Mercado acionário chinês fecha em alta

O mercado acionário chinês fechou nesta terça-feira em alta, com o indicador referencial, o Índice Composto de Xangai, aumentando 1,59% e fechando em 2.827,28 unidades.

O Índice de Componentes de Shenzhen cresceu 2,47% encerrando o pregão em 10.475,7 unidades.

Também o ChiNext fechou em alta de 3,24% nesta terça-feira, a 1.985,43 pontos.

Igualmente, o mercado acionário de Hong Kong fechou nesta terça-feira com uma alta de 135,07 pontos, ou 0,56%, em 24.435,4 pontos.

O Índice de Hang Seng variou entre 24.283,13 e 24.546,39. O valor das transações somou 111,46 bilhões de dólares de Hong Kong (US$ 14,38 bilhões).

Baixa, por outro lado, nos preços dos futuros de petróleo bruto fecharam em queda nesta terça-feira durante o pregão diurno na Bolsa Internacional de Energia de Xangai.

O preço do contrato de petróleo bruto mais negociado com entrega em junho caiu 13,5 iuanes (US$ 1,92), encerrando o pregão em 280,8 iuanes o barril.

No mesmo dia, o volume total de comércio dos 18 contratos futuros listados na bolsa chegou a 157.955 lotes, no valor de 45,7 bilhões de iuanes.

E também na Taxa Overnight de Oferta Interbancária de Xangai (Shibor), que mede os custos com que os bancos chineses emprestam dinheiro entre si, caiu 38,4 pontos básicos, para 0,994% nesta terça-feira.

A taxa de sete dias diminuiu 14,4 pontos básicos, para 1,707%, a taxa de um mês reduziu 1,2 ponto, para 1,353%, e a de um ano baixou 2,5 pontos, para 1,733%.

 

Com informações da Agência Xinhua

Artigos Relacionados

Cade pede que Petrobras interrompa venda de refinaria

Petroleiros entraram com ação em que contestam preço de venda, metade do valor da avaliação.

Maioria vê PIX como substituto do boleto

Cerca de 6% entendem que a plataforma é um novo cartão de crédito e 2% afirmam que se trata de uma nova forma de conseguir consignados; levantamento foi feito em novembro e dezembro e foi respondido por 1 mil entrevistados.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

Preços dos carros mais vendidos subiram 9,4% em média em um ano

Com 18,23% de variação, Renault Kwid foi o que mais subiu de preço entre os 13 mais vendidos.

PEC Emergencial pode sair da pauta do Senado desta quinta

Parlamentares resistem a cortes na saúde e educação e propõem votar apenas questão do auxílio emergencial.

Desdobramentos da intervenção na Petrobras

Percepção é de que o 'superministro' de Bolsonaro pode estar ficando cada vez mais isolado.

IPCA-15 de fevereiro ficou abaixo da expectativa

Índice mostra variação mais fraca que o esperado em alimentação, educação; já saúde e transportes vieram mais fortes que a expectativa.

Tentativa de superação

Ontem foi dia de recuperação da Bovespa, liderada pelas ações da Petrobras, Eletrobrás e setor bancário.