Neoudenismo

Do secretário de Relações Internacionais, Marco Aurélio Garcia, diante de jornalistas tucanos que cobravam apoio do PT ao candidato do PV à Prefeitura do Rio, Fernando Gabeira, que conta com o PSDB em sua coligação: “Para mim, Gabeira é um novo Lacerda.” Diante do espanto dos jornalistas, que alegaram que a única semelhança possível entre ambos poderia ser “o passado radical comum”, Garcia, ironicamente, só aduziu: “Pois é…”

Sem oposição era fácil
A fracassada empreitada da dupla Aécio Neves/Fernando Pimentel para emplacar um candidato do condomínio PT/PSDB ajuda a desmistificar a fábula da popularidade do tucano que governa Minas Gerais. Na verdade, mais do que popular, Aécio, até então, mostrara-se hábil para remover adversários verdadeiramente competitivos das eleições de que participou. Como os supostos adversários, como o ex-presidente Itamar Franco e o dócil PT local, sempre colaboraram com o “projeto Aécio”, era relativamente fácil vencer eleições no primeiro turno e com alto índice de votos válidos. Bastou, porém, ter adversários com alguma estrutura, para a popularidade de Aécio voltar a seu real patamar.

Quântica
Este mês, o Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas (CBPF) abre as portas de seu Laboratório Didático a professores e estudantes de ensino médio. O objetivo da iniciativa é consolidar, por meio de experimentos interativos, conceitos de física moderna e contribuir para a formação científica de jovens estudantes de física. Graças aos princípios e aplicações da mecânica quântica e da teoria da relatividade, inúmeros bens tecnológicos foram desenvolvidos (GPS, laser, transistor, scanners, tomografia etc.).

“Dupro” crime
Além de irresponsáveis e mal-intencionados, os hackers que se divertem disseminando vírus através de mensagens de correio eletrônico cometem também outro tipo de crime, tão ou mais hediondo: o assassinato da língua portuguesa. Um desses spams mais corriqueiros na Internet começa assim: “Comfidéncial: Oi olha: me desculpe por min meter em sua vida…”

Urnas e mídia
Só um critério muito elástico, difícil de explicar pelos padrões apenas jornalísticos, poderia permitir a inclusão do governador do Rio de Janeiro, Sergio Cabral, entre os vencedores das eleições municipais. Ao ver o número de prefeituras de seu PMDB minguar e ser derrotado nas principais cidades da Região Metropolitana, Cabral só mantém esperanças – cada vez mais ameaçadas – de vencer no segundo turno na Capital.

Marca
Apesar do magro resultado eleitoral do seu candidato a prefeito do Rio, deputado Chico Alencar, o PSOL comemora um feito na sua estréia nas urnas em pleito municipal. A legenda do partido foi a quarta mais lembrada para vereador: 28.224 votos, atrás apenas de PMDB (108.980), PRB (57.738) e PT (54.434), superando partidos já estabelecidos, como DEM, PSDB, PPS, PDT, PP e PSB. Numa eleição marcada pela despolitização, não deixa de ser um pequeno alento o registro da existência de eleitores que ainda se movem pelas idéias dos partidos.

Natal
Para a realização da Campanha Natal Permanente da LBV (“Jesus, o Pão Nosso de cada dia”), na cidade do Rio de Janeiro, diversos artistas se unirão para participar de uma sessão de fotos e da gravação de um videoclipe, nesta quarta. O padrinho da campanha é o diretor global Jorge Fernando. Participarão também esportistas como Virna e Nalbert, do vôlei, e os ginastas Daniele e Diego Hipólito. A finalidade é incentivar a sociedade a doar alimentos não-perecíveis, os quais serão distribuídos em cestas a milhares de famílias.

Termômetro – 1
Os principais anunciantes da Globo Internacional, nos últimos dias, têm sido empresas especializadas em mudanças dos Estados Unidos para o Brasil.

Termômetro – 2
Os boatos no mercado norte-americano dão contra de que um “bancão” não verá Papai Noel.

Marcos de Oliveira e Sérgio Souto

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorDesalento
Próximo artigoSem pára-quedas

Artigos Relacionados

É urgente a revogação da PPI

Federação do Fisco taxa PEC de Bolsonaro de eleitoreira.

Olavo de Carvalho, quem diria, já escreveu no MM

Críticas à ‘Nova Ordem Mundial’, ‘Globo’, ‘Time’ e Garotinho.

Commodities voltam a subir e ameaçam inflação

Brasil dependerá, mais que nunca, do comportamento do real frente ao dólar.

Últimas Notícias

Taxa de juros dos EUA se mantém, mas deve subir em março

O Comitê Federal de Mercado Aberto (Fomc, na sigla em inglês) do Federal Reserve (Fed), Banco Central dos EUA, anunciou nesta quarta-feira, manter a...

Cargas tributárias foram aliviadas em 2021 na China

A China cortou cerca de 1,1 trilhão de iuanes (US$ 173,9 bilhões) em impostos e taxas em 2021, em meio aos esforços do país...

Receita de máquinas e equipamentos aumentou 21,6% em 2021

A receita líquida do setor de indústria de máquinas e equipamentos no país aumentou 21,6% em 2021, na comparação com o ano anterior, revela...

Petrobras faz inspeções remotas e intervenções preventivas

Com destino ainda incerto considerando a ótica do governo atual que em diversas vezes cogitou publicamente em colocar a estatal na lista da privatização,...

Vistoria remota reduz custos e protege as pessoas

Em tempos de pandemia, a Delphos disponibiliza uma ferramenta que atende à necessidade de proteção da vida das pessoas, sejam os profissionais que fazem...