Marta Suplicy numa hora dessas?!

Ao sair da prisão, o ex-presidente Lula abordou em seus discursos alguns pontos da conjuntura brasileira. Em um de seus maiores acertos, mostrou que o centro da luta nacional está na derrubada da política econômica neoliberal xiita de Paulo Guedes. Em um de seus vários erros, decidiu acenar para Marta Suplicy como candidata à Prefeitura de São Paulo em 2020.

A crítica à política de destruição nacional provocou a mobilização da velha mídia contra Lula: ele saiu da cadeia sem perceber que o país mudou; está atacando o que está dando certo; ideias ultrapassadas.

Já Marta foi um alívio. Mesmo que ainda tenha algum capital político, saiu por baixo da Prefeitura e poucas chances teria de voltar. Ela traz a imagem da briga pelas políticas identitárias, tudo o que poderiam desejar os opositores do PT.

A reação da mídia retira as dúvidas de quem poderia tê-las: uma vez mais, é a economia, estúpido!

 

Herança das redes

Após o falecimento do Gugu Liberato, seu Instagram ganhou 1 milhão de seguidores, passando dos 2,9 milhões. O advogado especialista em Direito Digital Luiz Augusto Filizzola D’Urso explica que existem duas correntes com relação à herança digital: aqueles que defendem que a conta precisa ser excluída, e outros que defendem que a família herde o controle total e o acesso das redes sociais.

 

Vale táxi

A possibilidade de trocar o valor do vale-transporte por viagens de 99 Taxi e bonificar quem dá carona corporativa levou a Audaz Tecnologia a lançar o aplicativo ABSMob, que conquistou um aporte de R$ 2,4 milhões do Inovacred.

O app já roda em 12 grandes empresas, dentre elas MRV Engenharia e Expresso Nepomuceno. A empresa pretende alcançar 50 mil usuários até o final de 2020. O optante do vale-transporte, por lei, tem que informar a empresa todas as vezes que não utilizar o benefício, só que isso, na prática, não é feito. O aplicativo facilita o trabalho do usuário do vale.

 

Falta de profissionais

Prestes a retomar as obras de construção de Angra 3, o setor nuclear poderá ver incluída no Plano Nacional de Energia (PNE 2050) seis novas plantas nucleares e se depara com uma enorme carência de mão de obra especializada. O professor Aquilino Senra, do Programa de Engenharia Nuclear da Coppe (PEN/Coppe), defende a criação do Curso Nacional em Engenharia Nuclear, com a participação dos tradicionais cursos de pós-graduação em Engenharia Nuclear do país, para solucionar a questão de formação profissional especializada no setor.

Ele lembra que, além de ser uma energia abundante e limpa, existem inúmeras aplicações que são importantes para a sociedade em diferentes campos, tais como: medicina, agricultura, indústria, arqueologia, meio ambiente e geração de energia elétrica. “Apesar da controvérsia em torno do uso da energia nuclear para essa última aplicação ela é eficiente e confiável, respondendo por mais de 13% da geração de eletricidade em todo o mundo”, explica.

Aquilino Senra participou do 5º Seminário sobre Energia Nuclear: Aspectos Econômicos, Políticos e Ambientais, esta semana, na Uerj.

 

Brasiltour

A conta do Senado com passagens aéreas está em R$ 1,33 milhão apenas entre janeiro e novembro. Essa fortuna foi gasta com viagens de servidores. Não inclui senadores. Em tempo: o Senado tem 2.819 funcionários.

 

Mais fácil assim

Fake news no futebol atribui a saúde nas contas do Flamengo à gestão austera do pessoal do mercado financeiro. Contribuiu mais ao resultado o fato do rubro-negro ter recebido, de 2010 a 2018, R$ 520 milhões mais que o Vasco, R$ 598 mi que o Flu e R$ 711 mi mais que Botafogo.

 

Rápidas

O pianista José Carlos Vasconcellos encerra, em Coimbra, o Música no Museu Internacional 2019, neste sábado *** No dia 7 de dezembro, às 20h, a escritora Maíra Shalém lança Elixir de Cristais (editora Chiado) em Búzios, que será no restaurante Pátio Havana, na Rua das Pedras *** O Shopping Jardim Guadalupe recebe, sábado, às 19h, o espetáculo infantil A Magia do Natal, com a Cia de Teatro do Instituto Mundo Novo *** O projeto Ponto de Leitura, do Sesc, estará no Caxias Shopping neste sábado, das 14h às 18h, com pequeno acervo de livros em HQ e revistas em quadrinhos para ler no local *** Fundadora da Fin4Life, a planejadora financeira Ana Beatriz Lima lança no dia 3, às 18h30, no Leblon Corporate (R. Dias Ferreira, 190 – RJ), o livro Meu time foi para o banco, que aborda os conceitos da educação financeira para crianças e jovens.

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

Artigos Relacionados

Inflação e PIB expõem falácia do Teto dos Gastos

‘Faz sentido?’, pergunta Paulo Rabello. ‘Claro que não’.

Mirem-se nos exemplos da Shell e da Exxon

Petrobras é fundamental para o desenvolvimento brasileiro.

Governo pode – e deve – controlar progresso tecnológico

Tecnologias transformadoras do século 20 não teriam sido possíveis sem liderança do Estado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

Preço do diesel avança pelo quarto mês consecutivo

Combustível ultrapassou R$ 4 em fevereiro e os dois tipos, comum e S-10, registraram valores acima de todos os meses de 2020.

Antítese da véspera

Ontem o dia foi completamente diferente da terça-feira, em que começamos o dia raivosos, suavizando mais tarde.

Rio fecha bares à noite e adota toque de recolher

Bares e restaurantes agora só podem funcionar das 6 às 17h; em SP, diretor do Butantan defende que estado seja colocado em fase mais restritiva.

PEC emergencial e pedidos por seguro-desemprego

Mercados europeus fecharam mistos na quarta-feira; indicadores da Zona do Euro tiveram desempenho acima do esperado.

Setor de eventos terá parcelamento e isenção de impostos

Projeto foi aprovado pela Câmara e segue para o Senado.