O que é um conselho consultivo familiar e qual a sua importância

Por Felipe Cervone, Arthur Carvalhaes e Marcela Nicoletti.

Atualmente, começamos a escutar cada vez mais sobre a criação de um conselho consultivo dentro das boas práticas de governança corporativa. Ele surge com crescente necessidade de trazer especialistas e líderes capacitados para dentro das empresas, para estimular a troca de experiências e auxiliar a gestão. Ou seja, torna-se um fórum de opiniões, não deliberativas, que estipulam a disciplina e aconselham quanto à aplicação das boas práticas de governança.

Além disso, a presença de um conselho consultivo é primordial para que os gestores da empresa possam ter uma avaliação independente acerca das diversas demandas do próprio negócio. Isso ocorre, pois, o conselho consultivo é capaz de agir sem conflito de interesse, focando apenas nas decisões objetivas e que visem sempre o melhor resultado para o negócio.

Neste contexto, estruturar um conselho consultivo dentro de negócios familiares também traz grandes benefícios, já que é muito comum que as relações emocionais e familiares se confundam com o profissional, podendo afetar as decisões estratégicas da empresa.

O “conselho consultivo familiar”, além dos pontos anteriores, ganha grandes especificidades nas empresas familiares, como fortalecer e incentivar a união familiar, facilitar a comunicação, promover a transparência, mediar e resolver eventuais conflitos entre o negócio, a família e o patrimônio.

Portanto cabe a ele assegurar o legado da família, com seus princípios e valores éticos, podendo, por exemplo, definir critérios de ingressos de familiares na gestão, preparar os herdeiros para participar do negócio, criar mecanismos para resolução de casos de conflito de interesses e as condições de saída do negócio.

Para que o conselho consultivo familiar tenha uma melhor efetividade, é importante que seja composto por representantes de todos os núcleos familiares e das diversas gerações, sendo necessário, também, que seja liderado por um familiar que tenha poder de agregação reconhecido pelos membros (principalmente para mediar conflitos). Ainda, nos casos e situações de conflitos complexos, poderá o conselho consultivo familiar utilizar da contribuição de um profissional de fora da família para sugerir ações harmônicas de um ponto de vista neutro.

Dentro desta estrutura, é comum a criação de comitês que facilitam o desempenho das funções e atribuições dos conselheiros, como por exemplo, comitê de integração familiar, comitê de desenvolvimento de herdeiro e comitê de comunicação familiar. Com a criação destes comitês, as discussões se tornam mais direcionadas e atingem um grau maior de contribuição.

Apesar de muitas empresas familiares não terem a possibilidade de estabelecer um conselho consultivo familiar estruturado como o descrito acima, todas elas devem estar cientes da necessidade de que seus membros criem um momento de diálogo e trabalhem no sentido de alinhar objetivos e de distinção entre família e negócio.

A implantação de um bom conselho consultivo familiar não é algo rápido e nem fácil, mas é de extrema importância e, quanto antes as empresas iniciarem esse processo, melhores serão as condições de enfrentar possíveis desafios. Um conselho consultivo familiar eficiente tem a capacidade de alcançar metas e resultados de longo prazo muito mais consistentes com o objetivo estratégicos organizacionais, sendo ideal para garantir a perenidade de longevidade das empresas familiares.

 

Felipe Cervone é advogado especialista da área societária e sócios do escritório Finocchio & Ustra Advogados.

Arthur Carvalhaes é advogado especialista da área societária do Finocchio & Ustra Advogados.

Marcela Nicoletti é estagiária do Finocchio & Ustra Advogados.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

A nova era do mercado financeiro

Por Alexandre Lodi.

‘Cultura e Sociedade’

Por Paulo Alonso.

Últimas Notícias

B 3 lança novos produtos para negociação de estratégias de juros

Operações são estruturadas de contratos futuros de DI, DAP e FRC

JBS tem governança fraca, mas perfil de negócio forte

JBS tem governança fraca, mas perfil de negócio forte

Brasil corre risco de desabastecimento de diesel

Alerta foi feito inclusive pela direção da Petrobras

Lucros das empresas subiram 55% no primeiro trimestre

Em abril, quase metade das categorias de trabalhadores não conseguiu repor inflação.

PIB dos EUA cai mais que previsto, porém inflação perde ritmo

Recessão não está descartada, segundo analistas.