Melinda Garcia homenageia o centenário da Semana de Arte Moderna

Pinturas abstratas e esculturas podem ser visitadas até 5 de fevereiro.

A artista plástica Melinda Garcia estende a exposição “Imortal: Arte, Alma e Futuro” até o dia 05 de fevereiro para homenagear o Centenário da Semana de Arte Moderna de 1922 que, assim como Melinda, trouxe modernas tendências das artes plásticas, com formas que chocaram os apreciadores de uma arte mais comportada. Era um novo momento de vanguarda que se iniciava e que influenciou diversos artistas ao longo do século, em todas as artes.

Com curadoria de Riccardo Tartaglia e Regina Nobrez, no Centro Cultural Correios RJ, a exposição apresenta 45 peças, entre pinturas e esculturas, abstratas, de diversas épocas, mostrando a imortalidade da alma e da arte, em uma profusão de cores e materiais, que encantam o observador, fazendo-o participar dessa transcendência que a artista quer passar.

A artista também apresenta um outro lado criativo, através do livro ‘Holomovimento: Espelho D’Alma’, escrito para mostrar a importância do movimento transcendente do profano ao sagrado, motivo pelo qual tem duas capas: Surrealismo e Misticismo, para que o leitor possa optar por onde começa sua viagem.

“O que caracteriza, pois, o artista é nem tanto estar inscrito numa realidade social, sendo este o destino comum de todos, artistas ou não, quanto saber e poder extrair dela alguma coisa que se encontre nela em seu estado latente, não prevista ou, em todo caso, não vista pelos outros, e que faça acessar uma realidade e seu conhecimento com sua ação. Nesse sentido, a obra de Melinda Garcia parece bem exemplar da “alma do futuro”, que é o tema desta exposição.” (Bruno Péquignot, Professor Emérito de Sociologia: Nova Sorbonne – Paris 3)

É em seu atelier no Cassino Atlântico – Espaço de Arte Melinda Garcia – que traz à vida as obras que estão expostas na Exposição “Imortal: Arte, Alma e Futuro”. Arte é Imortal porque sua essência nasce na Alma, que é eterna, e o Futuro chega quando essa essência se mistura entre as sensações do artista e do público. Como a Semana de 22, Melinda Garcia está sempre à frente de seu tempo e suas obras serão sempre modernas e imortais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Freixo começa campanha anunciando aumento do salário mínimo regional

Fecomércio diz que 'não se aumenta salário por decreto': 'uma economia que gera emprego é o caminho para melhorar a renda do trabalhador.'

Comércio eletrônico: aumentam as tentativas de fraudes no Rio

Estado representa cerca de 10% das vendas virtuais do país e é responsável por 18% das tentativas de fraudes.

Rio tem 8% da população, mas 10% do número de brasileiros com fome

Comissão da Alerj recomenda aumento da Supera RJ: cada real em transferência de renda retorna R$ 0,50 em tributos.

Últimas Notícias

Anatel recebe cerca de 1 milhão de queixas

Reclamações foram contra serviços de telefonia, internet e TV.

Europa admite 2 pesos na crise na Ucrânia e em Gaza

Cinismo típico da mentalidade colonial

Ação civil para incluir fonte solar em leilão de energia

Associação do setor fala em 'tratamento isonômico para empreendimentos fotovoltaicos participarem de leilões do Governo Federal.'

‘Política do calendário eleitoral reduz preço da gasolina’

Combustível recuou quase 10%; para Deyvid Bacelar, Bolsonaro tirou do preço o ICMS, que ia para escolas, hospitais... mas não mexeu no PPI'.

Freixo começa campanha anunciando aumento do salário mínimo regional

Fecomércio diz que 'não se aumenta salário por decreto': 'uma economia que gera emprego é o caminho para melhorar a renda do trabalhador.'