos.

 

Integração

A respeito da “assimetria” dos procedimentos aduaneiros no Porto de Santos, noticiada por esta coluna, a Associação Brasileira de Terminais e Recintos Alfandegados (ABTRA) alega que, no maior porto do Brasil, há integração eletrônica entre operadores portuários, recintos alfandegados e autoridade aduaneira, “com total segurança e credibilidade dos dados”.

Diz ainda que os valores praticados no Porto de Santos estão longe de onerar os serviços portuários e o custo Brasil. O custo médio da movimentação teria ficado em R$ 0,54 por unidade, em 2017. No mês passado, o custo subiu um pouco, para R$ 0,57.

 

Diga sim

A Legião da Boa Vontade (LBV) entra em campo com a campanha “Fiz um gol pela infância brasileira!”, iniciativa realizada tradicionalmente a cada edição da Copa do Mundo da Fifa, que visa mobilizar doações para a manutenção dos programas socioeducacionais que a instituição realiza em todo o país.

Nesta edição, a campanha recebeu a adesão de jogadores que autografaram uma camisa, que será entregue a quem fizer doações para a iniciativa. Destacam-se Marcelo (lateral-esquerdo do Real Madri); Roberto Firmino (atacante do Liverpool); e Renato Augusto (meia, do Beijing Guoan), todos da Seleção Brasileira. O ponto alto é o autógrafo de Pelé. Detalhes em www.lbv.org/digasim

 

Rápidas

Quinta e sexta-feira da próxima semana, a Associação dos Advogados de São Paulo (Aasp) recebe seis ministros do STJ para o IX Seminário sobre o Superior Tribunal de Justiça. Mais informações: www.aasp.org.br/educacional/cursos *** Neste sábado, das 14h às 18h, o Shopping Jardim Guadalupe promove a Feira de Adoção de Animais Me dê um Lar *** A Band abriu inscrições para a terceira temporada do MasterChef Profissionais. Até 25 de junho *** Esgotadas as vagas para o Almoço do Empresário da Associação Comercial do Rio (ACRJ) da próxima segunda-feira. A palestra será feita pelo pré-candidato Jair Bolsonaro.

Artigo anteriorLava Jato em Guarujá
Próximo artigoDavid contra Golias
Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

Artigos Relacionados

G20 analisa aumentar taxação de corporações, mas…

Proposta tem que ser vantajosa para todos, não só para as sedes das multinacionais.

Botes salva-vidas para a classe A

No mundo de negócios, é tudo uma questão de preço.

Mortes dos essenciais

Aumentam em mais de 50% óbitos de caixas, frentistas e educadores.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

Eleição no Peru está indefinida. Empate técnico entre 5 candidatos

Primeiro turno será no domingo. segundo turno está previsto para o dia 6 de junho.

Equador: Não haverá contagem rápida no domingo de eleições

Arauz, candidato do ex-presidente Rafael Correa lidera as pesquisas com 37% das intenções de voto contra 30% do candidato do Aliança Creo, o banqueiro Guillermo Lasso.

Indicador econômico global mantém trajetória de recuperação

Segundo FGV, fato reflete avanço das campanhas de vacinação contra a Covid.

Brasil movimentou R$ 2 tri em transações com cartões em 2020

Transações digitais foram impulsionadas por modernização do mercado e pandemia.

IPCA de março variou abaixo da expectativa do mercado

Nossa projeção para o ano que vem permanece de 6,5%, podendo ser antecipada para este ano.