Lobby dos combustíveis subverte lei do mercado

Preços dos combustíveis livres para subir, mas não para descer; valor do diesel está acima do internacional

92
Bomba de combustíveis com diesel
Bomba de diesel (Foto: divulgação)

Nos últimos dias, cresceu a pressão de importadores de combustíveis e refinarias privadas por um aumento nos preços da gasolina e do diesel, com grande participação da nossa imprensa dita imparcial. A Petrobras acabou aprovando uma elevação no valor da gasolina e do gás natural, mas manteve o do diesel. A pressão se baseia no PPI, preço de paridade de importação, herança dos governos Temer e Bolsonaro que pesa nos bolsos dos motoristas brasileiros. Há 2 questões nos preços dos combustíveis. Uma é a incapacidade de concorrência das refinarias e importadores privados. Uma estranha aplicação da lei do mercado, em que os preços sobem quando há alta no exterior, mas não descem quando há redução lá fora.

O lobby privado se baseia no cálculo do PPI pela Abicom, associação que representa os importadores. Apesar de ser parte interessada nos aumentos, é tratada pela mídia como se fosse uma fonte acima de qualquer questionamento. Para a Abicom, havia, antes do aumento desta segunda-feira, defasagem de R$ 0,67 no litro da gasolina e de R$ 0,73 no do diesel.

O Soberano Brasil também calcula o PPI e não tem nenhuma ligação nem com a Petrobras, nem com o setor privado, nem com o governo. O gráfico no site mostrava que realmente havia uma defasagem (de 8,5%) na gasolina, mas sobrepreço de 4,6% no litro do diesel.

Uma terceira fonte é o Rastreador de Preços de Combustíveis da Genial Investimentos; haveria, em 1º de julho, deságio de 18,2% na gasolina (R$ 0,53) e de 8,7% no diesel (R$ 0,32). Mas os preços são dinâmicos: em 17 de junho, a Genial indicava deságio de 9,4% na gasolina (R$ 0,30/litro, quase metade do que apontaria 2 semanas depois) e ágio de 1,6% no diesel (R$ 0,06/litro) versus a paridade de preços do mercado internacional.

Espaço Publicitáriocnseg

Qual o sentido de basear os preços em um parâmetro curto, se são tão voláteis? E aí vem a segunda questão: por que o Brasil, com forte extração de petróleo, com custo de produção de diesel, na refinaria, abaixo de R$ 1,10, precisa vender o óleo por um valor na casa de R$ 3?

Na Bolívia, que não tem petróleo e nem refinarias, o diesel custa nas bombas, o equivalente a R$ 2,50; aqui sai, em média, a R$ 5,94.

Pela paz?

Viktor Orbán, primeiro-ministro da Hungria, este em Kiev com Zelensky, em Moscou com Putin e em Beijing com Xi Jinping. Seguiu para Washington, para reunião da Otan.

Comparado com Bolsonaro, Orbán mostra, se não em outros campos, diferença enorme nas relações internacionais.

‘Nós somos derrotados’

Nesta segunda (8), fez 1 mês do falecimento de Maria da Conceição Tavares. Vale relembrar uma sentença marcante dela: “Nós não somos da elite dominante desse país. A não ser que vocês tenham alguma pretensão a ser. Eu não tenho. Então não é chá e simpatia. Isso é um curso rebelde! Nós perdemos! Nós somos derrotados! Se vocês não fossem derrotados, não vinham para esta universidade [Unicamp], iam pra USP, pra PUC [Rio]. Ou pra Harvard. Estamos lutando pela hegemonia? Imagine! Estamos lutando apenas pra não ficar malucos. Para não dizer besteira demais.”

Rápidas

Dado Schneider faz palestra nesta quarta, às 19h, na Campus Party Brasil 2024 no Expo Center Norte (SP), sobre “Tem como se resolver o conflito de geração no ambiente de trabalho?” Detalhes aqui *** O restaurante árabe Suud participa do Evento Rota Gourmet, edição Rota Cervejeira, de 12 a 14 de julho, no Campo de São Bento, em Icaraí, Niterói (RJ) *** A BeFly foi reconhecida como uma das cinco marcas mais lembradas na categoria “Práticas Reconhecidas em Gestão de RH” na 27ª edição do Top of Mind RH *** Priscila Caldeira, especialista em marketing de estratégia digital e fundadora da Agência Allma Connect, inaugura nesta quarta, 16h, a 1ª casa para influenciadores e marcas na Zona Sul do Rio de Janeiro e também lança o podcast Talk de Influência *** O Ibef-SP abriu inscrições para a 2° Edição do Prêmio Fintech *** O Conselho Federal de Representantes Comerciais (Confere) está realizando uma rodada de palestras com o tema “O Representante Comercial do Futuro”, com José Ricardo Noronha. Para conferir as próximas cidades, acesse aqui *** Nesta quinta-feira, 19h, haverá show do cantor Márcio Bragança com clássicos do samba no Américas Shopping *** O Itaú Unibanco anuncia a abertura das inscrições para o Edital Itaú Esporte 2024. Com prazo até 2 de agosto, disponibilizará cerca de R$ 9 milhões.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui