O que é ruim a gente esconde

No que ficou conhecido como Escândalo da Parabólica, no final de 1994, o então ministro da Fazenda, embaixador Rubens Ricupero,...

No que ficou conhecido como Escândalo da Parabólica, no final de 1994, o então ministro da Fazenda, embaixador Rubens Ricupero, admitiu que “o que é bom a gente fatura, o que é ruim a gente esconde”. A gravação vazada pelo sinal aberto das parabólicas culminou com a renúncia do ministro. O que foi criticado há 23 anos virou moeda corrente no Governo Temer. O ministro da pasta “evitar ser preso”, Moreira Franco, divulga apenas o resultado parcial de uma pesquisa do sempre a postos Ibope sobre Previdência – apenas a parte que interessa aos que tentam empurrar a reforma goela abaixo do cidadão. No BNDES, a nota distribuída à imprensa sobre o desempenho em 2017, nesta terça-feira, bebe no “que é ruim a gente esconde”.

A nota destaca o crescimento de 9% nas liberações do banco para micro, pequenas e médias empresas, mas não toca no dado sobre os desembolsos totais, que caíram 20% em relação a 2016. Não fica só nisso. Ao detalhar por setores, afirma o BNDES que infraestrutura teve crescimento de 4%, e o setor agropecuário “também foi destaque: os desembolsos cresceram 3%”. Mas, ao falar sobre os dois restantes, apresentam apenas os números: R$ 15 bilhões ao setor industrial e R$ 14,5 bilhões ao de comércio e serviços. Bem, este jornal apresenta as contas que não foram “faturadas”: para a indústria, queda de 50%; no comércio, de 21%.

Tanta tortura nos números serve para jogar para debaixo do tapete o dado de que, desde a chegada de Temer ao poder, os desembolsos do BNDES estão em queda livre: 35% em 2016 em relação a 2015, e 20% no ano passado com relação ao anterior. O resultado é que os R$ 70,8 bilhões desembolsados em 2017 representam o menor valor desde 1999, em valores corrigidos.

 

Treze na vitrine

O BNDES está se especializando no esquema parabólica de comunicação. No início do ano, época de poucas notícias, a diretora de Infraestrutura, Marilene Ramos, comemorava uma alta de 13% nos desembolsos para o setor em 2017.

Questionada pela reportagem do MONITOR, que pesquisou no site números diferentes, a assessoria de imprensa explicou que “os dados divulgados agora referem-se à Diretoria de Infraestrutura, que concentra as áreas principais do setor, como energia, saneamento e transportes. Outra Diretoria do BNDES, a de Indústria, também atende a investimentos de setores de infraestrutura, como óleo e gás e telecomunicações. Talvez isso não tenha ficado claro na divulgação.”

E continua o BNDES: “Assim, dentro dos R$ 25,9 bilhões citados no site, estão incluídos os R$ 17,54 bilhões da Diretoria de Infraestrutura.” O que ficou claro agora é que 13% era um percentual robusto, mas o número total foi bem mais modesto, apenas 4%.

 

Desemprego? Que desemprego?

O Estadão embarcou na canoa da Poliana e preferiu enxergar que o nível de emprego deu sinais de melhoras no final de 2017. Jogou para segundo plano o dado principal: a maior taxa de desocupação média da história.

 

O autor, o autor

O desemprego recorde foi a pá de cal na candidatura (se é que alguém levava isto a sério) do ministro da Fazenda, Henrique Meirelles.

 

Leão sem dentes

Os bancos anunciam novos lucros recordes. Por que então o recolhimento de impostos e contribuições das entidades financeiras caiu 10% em 2017?

 

Rápidas

O calendário está ficando mais colorido que bandeira LGBT. Fevereiro é roxo, mês de conscientização do Alzheimer, fibromialgia e lúpus, e também laranja, para lembrar a leucemia. Acaba perdendo o objetivo de mobilizar os cidadãos *** O Movimento pela Proteção Integral de Crianças e Adolescentes realizará audiência pública para debater o Projeto de Lei do Senado 394/2017, que estabelece o Estatuto da Adoção, nesta terça-feira, na Assembleia Legislativa de São Paulo, às 13h. A entidade é contra o PLS *** Em ritmo de carnaval, neste sábado o West Shopping recebe roda de samba com Nando do Cavaco *** A Festa Ploc 80 estará nesta sexta no Caxias Shopping (RJ) *** O Shopping Pátio Alcântara, em parceria com a Secretaria de Saúde de São Gonçalo, oferece entre os dias 5 e 9 vacinação gratuita para febre amarela, das 11h às 16h *** Programação do Ibef-Rio para educação empresarial em fevereiro: Investigação de Fraudes (23), Gestão de Departamento Jurídico (23), Departamento de Compliance (27), Big Data (28) e Excel Intermediário (28) *** Será na terça-feira a posse da nova diretoria na Associação dos Engenheiros da Petrobrás (Aepet), no Clube de Engenharia, RJ, a partir das 18h.

 

 

 

 

 

 

 

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Ameaça de demissões expõe crise na Saúde

Piso de menos de 4 SM para enfermagem revela desvalorização.

Qual a parcela de culpa da Ericsson no terrorismo?

Multi sueca é processada por pagar propina no Iraque que teria chegado ao Estado Islâmico.

BC eleva juros, mas inflação segue disseminada

Remédio errado a partir de diagnóstico equivocado.

Últimas Notícias

Cinco gigantes estatais chinesas abandonam Bolsa de Nova York

Anúncio ocorre em meio a tensão entre China e EUA; ações seguirão negociadas em Hong Kong e Xangai.

Desemprego cai em 22 das 27 unidades da federação

Tocantins teve maior recuo no segundo trimestre do ano.

TCU encontra brechas na segurança de informação federal

Equipamentos pessoais constituem risco de entrada para ataques.

Brasilux entra no mundo do metaverso

Empresa cria evento com a apresentadora Renata Fan em auditório virtual.

Vendas do setor de cerâmica caem 14%

No primeiro semestre de 2022, o volume de vendas de revestimentos cerâmicos no mercado interno caiu 14% na comparação com igual período de 2021,...