Lá também

O fato de o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, reafirmar que dispensará tratamento de partido político ao Canal Fox deveria ser considerado pelos espíritos mais críticos que se deixaram confundir pela histeria da boca de urna do cartel que controla a mídia tupiniquim sobre as verdadeiras intenções dos neodefensores da liberdade de imprensa.

Mídia seletiva
Durante palestra no Rio, o jornalista Luis Nassif deu a sua definição para a histeria da mídia hegemônica em relação a supostos escândalos, às vésperas das eleições: “Escandalização da irrelevância”. Nassif, que produz um dos blogs de maior audiência no país, contou também que os leitores criaram um novo método de medir o tempo que falta para as eleições. “Faltam duas capas da revista Veja”, disse

Mídia seletiva – 2
Por que será que o Estadão preferiu omitir dos seus leitores – como salientou o ministro Franklin Martins – a informação de que a base das denúncias contra o filho do ministro foram afirmações constantes de ação popular movida por Angelo Varela de Albuquerque Neto contra a EBC? Por que não disse que tanto Franklin quanto Tereza Cruvinel, presidente da EBC, pediram à AGU e à PF que investigassem suposta ameaça de chantagem de Albuquerque Neto?

Viés de baixa
O analista John Hardy, do Saxo Bank, prevê que a paridade entre euro e dólar rondará a casa dos 1,25 no curto prazo. Nos próximos três meses poderia cair a 1,17 e em 12 meses a 1,12. Hardy está entre os analistas que apostaram na queda do euro, enquanto a corrente majoritária previa a desvalorização do dólar frente à moeda européia.

Se estudar, não beba
A força dos concursos levou a Editora Ferreira, direcionada para o filão, a fazer uma blitz neste domingo, no Rio, nos locais onde serão aplicadas as provas para fiscal do ISS. Antes do início da prova os candidatos encontrarão tendas onde poderá encontrar dicas, sugestões e até lanches – estes para quem usar a camisa da ação de marketing, livremente inspirada na Operação Lei Seca fluminense.

Nas esquinas
“Brasil mostra sua cara – A cultura oculta das esquinas e encruzilhadas” é tema de mesa-redonda no Festival de Cinema do Rio, neste domingo, com Wellington Nunes, apresentador do programa No Templo dos Orixás, o cineasta Pola Ribeiro e a diretora do filme em debate Escravos dos Santos Kelly Hays.

Prevenção
O estrago das chuvas no início do ano no Rio de Janeiro continua chamando atenção. No 45º Congresso Brasileiro de Geologia, que acontece em Belém (PA), até 1 de outubro, técnicos do Serviço Geológico do Rio (DRM-RJ) vão fazer uma apresentação sobre os desastres associados aos deslizamentos.

Ruim de voto
Para quem se orgulha de ser apoiador de ajustes fiscais rigorosos, o candidato do PSDB, José Serra, nos últimos dias, tem se revelado um fervoroso defensor do aumento dos gastos públicos, prometendo elevar o salário mínimo para R$ 600 e até conceder 13º salário para os beneficiados pelo Bolsa Família. A acreditar-se na sinceridade de Serra, suas promessas confirmam que ajuste fiscal é uma pauta que empolga apenas rentistas e o mercado financeiro.

Cabelos brancos
Uma semana de homenagem ao Dia do Idoso foi programada pela Firjan, a partir desta segunda-feira. Palestras e outras atividades gratuitas - como aferição do índice de massa corpórea (IMC) e oficina de estética – ocorrerão no Sesi Tijuca. Informações pelo telefone 0800 0231231.

Esperança
A Emenda Constitucional 62, que praticamente inviabiliza o recebimento de precatórios, não extingue as ações de sequestro que já tramitavam na Justiça antes da promulgação da legislação. A advogada de Direito Público da Innocenti Advogados Associados, Daniela Barreiro Barbosa, destaca que o escritório conseguiu quatro liminares recentes no Órgão Especial do Tribunal de Justiça de São Paulo que restabelecem o sequestro de precatórios alimentares que devem ser pagos pelo Estado de São Paulo.

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorAltivez chinesa
Próximo artigoEm casa onde falta pão…

Artigos Relacionados

Engie valerá R$ 2,5 bi a mais após acordo com Aneel

Semana passada, o Monitor noticiou que a proposta da Aneel de repactuação do risco hidrológico (GSF) deixaria a conta a ser paga pelo pequeno...

Apelo de Biden ao multilateralismo fica sem crédito

Na ONU, presidente dos EUA desmente mundo dividido em blocos rígidos.

Fintechs e bancos disputam quem cobra mais

‘Não temos vergonha de sermos bancos’, diz Febraban; mas deveriam.

Últimas Notícias

Eve desenvolverá modelo de operação de Mobilidade Aérea Urbana

A Eve Urban Air Mobility, empresa da Embraer, e a Bristow Group Inc. (NYSE: VTOL), líder mundial em soluções de voo vertical, anunciaram, nesta...

China: Ampliar apoio à energia verde agrada banco de investimento

O Banco Asiático de Investimento em Infraestrutura (BAII) declarou que dá as boas-vindas ao anúncio da China de aumentar o apoio à energia verde...

XP: Preços de ativos podem sofrer na atual turbulência de mercado

Um dia depois do aumento de 1 ponto percentual da taxa básica de juros, a Selic (agora em 6,25% ao ano), pelo Comitê de...

Projetos de energias renováveis em substituição ao uso do diesel

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e a Eletrobras firmaram um Pacto de Energia para atuarem conjuntamente na busca de soluções...

Proposta atualiza regulamentação sobre as cooperativas de crédito

Texto em análise na Câmara dos Deputados promove uma série de modificações na Lei do Sistema Nacional de Crédito Cooperativo (SNCC), abordando o Projeto...