Jogo do poder

JC Cardoso, de Beijing

 

Beijing (Pequim) foi projetada com cinco “quadrados” concêntricos (chamados de anéis), sendo que no primeiro está realmente a administração pública federal e municipal (não tem a figura do governo provincial, mas, se tivesse, certamente estaria ali). É uma estrutura bem antiga, que vem desde quando a capital do país foi instalada aqui. Portanto, anterior ao comunismo e, mais além, anterior mesmo à república.

O mais interessante é que no primeiro anel (onde ficam os três Poderes, o Mausoléu de Mao-Tsé-Tung, a Praça Tianmen, o BC, alguns ministérios, enfim, o “cérebro” do país), o “olho” geográfico está na Cidade Proibida, onde viveu um dia o imperador, verdadeira cidade para nobres, mas proibida aos comuns.

Diferente do que se diz por aí nos guias de turismo, a Cidade Proibida não é um palácio imperial com luxuosos cômodos (como a nossa Quinta da Boa Vista, Buckingham ou Versailles), mas um complexo com vários “médios” palácios em que um era o quarto do imperador, o outro era o da imperatriz, a outra, a ala das concubinas; mais um a cozinha, mais outro palácio que era a sala de jantar; o outro, a biblioteca; o outro, salão de baile; o outro, a chancelaria… Enfim, todos espalhados entre si por gigantescos pátios internos.

Não formam um prédio único, diferentemente do conceito ocidental de palácio. Todo esse complexo fica dentro de uma megacidadela, devidamente fortificada com muralhas, bastiões, baluartes e guaritas. Tudo isso numa ilha (provavelmente artificial, ou talvez “aparada” pelo homem, pois muito “certinha”) no meio de um lago.

Além de uma estrutura extremamente radial a partir do imperador, para o inimigo atacar o centro do poder era preciso, além de ultrapassar cinco zonas de residências, respectivamente dos moradores mais pobres até os mais poderosos (e isso concentricamente, ou seja, de qualquer direção que o inimigo viesse haveria os mesmos obstáculos), e, ainda assim, se chegasse ao anel principal, teria que encarar uma ilha devidamente fortificada até alcançar o monarca.

Ou seja, vários já teriam tombado (e provavelmente o monarca já até teria fugido) até o inimigo conseguir triunfar. Antes disso, soldados, camponeses, fortificações, cavalos, templos e até a imperatriz já teriam sido atacados antes do soberano.

Isso lembra muito um jogo chamado… xadrez.

 

Xadrez

Shian qi (pronuncia-se chian tichi) é xadrez em mandarim, jogo bastante popular no país. Quando o cara vem mostrar como é, trata-se daquele xadrez chinês (como conhecemos aí), que, por vezes, vem até como joguinho para crianças. O xadrez como conhecemos não é nada popular aqui. Pouca gente joga e menos ainda conhece. Quando conhecem, o nome é guoji shian qi (xadrez internacional).

 

Vira

Saúde!, como brinde, em chinês é gan bei! (bei é copo, xícara ou taça; e gan é virar). Ou seja, é o nosso “vira-vira-vira”. Falou gan bei, tem que virar o copo de bebida alcoólica de uma vez só. Se não for assim, não se brinda. Essa história do nosso “saúde!”, dar um gole e depois parar conversar ou comer não existe.

Como no Ocidente, não se brinda com bebida não alcoólica. Também não se é obrigado a brindar, não se exige isso, mas se brindar é gan bei e tem que virar tudo de uma só vez. Se você não virar, só der uma bicada à moda ocidental, o chinês do lado pergunta em inglês ou com a ajuda do tradutor: “Você não vai virar, não?” Ah! E dizem os chineses que os melhores negócios são fechados depois de muitos gan beis.

 

Rápidas

Os ministros do Supremo Tribunal Federal Alexandre de Moraes e Luis Roberto Barroso participam nesta segunda-feira, a partir das 15h, do V Colóquio sobre o Supremo Tribunal Federal, organizado pela Associação dos Advogados de São Paulo (Aasp) e pelo Instituto Victor Nunes Leal (IVNL). Mais informações: www.aasp.org.br/eventos *** Neste sábado, o Center Shopping Rio recebe show da banda Os Cascas, às 19h30 *** O Carioca Shopping abre as portas, neste domingo, para o VII Encontro Anual de Autos Antigos, das 9h às 15h *** Estão abertas, até 10 de setembro, as inscrições para concurso público de nível médio técnico da Marinha do Brasil (MB). Informações em www.ingressonamarinha.mar.mil.br *** A Fiesp realizará em sua sede, na próxima quinta-feira, das 8h30 às 16h30, um debate com especialistas sobre o Porto de Santos. Ao final do encontro, haverá o lançamento do Observatório do Porto de Santos.

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

Artigos Relacionados

Cortes poupam petroleiras e ‘bolsa refrigerante’

Para liberar auxílio emergencial, governo prejudica setores essenciais.

Inflação e PIB expõem falácia do Teto dos Gastos

‘Faz sentido?’, pergunta Paulo Rabello. ‘Claro que não’.

Mirem-se nos exemplos da Shell e da Exxon

Petrobras é fundamental para o desenvolvimento brasileiro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

Investimento chinês em pesquisa aumentará 7% ao ano até 2025

País divulga 14º Plano Quinquenal; desde 1953, PIB cresceu 1.232 vezes.

FMI: orçamento deve atender direitos das mulheres

No Egito, por exemplo, houve mais recursos para serviços públicos de creche.

Planos registram maior número de beneficiários desde dezembro de 2016

Dados de janeiro foram divulgados hoje pela ANS e confirmam tendência de crescimento no país.

MP-RJ pede júri popular para Flordelis e mais oito réus

Deputada é acusada de mandar matar o marido; 11 réus respondem ao processo, mas o MP pediu para não se pronunciar sobre dois deles.

Payroll de fevereiro surpreendeu positivamente as expectativas

Soma-se às surpresas a revisão no número anterior de 49k para 166k e, principalmente, a criação de vagas no setor privado em 465k.