Militantes antivacina faturam US$ 1 bilhão por ano

A indústria antivacina fatura cerca de US$ 1 bilhão anualmente, levando em conta apenas a chamada “monetização” (anúncios) em portais como Google, Facebook, YouTube, Twitter e Instagram. A receita financeira chega por meio de 425 sites, páginas e vídeos que somam cerca de 59 milhões de seguidores e apoiadores da “causa”.

É o que revela uma publicação do Centro para o Combate ao Ódio Digital (CCDH, da sigla em inglês Center for Countering Digital Hate), relata a RBA. Desde 2019, as 147 principais contas ampliaram em 10 milhões o número de seguidores.

Conforme o CCDH, 40% das páginas anti-vax30 – como é chamado o movimento contra a vacina – está associada a “empresários” que vendem curas naturais. E outros 40% a conspiracionistas. É o caso do QAnon, grupo que acredita que pedófilos canibais governam o mundo.

Leia mais:

Condições de trabalho das mulheres retrocederam 10 anos

OMC quer vacina para países pobres

Brasil já importa laranjas egípcias

Artigos Relacionados

Países ricos se recuperam mais rapidamente, pobres ficam para trás

Lacuna aumenta; vacinação global geraria US$ 9 trilhões até 2025, inclusive para os países desenvolvidos.

Entidades listam falsos argumentos da PEC da reforma administrativa

Proposta quer reduzir número de professores e adotar na saúde tratamentos menos eficazes.

Vendas da indústria de máquinas totalizaram em janeiro R$ 12,5 bi

É o melhor resultado para um mês de janeiro desde 2015.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

Preços dos carros mais vendidos subiram 9,4% em média em um ano

Com 18,23% de variação, Renault Kwid foi o que mais subiu de preço entre os 13 mais vendidos.

PEC Emergencial pode sair da pauta do Senado desta quinta

Parlamentares resistem a cortes na saúde e educação e propõem votar apenas questão do auxílio emergencial.

Desdobramentos da intervenção na Petrobras

Percepção é de que o 'superministro' de Bolsonaro pode estar ficando cada vez mais isolado.

IPCA-15 de fevereiro ficou abaixo da expectativa

Índice mostra variação mais fraca que o esperado em alimentação, educação; já saúde e transportes vieram mais fortes que a expectativa.

Tentativa de superação

Ontem foi dia de recuperação da Bovespa, liderada pelas ações da Petrobras, Eletrobrás e setor bancário.