O porto de Erenhot registra mais de 100.000 TEUs de carga no total

318
Um trem de carga China-Europa atravessa o portão nacional no Porto de Erenhot, na Região Autônoma da Mongólia Interior, norte da China, em 8 de janeiro de 2021. (Foto de Guo Pengjie/Xinhua)

Um trem de carga China-Europa atravessa o portão nacional no porto de Erenhot, na Região Autônoma da Mongólia Interior, no norte da China, em 8 de janeiro de 2021. (Xinhua/Guo Pengjie)

Xinhua - Silk Road

 

Hohhot, 11 mai (Xinhua) — A movimentação total de contêineres do porto fronteiriço de Erenhot, na Região Autônoma da Mongólia Interior, no norte da China, atingiu 100.000 unidades equivalentes a vinte pés (TEUs) desde a primeira operação experimental do trem de carga China-Europa através do porto de Erenhot em 2013, informou o jornal local nesta terça-feira.

Espaço Publicitáriocnseg

A partir deste ano, a alfândega de Erenhot otimizou e integrou ainda mais o processo de supervisão dos trens de carga China-Europa, reduzindo o custo do tempo de processamento para empresas, criando assim um ambiente de negócios de alta qualidade com desembaraço aduaneiro mais facilitado, bem como garantindo a boa operação dos trens de carga China-Europa.

Atualmente, as commodities domésticas que passam pelo porto de Erenhot cobrem a região do Delta do Rio das Pérolas, o Delta do Rio Yangtze e outras regiões, enquanto que o escopo de suas fontes no exterior também está se expandindo. A operação estável dos trens de carga China-Europa nesta cidade estabeleceu uma marca internacional de transporte ferroviário em todo o mundo, e forneceu um forte apoio para a implementação da Iniciativa do Cinturão e Rota.

O porto ferroviário de Erenhot, único porto ferroviário entre a China e a Mongólia, é um importante canal de exportação de mercadorias nacionais para a Mongólia, Rússia e Europa. Fim

Leia também:

Volume de frete ferroviário na China atinge recorde em abril

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui