Lulite

As divulgação das últimas pesquisas eleitorais derrubou literalmente o tucanato. Pelo menos dois membros da direção da campanha de José Serra, o marqueteiro Nizan Guanaes e o deputado Pimenta da Veiga, sumiram do comitê central segunda-feira, alegando terem sido vítimas de um gripe fortíssima. Para desmentir que seu sumiço estivesse relacionado a supostas divergência com Serra devido ao discurso apoplético contra Lula, Guanaes reapareceu, ontem, no comitê. Já Pimenta viajou para Minas Gerais.

Mercado real
Pesquisa da Nielsen detectou que, ano passado, o Brasil possuía cerca de 786 mil pontos-de-venda (PDV) entre bares, farmácias, mercados, supermercados, hipermercados, mercearias, quitandas e empórios. Se somados os outros tipos de pontos-de-venda, esse número pode atingir um milhão. No mercado de propaganda do país, os PDVs movimentam anualmente cerca de um US$ 1,5 bilhão, equivalente a 25% do movimento do setor, estimado pela Nielsen em US$ 7 bilhões anuais. Ainda segundo a pesquisa, 90% dos negócios no comércio passam por PDVs.

Preparativos
De 16 a 19 de janeiro de 2003 será realizado em Belém (PA), o Fórum Social Pan-Amazônico. Será um dos eventos que antecederão o Fórum Social Mundial (FSM), que acontecerá entre 23 e 28 de janeiro, em Porto Alegre (RS), a exemplo dos dois primeiros. Os fóruns sociais regionais europeu e asiático serão realizados, respectivamente, de 7 a 10 de novembro de 2002, em Florença, na Itália, e de 2 a 7 de janeiro de 2003, em Hyderabad, na Índia. Está em discussão a realização de um Fórum Temático Palestina, para debater a militarização dos conflitos no Oriente Médio.
De acordo com o governador do Rio Grande do Sul, Olívio Dutra (PT), o FSM é um processo já consolidado e que está sendo semeado em outras regiões do planeta, o que trará um avanço para as reflexões do fórum de Porto Alegre. “Um outro mundo é possível porque somos milhares a sonhar este sonho. Queremos a globalização da paz e da democracia, um mundo baseado na convivência pacífica, no desenvolvimento auto-sustentável e respeito ao meio ambiente. E juntos iremos construir o mundo que sonhamos”, afirmou.

Meu nome é…
Os dirigentes do Prona acreditam que o presidente do partido e ex-candidato à Presidência da República, Enéas, será o deputado federal mais votado de São Paulo e o campeão de votos (em termos absolutos) do país.

Soberania
O professor e economista Marcos Coimbra, habitual colaborador do MM, faz palestra hoje no Consulado da Itália no Rio de Janeiro (Av. Presidente Antônio Carlos 54 – 2° andar, ao lado do edifício da Maison de France). Será a partir das 18h e o tema é “A inserção soberana do Brasil na economia internacional.

Garantia
Não espelha a realidade a afirmação de que a Prefeitura do Rio de Janeiro emprestou ao governo estadual R$ 150 milhões para o pagamento dos salários dos aposentados e pensionistas do Rio Previdência. De acordo com a Fazenda estadual, o dinheiro não passou de um adiantamento de recursos para evitar o float bancário, em função do repasse de verbas do royalties do petróleo, que é depositado no Banco do Brasil. A prefeitura teve como garantia 50% dos R$ 300 milhões que o governo estadual tem direito em função do pagamento de royalties pela Petrobras – um contrato dessa transação foi assinado entre os executivos municipal, estadual e o Banco do Brasil.

Onda
O crescimento da candidatura Lula fez com que o otimismo tomasse conta do Partido dos Trabalhadores em todo país. Em São Paulo o governador e candidato à reeleição, Geraldo Alckmin (PSDB), já teme que José Genoíno, o candidato do PT, chegue ao segundo turno – o tucano torce por Maluf. No Rio, as próximas pesquisas deverão confirmar um segundo turno, com Benedita da Silva e Rosinha. Candidatos a governador e senador em outros estados também estão surfando na onda petista.

Animais
E o Tony Blair, hein? Contrário à caça à raposa, o primeiro-ministro da Inglaterra é o único dirigente da Europa a apoiar a cruzada de George Bush contra os iraquianos. Em tempo, devido ao seu alinhamento incondicional com os Estados Unidos, Blair é conhecido em seu próprio país como o poodle de Bush.

Artigo anteriorAlvo errado
Próximo artigoDoutor Pangloss
Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

Artigos Relacionados

Governo pode – e deve – controlar progresso tecnológico

Tecnologias transformadoras do século 20 não teriam sido possíveis sem liderança do Estado.

Salário mínimo baixo, gasto do Estado alto

Nos EUA, assistência a trabalhadores que ganham pouco custa US$ 107 bi por ano ao governo.

Privatização da Eletrobras aumentará tarifa em 17%

Estatal dá lucro e distribuiu R$ 20 bi em dividendos para a União.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

Trava política impede recuperação mais forte

Nesta segunda, mercados aqui foram na mesma direção do exterior em recuperação, mas sem mostrar maior tração. 

Sony deixará de vender áudio e vídeo no Brasil

Multinacional japonesa venderá aqui apenas consoles de games importados.

ISM Manufacturing teve a maior leitura desde fevereiro de 2018

Expectativa é de melhora continuada dado o avanço da vacinação, bem como o estímulo fiscal projetado para ser aprovado em meados de março.

Rede estadual de ensino do Rio volta hoje às aulas

Alunos terão aulas remotas e presenciais, com turmas em sala de aula em dias alternados em função da pandemia.

Mercado interno sobe seguindo bom humor global

Exterior avança após pacote fiscal de US$ 1,9 trilhão ser aprovado pela Câmara dos Representantes dos EUA.