Operações aéreas podem ser suspensas na Síria

Internacional / 08:01 - 28 de jul de 2016

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor

Os EUA propuseram ao governo da Rússia suspender as operações aéreas na Síria por uma semana para separar os grupos da oposição moderada de terroristas que se infiltram, informou nesta quinta o jornal "Izvestia". "Durante as negociações realizadas na semana passada em Moscou entre o chanceler russo, Sergei Lavrov, e secretário de Estado norte-americano, John Kerry, e durante a reunião ministerial bilateral realizada no último dia 26 de julho, a delegação dos Estados Unidos propôs introduzir um regime de silêncio para separar a oposição dos terroristas", divulgou o jornal, citando uma fonte envolvida nas negociações. A Síria vive desde 2011 em estado da guerra permanente e, segundo os dados da Organização das Nações Unidas, já perdeu mais de 230 mil pessoas. As tropas do governo sírio combatem vários grupos rebeldes e organizações militares, bem como grupos terroristas, inclusive o Estado Islâmico e a Frente al-Nusra. Presidente anistia militantes - O presidente da Síria, Bashar al-Assad, decretou hoje anistia a militantes contrários ao governo. A medida se aplica aos que baixaram suas armas. A informação foi divulgada pela agência de notícias Sputnik. A Síria vive em crise desde 2011 e em estado de guerra permanente. As tropas governamentais combatem vários grupos terroristas e organizações militares, inclusive o Estado Islâmico e a Frente al-Nusra Com informações da Agência Brasil, citando a Sputnik

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor