Inflação descontrolada

O valor das tarifas bancárias deu um salto de até 21,65%, entre agosto e novembro, segundo pesquisa do Portal Vida Econômica: “Esse aumento substancial das tarifas ocorreu justamente no momento em que o Banco Central, juntamente com o ministro da Fazenda, Guido Mantega, vinham discutindo com a Federação Brasileira dos Bancos (Febraban) critérios, padronização e limites para a cobrança de tarifas bancárias”, observa o consultor financeiro Miguel José Ribeiro de Oliveira, coordenador da pesquisa e âncora do portal.

Que meta!
Segundo a pesquisa, considerando apenas as 21 principais tarifas bancárias cobradas entre agosto e novembro passados, 16 delas (76%) sofreram altas de preços, três (14%) conservaram os valores e duas (10%) reduziram seus preços. Das 16 tarifas cujos preços subiram nesses três meses, 16 (100%) aumentaram acima da inflação do mesmo período medido pelo IPCA, de 0,95%. Considerando todo o sistema financeiro, seis tarifas (10%) tiveram os preços mantidos, 14 (23%) tiveram os valores reduzidos e 41 (67%) subiram. Destas, 32 tarifas (78%) subiram acima da inflação do mesmo período.

No mínimo 47
De acordo com o levantamento do Portal Vida Econômica, o Banco Safra é a instituição financeira que tem a menor quantidade de tarifas cobradas: 47. Já o Banco Santander tem a maior variedade de serviços cobrados dos usuários: 61.

Levitação
Na próxima semana, uma equipe de pesquisadores do Laboratório de Aplicações de Supercondutores da UFRJ apresentará um veiculo de levitação magnética, o Maglev. Baseado em uma tecnologia inovadora, é uma proposta alternativa e economicamente viável para o transporte urbano mais veloz entre as cidades. A apresentação acontecerá no 1º Encontro Nacional de Inovação em Componentes e Equipamentos Eletroeletrônicos (Enicee), que começa essa semana e vai até o dia a 28 de novembro, em São Paulo. O evento é uma iniciativa do da Rede de Entidades Tecnológicas Setoriais (Rets) e da Sociedade Brasileira Pró-Inovação Tecnológica.

UTI
Considerado uma das principais referências da América Latina no tratamento de Aids e câncer, o Hospital Gaffrée e Guinle, na Tijuca, no Rio de Janeiro, está precisando de tratamento urgente da administração pública. Instalado num espaçoso prédio, o Gaffrée é vítima de paredes sujas, carentes de pintura, móveis velhos, falta de condições de trabalho para médicos e outros profissionais, que não têm sequer material básico para exercer seu ofício, inclusive esparadrapo para o curativo dos pacientes. “Em lugar de construir novos hospitais, por que não reformar e aproveitar os já existentes?”, pergunta uma leitora que esteve esta semana no Gaffrée e ficou desolada com as condições que encontrou.

Novos rumos
A CUT do Rio pode sofrer uma baixa na próxima quinta-feira – e uma baixa de peso. O Sindicato dos Metalúrgicos da capital realiza assembléia para decidir se sai da central – mais identificada com o PT. A diretoria dos metalúrgicos é mais afinada com o PCdoB. O movimento sindical, afirmam, vive um momento de divisão entre aqueles que defendem a volta de grandes mobilizações trabalhistas e os que assumem o papel contido de hoje, “apático e engessado”.

Fim do mundo
Sexo e comportamento íntimo parecem ser gatilhos de reações alérgicas, informam médicos citados pela agência de notícias especializada Notisa. Já o ato de beijar tem sido descrito como um fator de risco para reações graves induzidas por alimentos e drogas.

Marcos de Oliveira e Sérgio Souto

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorOcupado
Próximo artigoPró-ricos

Artigos Relacionados

Engie valerá R$ 2,5 bi a mais após acordo com Aneel

Semana passada, o Monitor noticiou que a proposta da Aneel de repactuação do risco hidrológico (GSF) deixaria a conta a ser paga pelo pequeno...

Apelo de Biden ao multilateralismo fica sem crédito

Na ONU, presidente dos EUA desmente mundo dividido em blocos rígidos.

Fintechs e bancos disputam quem cobra mais

‘Não temos vergonha de sermos bancos’, diz Febraban; mas deveriam.

Últimas Notícias

Arrecadação atípica de exportação de commodities turbina receita

Tributos alcançam quase R$ 1,2 tri em 8 meses e batem recorde.

Indústria da hipertensão e diagnóstico por imagem movimentará R$ 22 bi

Foram realizados cerca de 55,6 milhões de procedimentos ambulatoriais e hospitalares.

Receita apreende mercadorias piratas avaliadas em R$ 1 milhão

Foram apreendidos na operação 170 volumes de mercadorias englobando videogames e acessórios, roteadores, entre outros.

Prorrogada a CPI dos royalties do Rio por 30 dias

Prorrogação do prazo se deve à complexidade da matéria e aos vários documentos requisitados que ainda estão sendo recebidos pela comissão.

Governo dos EUA se prepara para paralisação na semana que vem

Em outra frente de luta, líder democrata Nancy Pelosi anuncia acordo sobre pacote de Biden.