Oportunidade

     
          Após lembrar, em artigo num “jornalão” de São Paulo, que nos últimos 12 meses encerrados em outubro a despesa com juros chegou ao recorde de R$ 232 bilhões – valor 16 vezes maior que o investimento no Bolsa Família – o economista Amir Khair, secretário de Finanças da prefeitura paulistana no Governo Marta Suplicy, disse a esta coluna que o país não tem outro caminho a não ser baixar a taxa básica de juros (Selic): “Uma retomada da economia através do crédito, como o governo fez em 2008, faria as importações dispararem, agravando o déficit externo e a desindustrialização, por causa do câmbio valorizado. Mas baixando a Selic o câmbio melhora”, disse, acrescentando que também as despesas do governo cairiam com juros menores. “E a Selic não altera a inflação”, lembra.

Fatos e dados
A Associação Nacional de Jornais (ANJ) divulgou nota em que repudia decisão do Ministério do Trabalho de divulgar as perguntas que lhe são enviadas pelos repórteres, juntamente com suas respectivas respostas, antes de veiculadas nos meios de comunicação as reportagens às quais se referem: “É evidente o propósito do ministério de constranger o livre exercício do jornalismo, tornando público o conteúdo do trabalho que é feito de forma individual e exclusiva pelos repórteres.”
Iniciativa semelhante da Petrobras – porém só divulgada após a publicação das reportagens – contribuiu para tornar, digamos, menos ideológica a cobertura que uma parte da imprensa faz.

Isonomia
Jornalista não deve participar de tiroteio entre polícia e bandido, mas, no caso de insistirem em se expor a tal risco, esta coluna aconselha todos coleguinhas que o façam a usarem a mesma blindagem 6.0 que mantém o governador do Rio, Sérgio Cabral (PMDB), a salvo de qualquer crítica de grande parte da imprensa carioca.

Meu garoto
A propósito, um leitor desta coluna especula como seria a abertura do Jornal Nacional, de quinta-feira, se num governo Garotinho ou Brizola, a Polícia Federal prendesse policiais civis e militares escoltando bandidos que fugiam da Rocinha, antes do exaustivo anúncio pela Secretaria estadual de Segurança da ocupação da favela.

Gincana
No feriado do dia 15, a Semana Global do Empreendedorismo – movimento que acontece simultaneamente em cerca de 100 países, entre 14 e 20 de novembro – traz para o Rio de Janeiro uma série de atividades visando a auxiliar os empreendedores na criação e na administração de negócios sustentáveis e competitivos. Um dos destaques do evento será a gincana Faça a Pergunta Certa!, na qual, por um jogo online, os participantes terão de desvendar uma charada, concorrendo a cursos e consultoria do Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis (Sescon-RJ). Mais informações em www.semanaglobal.org.br.

Feriado
O site da Jucerja estará em manutenção das 14h do dia 12 até as 14h do dia 15. Os serviços afetados são: Extranet, Tabela de preços, Consulta a processos, Certidão online, Busca prévia, Geração de boletos bancários, Regin, Consulta a Tradutores e leiloeiros e Estatísticas.

Advogados
A Associação Internacional dos Jovens Advogados (Aija) realizará, de 16 a 19, Conferência em São Paulo, no Hotel Renaissance. Paralelamente ao evento, haverá os seminários Legal Challenges and Creative Solutions of the Organization of Major Events e Corruption: a roadmap to get rid of problems. As inscrições podem ser realizadas pelo site  www.aija.org/modules/events/index.php?&id=298&sel_lang=em
     
     

Artigo anteriorComo farsa
Próximo artigoChamem o agiota
Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

Artigos Relacionados

Juntar 2 meses e meio de auxílio para comprar cesta básica

Não só a pandemia, mas inflação é ameaça às pretensões de Bolsonaro.

Se mirar Nordeste, Bolsonaro atingirá o próprio pé

Região tem menor média de casos e óbitos causados pela Covid.

Neodefensores do trabalhador ignoraram crise

Desemprego já era estratosférico em 2019, e apoiadores de Guedes nem ligavam.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

Campos marítimos do pós-sal estão em decadência

Os campos marítimos do pós-sal já produziram cerca de 16 bilhões de barris de óleo equivalente ao longo de sua história, ou seja, 63%...

Motoboys protestam em São Paulo

Entregadores tomaram ruas de São Paulo contra baixa remuneração e péssimas condições de trabalho

BC altera norma para segunda fase do open banking

Medida complementa regulamentação que estabelece requisitos técnicos de fase que vai permitir compartilhamento de dados e transações de clientes.

Confiança do consumidor medida por Michigan ficou abaixo do esperado

Índice registrou leitura de 86,5 na prévia de abril e o esperado era 89.

Escolha de conselheiros da ANPD preocupa por conflito de interesses

Entre os indicados há diretores e encarregados de dados pessoais de grandes empresas da internet.