MEMÓRIA DO CUIDAR - O reitor da Universidade do Rio de Janeiro , Pietro

Registro / 17:45 - 14 de mai de 2002

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor

Novellino, inaugura amanhã, às 10h, na Galeria de Arte Unirio, Av. Pasteur, 296, Urca, a exposição Memória do Cuidar. Além da instalação que reproduz fielmente uma unidade hospitalar com móveis, utensílios e instrumentos inerentes à prática da enfermagem superior, sob curadoria do Laboratório de Pesquisa em História da Enfermagem-LAPHE, o grande público verá relíquias, indumentárias, fotos e documentos que ilustram os 112 anos ininterruptos da primeira escola de enfermagem do Brasil, inaugurada em 1890 por Alfredo Pinto, Ministro da Justiça e Educação do Governo Provisório de Marechal Deodoro da Fonseca. Durante a mostra que poderá ser visitada gratuitamente em dias úteis até 31 de maio, sempre de 10h às 18h, estará uma réplica da lâmpada de prata - símbolo máximo da profissão -, utilizada pela pioneira da enfermagem moderna, Florence Nightingale, em assistência noturna aos feridos na guerra da Criméia, no século XIX. Entrada franca. Ecad vai fiscalizar festas juninas Direito Autoral. Levante esta bandeira para sua festa junina ficar legal. Este é o slogan da campanha idealizada pelo Ecad - Escritório Central de Arrecadação e Distribuição de Direitos Autorais para a Festa Junina 2002. A instituição está enviando malas-diretas para todas as prefeituras do país, 24 mil escolas particulares e usuários gerais como: clubes, associações e instituições religiosas. O objetivo é esclarecer sobre a necessidade da autorização prévia para a realização dos eventos, além de fornecer algumas informações aos usuários. No mês de junho, o país vive uma maratona de festas juninas, evento de grande popularidade no Brasil. A utilização de obras musicais é intensa, seja através de CDs, fitas ou música ao vivo, independente do gênero musical. Essas obras musicais são bens de propriedade dos autores e para que sejam utilizadas publicamente é preciso que se solicite a prévia autorização do Ecad, que é o órgão responsável pela arrecadação e distribuição dos direitos autorais por execução pública musical. A autorização para utilização das obras musicais consiste no pagamento do boleto bancário emitido pelo Ecad, que pode ser pago pelo usuário de música em qualquer banco. Este procedimento é baseado em parâmetros legais conforme prevê a Lei nº 9610/98, que rege os Direitos Autorais. Se o usuário não for responsável pela organização do evento, ele deve solicitar ao organizador a cópia do comprovante de quitação do pagamento ao Ecad. Isso evitará que se caracterize sua responsabilidade solidária, conforme previsto na Lei.

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor