Instituto do otimismo

O pífio crescimento de apenas 0,5% do produto interno bruto (PIB) do país no segundo trimestre, em relação ao primeiro trimestre, levou o sempre otimista Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) a reduzir sua previsão para o PIB deste ano de 3,8% para 3,3%. Exatamente no mesmo dia do ano passado, o Ipea também revira sua projeções para o PIB: de 2,8% para 3,5%,  para 2005; e de 3,5% para 4%, para 2006. O ano passado fechou com crescimento de apenas 2,3%, ou 1,3 ponto abaixo do previsto pelos otimistas economistas do Ipea – um erro de 37,14% cometido a três meses do fim do ano passado. É possível que, em 30 de dezembro, o Ipea reduza suas previsões para algo mais próximo do mundo real.

Três páginas
“O PT trocou milhares de páginas escritas por prestigiosos intelectuais ao longo de 25 anos de sua história pelas três páginas da Carta ao Povo Brasileiro”, alfineta o economista Fernando Cardim, da UFRJ, feroz crítico do processo de financeirização da economia, acelerado, segundo ele, no mandato de Fernando Henrique Cardoso.

Sem algemas
Cardim lembrou que, eleito em 1932 para seu primeiro mandato, o presidente norte- americano Francklin Roosevelt também sofreu pressão para assinar uma “Carta aos Estadunidneses”, com o país perto de uma crise financeira de grandes proporções. “Meu mandato só começa em 1933”, esquivou-se Roosevelt, enquanto o governo do PT “claramente abriu mão da economia, escolhendo um médico como único representante do partido nessa área”.

Rua
“Os governantes temem dois barulhos atualmente: o barulho das ruas e dos mercados financeiros. Ultimamente, governos trabalhistas têm conseguido conter apenas o barulho das ruas. Mas quando elas saem de controle, a política econômica muda, como aconteceu na Argentina”. A afirmação é do professor da UFRJ Carlos Medeiros, especialista em desenvolvimento, em seminário que movimentou a universidade, esta semana.

Por favor!
As operadoras de telefonia celular poderão ser obrigadas a pedir autorização aos seus clientes no Estado do Rio de Janeiro, no ato da compra dos aparelhos, para enviarem torpedos com promoções e campanhas publicitárias. A proposta foi aprovada em primeira instância pela Assembléia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), por iniciativa do deputado estadual Alessandro Molon (PT). No entanto, para que os clientes se livrem desse desagradáveis spams, não basta que o projeto vire lei. Antes será preciso travar nova batalha na Justiça, à qual as operadoras têm recorrido contra legislações estaduais, alegando somente deverem obediência à Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), uma espécie de sindicato supremo das empresas do setor.

Zen
Em apenas três anos, a empresa de tecnologia na área de recursos humanos, Apdata aumentou seu faturamento em 80% e quadruplicou o número de funcionários. A fórmula: uma política efetiva de valorização de seus empregados. “Investimos cerca de US$ 2 milhões na construção da sede na Zona Leste, já que a maioria dos colaborados residem na região. Além disso, todos os espaços da empresa foram estruturados com base nos conceitos da arte chinesa Feng Shui, readequando objetos, cores, buscando harmonia e bem-estar aos talentos”, afirma a diretora executiva da Apdata, Luiza Nizoli.
De acordo com pesquisa realizada nos Estados Unidos, os fatores ligados aos aspectos físicos do ambiente de trabalho podem influenciar em até 86% no nível de engajamento dos funcionários.

Sem tropas
Faltando pouco menos de um mês para as eleições, já é possível garantir uma coisa: por falta de votos e de tropas, o candidato do PSDC à presidência da República, José Maria Eymael, não invadirá a Bolívia. Eleito um dos principais motes da campanha de Eymael, a conclamação aos brasileiros para que retomassem as refinarias da Petrobras nacionalizadas naquele país não empolgou o eleitorado.

Pole position
E os juros mais altos do mundo, com a divulgação da inflação mais baixa que o previsto, ficaram mais altos ainda.

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorCapital financeira
Próximo artigoComando

Artigos Relacionados

Engie valerá R$ 2,5 bi a mais após acordo com Aneel

Semana passada, o Monitor noticiou que a proposta da Aneel de repactuação do risco hidrológico (GSF) deixaria a conta a ser paga pelo pequeno...

Apelo de Biden ao multilateralismo fica sem crédito

Na ONU, presidente dos EUA desmente mundo dividido em blocos rígidos.

Fintechs e bancos disputam quem cobra mais

‘Não temos vergonha de sermos bancos’, diz Febraban; mas deveriam.

Últimas Notícias

#Occupy Bovespa

Um mês depois de o MST ter-se lançado na Bolsa, MTST ocupa B3, para protestar contra Bolsonaro, especulação, fome e desemprego.

Copom elevou taxa de juros em 1% para 6,25% ao ano

Aguardamos agora a ata que será divulgada na próxima terça-feira para maiores informações sobre a trajetória da taxa Selic.

Alemanha escolhe sucessor de Merkel no próximo domingo

Eleições deverão ser as mais concorridas dos últimos anos; pesquisas indicam vitória do SPD, social-democrata.

Reajuste salarial fica abaixo da inflação em agosto

Fipe: não houve aumento mediano real como resultado de negociações nos últimos 12 meses; desde setembro, índice tem oscilado de -1,4% a zero.

Clima positivo no exterior deve beneficiar índice Bovespa

Mercado internacional opera no positivo motivado por noticiário sobre Evergrande.