Ningxia lança plano de 5 anos para promover BRI e abertura

A Região Autônoma da Etnia Hui de Ningxia, do noroeste da China divulgou recentemente o 14º Plano Quinquenal (2021-2025) para promover a Iniciativa do Cinturão e Rota (BRI, sigla em inglês Belt and Road Initiative) e um nível mais alto de abertura para o mundo exterior. Isso certamente promoverá a prosperidade econômica regional e cooperação internacional, relatou o Ningxia Daily Monday.

Foto aérea tirada em 6 de novembro de 2021 mostra uma cena de neve do Parque Yuehai em Yinchuan, Região Autônoma da Etnia Hui de Ningxia, noroeste da China. (Xinhua / Feng Kaihua)

Xinhua - Silk Road

 

BEIJING, 22 Dez (Xinhua) – A Região Autônoma da Etnia Hui de Ningxia, do noroeste da China divulgou recentemente seu 14º Plano Quinquenal (2021-2025) para promover a Iniciativa do Cinturão e Rota (BRI, sigla em inglês Belt and Road Initiative) e um nível mais alto de abertura para o mundo exterior. Isso certamente promoverá a prosperidade econômica regional e cooperação internacional, relatou o Ningxia Daily Monday.

De acordo com o plano, Ningxia abrirá múltiplas rotas aéreas domésticas e internacionais, conectando Ningxia com os países e regiões da Ásia Central e Nordeste da Ásia, com intuito de manter um intercâmbio e cooperação próximos com outras cidades chinesas e com países estrangeiros por meio de conectividade de transporte sólida.

Para fortalecer ainda mais o papel da indústria do vinho como pilar no desenvolvimento econômico da região, Ningxia propôs a preparação de uma área piloto abrangente dedicada à indústria da uva e do vinho, e na criação de uma plataforma de comercialização de vinho.

Enquanto isso, Ningxia também vai solicitar ao governo central o estabelecimento de uma zona de livre comércio (FTZ, sigla em inglês free trade zone), com objetivo de promover uma zona piloto de abertura de nível ainda mais alto no interior da China.

De acordo com o plano, também serão feitos esforços para construir um moderno sistema industrial em Ningxia, representado pela energia do hidrogênio e pelos setores de fabricação de equipamentos de ponta. Ao mesmo tempo, as colaborações internacionais entre empresas serão bem-vindas para alcançar o resultado ganha-ganha. Fim

Xinhua Silk Road
Agência de notícias oficial do governo da República Popular da China.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

China intensifica reforma de classificação de risco no mercado

A China intensificou a reforma no setor de classificação de créditos, à medida que novas regras para melhorar os padrões e regulamentações do setor entraram em vigor em 6 de agosto, em meio ao esforço mais amplo do país para reduzir os riscos financeiros e liberar ainda mais o potencial de seu enorme mercado de títulos.

China aprimora serviços de transporte para atender viagens de verão

A China vem aprimorando os serviços de transporte ferroviário e aéreo na corrida de viagens de verão, a fim de garantir viagens seguras para os passageiros.

Exportações de NEV da China aumentam 37,6% no ano em julho

As exportações de veículos de nova energia (NEV, sigla em inglês) da China registraram um crescimento anual de 37,6%, chegando a 54.000 unidades em julho, segundo os dados da Associação Chinesa de Fabricantes de Automóveis (CAAM).

Últimas Notícias

Fiagros têm captação líquida satisfatória até junho

Esses fundos entraram em operação em agosto de 2021

Vendas financiadas de veículos leves e pesados crescem pouco

Em relação a julho de 2021, no entanto, queda é de 18,8%

Índices influenciaram o mercado nesta semana

Ibovespa encerrou nesta sexta-feira com alta de 2,33%

Petrobras informa sobre venda de direitos minerários de potássio

A Petrobras informa que iniciou a etapa de divulgação da oportunidade (teaser), referente à venda de seus direitos minerários para pesquisa e lavra de...

China aposta no controle da inflação este ano

BPC: condições favoráveis para manter os preços geralmente estáveis