O candidato ostentação

Ao ver Donald Trump, “pensamos em Silvio Berlusconi, Vladímir Putin e os Le Pen, pai e filha. Pensamos em una nova Internacional, não do comunismo, mas da vulgaridade e da ostentação, em que o universo político se reduz às dimensões de um set televisivo. A arte do debate reduzida a proferir frases picantes; os sonhos das pessoas convertidos em delírios faraônicos; a economia transformada em grotescos contorcionismos corporais”. A ferina análise foi feita por Bernard-Henri Lévy, um dos fundadores do movimento Nouveaux Philosophes (Novos Filósofos), em artigo publicado pelo jornal espanhol El País.

A comparação com Berlusconi parece mais adequada do que com Putin (o italiano e o russo, diga-se, têm quase nada em comum). Mas o fenômeno Donald Trump – se é que pode-se chamar de fenômeno – ainda é um caso a ser destrinchado. Direitista, xenófobo, sexista… pelo menos é o perfil assumido pelo quase candidato republicano, hábil em manipular a própria imagem na televisão. Para o eleitor, porém, parece mais importante o discurso antiestablishment, a favor do protecionismo e crítico ao livre mercado – o que tem tirado mais o sono da cúpula do Partido Republicano do que a possibilidade de perder a eleição para Hillary Clinton.

Trump, de certa forma, encarna o antipolítico, e o apoio a sua candidatura – mesmo com o excesso de botox – é mais uma face da desilusão do eleitor, cada vez mais afastado do sonho norte-americano.

Leão digital

A Receita não perde tempo: já avisou que ganhos com os bitcoins – apesar de, pela regulação brasileira, não serem considerados moedas ou valores mobiliários – estão sujeitos a cobrança do Imposto de Renda. O saldo em 31 de dezembro de 2015 deve ser informado no item “Bens e Direitos” da declaração, com o código “Outros bens e direitos”. Como não existe uma cotação considerada oficial para a moeda digital e sua emissão não é controlada por nenhum órgão do governo, é possível usar cotações como a do Mercado Bitcoin para o cálculo dos ganhos.

De acordo com a Receita, quando as vendas em um mês são maiores que R$ 35 mil, os ganhos de capital devem ser tributados em 15%, e o pagamento do imposto deve feito até o último dia útil do mês seguinte ao da transação.

Chora

Confirmando cálculos feitos por esta coluna sobre a manifestação na orla de Copacabana, um leitor mandou duas fotos aéreas da mesma área, publicadas pelo O Globo: uma com o público do ato de domingo, e outra com o desfile do bloco Chora me Liga, que saiu no sábado antes do Carnaval. Apesar de visivelmente maior que a passeata contra o PT, o jornal estimou em 100 mil o número de participantes do bloco, 10% do que estimou para a manifestação.

Supremo

As nomeações dos juízes da Suprema Corte pelos presidentes dos Estados Unidos não têm os pudores que se exige aqui no Brasil. São indicados progressistas ou conservadores, de acordo com a linha do governo no poder. Já no Brasil, a oposição, que falava em domínio do Supremo pelo PT, está até agora tentando arrumar desculpas para a punição de petistas pelo STF.

Barack Obama anunciou nesta quarta a indicação do juiz Merrick Garland para integrar a Suprema Corte, na vaga que pertencia a Antonin Scalia, morto no mês passado. Obama fez um apelo para que o Senado, dominado pela oposição republicana, aprove o nome.

Rápidas

O VP Financeiro da agência nova/sb, Antonio Calil Cury, é o convidado para fazer a palestra de abertura do Workshop Banho de Gestão, organizado pela Associação dos Profissionais de Propaganda, que acontece nesta quinta-feira na ESPM *** A FGV abriu inscrições para 45 cursos de curta duração, com no máximo 120h/aula, em São Paulo e Rio de Janeiro. As novidades são: Gestão de Crédito; Gestão de Compras: Negociação e Avaliação de Fornecedores; Relações Internacionais; e Dimensões do Uso da Tecnologia da Informação. Informações: 0800.772.2778 *** Numa parceria entre a Associação dos Advogados de São Paulo (ASSP) e a Escola Superior de Advocacia do RS (ESA/RS), o advogado gaúcho Eduardo Barbosa ministrará um curso sobre o tema “Indenizações no Novo CPC”, nos próximos dias 22 e 23, presencial e online, às 19h. Mais informações na Diretoria Cultural da ASSP no telefone 0800-7775656 *** No próximo dia 29, a Associação Brasileira de Franchising no Rio de Janeiro (ABF Rio) promove a palestra “FBI das Vendas” com a especialista em Marketing Pessoal e Vendas Dany Padilla. Mais informações: [email protected] *** Os impactos da Lei da Repatriação serão debatidos na AmCham Rio, nesta sexta-feira, com os especialistas Mario Graziani Prada, sócio tributário do escritório Machado Meyer Sendacz, Opice e Falcão Advogados, e Nélio Machado, fundador do escritório Nélio Machado Advogados. Inscrições no site www.amchamrio.com *** Estão abertas as inscrições para concurso para o Colégio Naval, instituição de ensino médio da Marinha do Brasil. São 200 vagas de nível fundamental, sendo 40 reservadas para negros. As inscrições estarão abertas entre 17 de março e 18 de abril no site www.ingressonamarinha.marl.mil.br

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

Artigos Relacionados

Bolsonaro comanda pior resposta à pandemia da AL

Para formadores de opinião, Brasil foi pior até que a estigmatizada Venezuela.

Cem anos de Celso Furtado

A atualidade de um dos mais importantes intelectuais do planeta.

A Disneylândia espacial dos trilionários

Jornada nas estrelas escancara a desigualdade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

Balanços guiarão, aparentemente, os mercados hoje

Europa e Nova Iorque precavidas, Ásia continua em queda livre.

Confiança da construção atinge maior nível desde março de 2014

Índice teve alta de 3,3 pontos e chegou a 95,7; já inflação do setor cai para 1,24% em julho.

IPCA-15 apresentou alta de 0,72% em julho

Maiores contribuições vieram da categoria habitação (2,14%), que contribuiu com 0,32%, e de transporte (1,07%), que adicionou 0,22%.

Itaú Unibanco deixa administração da XP

Decisão foi tomada no último dia 23, após análise concorrencial e prudencial; cisão foi aprovada pelo Banco Central.

Abertura de mercado

Após fim de semana tenso, segunda é sempre de trégua, pela ausência de parlamentares em Brasília, quanto mais em período de recesso.