O silêncio nada inocente

O juiz Sérgio Moro esteve na berlinda neste final de semana. Matéria na Folha falava de denúncia contra o padrinho de casamento e ex-sócio no escritório da mulher do juiz; no Estadão, pesquisa mostrou o declínio da imagem de Moro perante a população. Os dois fatos, um grave e o outro simbólico, mostram que a Lava Jato está longe de ser a unanimidade que apresentavam. Mas aí está o perigo: que apresentavam enquanto o alvo era o PT e a esquerda. Quando a Operação começou a esbarrar mais frequentemente em tucanos e peemedebistas (exceção do defenestrado Eduardo Cunha), o vento começou a mudar.

Dentro desse processo, chama a atenção o respeitoso silêncio daqueles que vestiram camisas da seleção brasileira e bateram panelas contra a presidente Dilma Rousseff. Agora, diante dos sucessivos atos de assalto explícito aos cofres do país praticados pela quadrilha que se instalou no poder e dos ataques à outrora inabalável Lava Jato, movimentos contra a corrupção desapareceram. Neste caso, quem cala não consente; apoia.

 

Ostentação

A Porsche Design Tower, de 60 andares, é o projeto do momento em Miami. O que chama mais a atenção são os três elevadores de US$ 40 milhões que levam os carros aos apartamentos e os deixam nas salas de estar dos moradores. Os apartamentos variam de 443 m² a 880 m², além de coberturas com 1.350 m². Há unidades por mais de US$ 30 milhões. Ainda não há compradores brasileiros, mas os corretores têm expectativas de vender algumas unidades aqui.

 

PPP

A coluna comentou sobre a difícil separação entre o candidato João Doria Jr. e o prefeito. Na farta distribuição de ovos, fornecidos por uma empresa privada, pelas equipes da prefeitura, este limite está ainda mais tênue.

A ação foi uma resposta de Dória à ovada de que foi alvo em Salvador, em um evento que guarda relação nenhuma com São Paulo e total com a campanha do prefeito para ser candidato a presidente. Assim, mobilizar a estrutura pública, com apoio financeiro de uma empresa privada (que recebeu em troca farta e gratuita divulgação), parece transgredir regras escritas e não escritas. No limite, é uma forma de campanha antecipada, com contribuição de pessoa jurídica – ambas proibidas por lei.

 

Se a vida te der um ovo

A reação de Doria Jr. à ovada foi um tanto óbvia, mas nem por isso ineficaz. Porém, ficou um certo ar de coxinha, menino mimado que, maltratado pela turma da rua, foi pedir ajuda à mamãe.

 

Batom

O mercado brasileiro está entre os cinco maiores na área de higiene e cosméticos, e é um dos campeões em impostos: a carga tributária é de 60%. É o segundo maior setor em termos de lançamento de produtos, atrás apenas de eletrodomésticos.

 

Cigarro de luxo

O grupo Oncoclínicas lançou uma calculadora virtual que compara os custos do fumo com a aquisição de diversos bens. O consumo diário de um maço de cigarros, com preço médio de R$ 6, significa ao final do mês um gasto de R$ 180. Ao longo de 15 anos, seria possível realizar quatro viagens à Europa, com todas as despesas para duas pessoas, ou ainda adquirir um carro de luxo.

A calculadora está em www.eseeuparardefumar.com.br, onde os interessados têm acesso a conteúdos que traçam a cronologia de respostas positivas do organismo quando há a interrupção do vício.

 

Briga de padrinhos

O fim de semana foi agitado na Eletrobras, e não foi por causa da ameaça de privatização. Três diretores chegaram a ser dados como afastados, o que reforçaria o poder do presidente, Wilson Ferreira Junior. Mas o vento virou, e os três seguem nos seus cargos.

 

Rápidas

A Fiesp realiza o seminário Modernização Trabalhista nesta quarta-feira, com a presença do deputado federal Rogério Marinho (PSDB-RN), relator do projeto que virou a nova lei, e juízes do Trabalho. Detalhes em www.fiesp.com.br/agenda/seminario-modernizacao-trabalhista/ *** O Caxias Shopping (RJ) recebe neste domingo, às 17h, a Orquestra Petrobras Sinfônica (Opes). A programação inclui sucessos populares de Tom Jobim e clássicos de Villa-Lobos *** O Mercado do Vinho acontecerá nos dias 1, 2 e 3 no Carioca Shopping, das 15h às 21h. Haverá degustações de vinhos nacionais e importados *** O BID, em parceria com BNDES e apoio da FGV-Ebape, realiza em 31 de agosto, no Rio, o seminário Infrainvest – Infraestrutura Sustentável para o Brasil. Entre os participantes estarão o ministro do Planejamento, Dyogo Oliveira, o presidente do BNDES, Paulo Rabello de Castro, e o vice-presidente de Países do BID, Alexandre Meira Rosa.

Artigo anteriorVolta às trevas
Próximo artigoBB na mira
Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

Artigos Relacionados

É a saúde (além da economia), estúpido!

Vacinação e estímulos à economia andam juntos; Brasil fica para trás em ambos.

Cortes poupam petroleiras e ‘bolsa refrigerante’

Para liberar auxílio emergencial, governo prejudica setores essenciais.

Inflação e PIB expõem falácia do Teto dos Gastos

‘Faz sentido?’, pergunta Paulo Rabello. ‘Claro que não’.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

Lula livre. Até quando?

Jurista: Necessidade de proteger Moro e os procuradores da Lava Jato.

Produtividade na indústria cai com menor produção na pandemia

Para 2021, as perspectivas são melhores, em razão do início da vacinação da população.

Demanda por bens industriais cresceu 0,6% em janeiro

Ipea apontou avanço de 6,6% no trimestre móvel encerrado no primeiro mês de 2021.

Aumenta consumo de pornô por público feminino

Relatório de site de entretenimento adulto revela que 39% do acessos são de mulheres.

Abertura de empresas tem alta de 13,4% em novembro

Segundo Serasa, sociedades limitadas impulsionaram índice; comércio teve alta estimulada por Black Friday e festas de fim de ano.